fbpx

quinta, 30 de junho de 2022

Wilson afirma que luta continua para reverter danos à Zona Franca de Manaus

Antes de ingressar com ações no STF contra decretos federais, Wilson reuniu com Bolsonaro, e o presidenteu não cumpriu a promessa de rever os danos à Zona Franca de Manaus.

24 de maio de 2022

Compartilhe

O governador do Amazonas, Wilson Lima (à esquerda), e o presidente Bolsonaro (à direita) (Fotos: Divulgação e Reprodução)

Após a decisão da Advocacia Geral da União (AGU) de ingressar com recurso no Supremo Tribunal Federal (STF) para revogar proibição de decretos de redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), o governador do Amazonas, Wilson Lima (União Brasil), disse, nesta terça-feira (24), que vai continuar lutando pelo principal modelo econômico do Amazonas: a Zona Franca de Manaus (ZFM).

“A gente vai continuar brigando. A gente vai continuar lutando. Eu já falei repito: nós não temos nenhum modelo a curto e médio prazo para substituir a Zona Franca de Manaus. Do jeito que estão os decretos publicados, isso causa um dano muito grande ao Estado do Amazonas. As empresas perdem a competitividade e a minha preocupação maior é com a geração de emprego e renda”, declarou o governador.

O governador do Amazonas participou de dois encontros em Brasília com o presidente Bolsonaro (PL) para tratar sobre os impactos da redução do IPI sobre os produtos fabricados na ZFM.

Em ambas as ocasiões, o governador saiu esperançoso com a promessa de que Bolsonaro iria reeditar o decreto de redução de 35% do IPI excluindo da lista produtos fabricados no Polo Industrial de Manaus (PIM). Porém, após as tratativas, mais um decreto foi publicado pelo Governo Federal zerando o IPI sobre o Polo de Concentrados.

Até o momento, o STF recebeu sete Ações Diretas de Inconstitucionalidade (Adins) contra os decretos de redução do IPI. Todas serão incorporadas a ação ingressada pelo Partido Solidariedade, por intermédio da bancada federal do Amazonas no Congresso Nacional.

Texto: Isac Sharlon

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

‘Wilson Lima tem habilidade e é um dos favoritos da eleição’ , diz Hissa

Pré-candidato pelo Avante, Hissa Abraão afirmar que vai lutar pela Reforma Tributária e pela revisão dos impostos para que a classe média pague menos que os mais ricos.

30 de junho de 2022

‘Mesmo sob ditadura camuflada, golpe não virá’, avalia um dos criadores do PT

Foragido político por 15 anos, Carlos Augusto, para muitos Raimundo Cardoso viveu escondido em Manaus; integrou o PCdoB na década de 70 e está no PT há 43 anos.

30 de junho de 2022

Governo suspende publicações em redes sociais até o fim da eleição

Medida atende vedação prevista na legislação eleitoral que visa dar igualdade de disputa na corrida eleitoral minimizando o peso da máquina pública na eleição.

30 de junho de 2022

Federação PT, PV e PCdoB confirma pré-candidatos em 1º de agosto

O presidente estadual do PCdoB no Amazonas já definiu os nomes que vão ocupar as oito vagas da sigla na federação, sendo seis para Aleam e dois para a Câmara Federal.

30 de junho de 2022

Valdemir Santana ‘sonha’ com Lula no palanque de Ricardo Nicolau

Como motivos, o presidente municipal do PT destacou o apoio do Solidariedade, de Nicolau, em defesa da ZFM e a atuação da família do deputado no combate à Covid-19.

30 de junho de 2022

Maioria dos pré-candidatos ignora Dia do Orgulho LGBTQIA+ na Internet

Quase todos são pré-candidatos de partidos da esquerda, que devem disputar as eleições deste ano no Amazonas, lembraram da data e fizeram menções nas redes sociais.

30 de junho de 2022

Senado pode votar PEC sobre preço dos combustíveis nesta quarta-feira

Senado pode votar ainda nesta quarta-feira (29) uma proposta de emenda constitucional (PEC) com um pacote com cinco medidas para diminuir os impactos gerados pela alta.

29 de junho de 2022

Substituta de Damares, ministra da Mulher recebe título de Cidadã do AM

Ministra de Bolsonaro, Cristiane Britto cumpre agenda de governo em alguns municípios do Amazonas, incluindo a capital Manaus – onde receberá título de cidadã amazonense.

29 de junho de 2022