fbpx

terça, 15 de junho de 2021

CPI da Covid: Calheiros troca placa nominal por número de mortos na pandemia

A provocação ao governo Jair Bolsonaro (sem partido) ocorre um dia após Renan, que é relator da Comissão, afirmar que "o Brasil virou cemitério do mundo".

12 de maio de 2021

Compartilhe

Senador Renan Calheiros trocou seu nome pelo número de mortos por covid na bancada da CPI (Foto: Reprodução)

No dia do depoimento do ex-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (Secom), Fabio Wajngarten, o relator da CPI da Covid, senador Renan Calheiros (MDB-AL) trocou a placa com seu nome na bancada da comissão pelo número de mortos por Covid-19 até hoje (12): 425.711.

A provocação ao governo Jair Bolsonaro (sem partido) ocorre um dia após Renan afirmar que “o Brasil virou cemitério do mundo” e que “o fato de terem transformado o Brasil nisso não ficará impune”.

O país conta com o segundo maior número de mortos até agora por consequências do coronavírus, apenas atrás dos Estados Unidos. Na CPI, o senador tem sido uma dor de cabeça para o presidente.

Bolsonaro e os mortos na pandemia

Em janeiro deste ano, ao tratar de mortes pela doença, Bolsonaro afirmou que “muito laudos são forçados, dados como se Covid fossem, na verdade, nós sabemos que não é”. O esforço de contabilidade paralelo da imprensa nasceu, em junho do ano passado, no momento em que o Governo Federal reduziu a transparência sobre os dados de óbitos causados pela doença.

No dia 22 de março de 2020, Bolsonaro previu que o número de óbitos causados pela Covid-19 seria em torno de 800 pessoas. Esse número é 532 vezes menos que o número de óbitos registrados até esta terça (11).

Da Redação, com informações do UOL

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Braga ‘esquece’ que defendeu abertura do comércio em dezembro

Crítico da gestão de Wilson Lima (PSC) e em busca da cadeira de governo do Estado, o senador Eduardo Braga (MDB) chegou a afirmar que não era "hora de fechar o comércio".

15 de junho de 2021

Para comprometer Wilson, Braga flerta com governistas na CPI da Covid

Essa e outras notícias na coluna TEMPO REAL do portal RealTime1: Informação com credibilidade sobre política e os últimos acontecimentos do Amazonas.

15 de junho de 2021

Governo Federal não atendeu as demandas do Amazonas, diz ex-secretário

Em depoimento na Comissão Parlamentar de Inquérito, ex-secretário de Saúde do Amazonas, Marcellus Campêlo considerou que socorro a Manaus não foi o adequado e nem o esperado.

15 de junho de 2021

Marcelo Serafim pede que FVS-AM inclua grupo de 12 a 17 anos na vacinação

Órgão de vigilância em saúde explicou que é responsável pela distribuição das vacinas contra Covid no Estado e que é o Ministério da Saúde quem define os grupos prioritários.

15 de junho de 2021

Mayra recomendou tratamento precoce em Manaus, diz Campêlo à CPI

Apesar da recomendação, o ex-secretário informou à CPI da Covid que o governo jamais usou essa estratégia para conter o avanço da doença e a explosão de casos em Manaus.

15 de junho de 2021

Versão reforçada: crise de oxigênio em Manaus durou apenas 2 dias

Tese defendida pelo ex-ministro Eduardo Pazuello e pelo ex-secretário-executivo Élcio Franco sobre o desabastecimento de oxigênio em Manaus foi repetida por Marcellus.

15 de junho de 2021

Nunes Marques suspende quebra de sigilo de Élcio Franco na CPI

Nunes Marques suspendeu quebra de sigilo do ex-secretário-executivo do Ministério da Saúde Elcio Franco e de Helio Angotti, secretário de Ciência e Tecnologia da pasta.

15 de junho de 2021

Processo de Waldívia Alencar, ex-Seinfra, e mais 31, serão julgados no TCE

Entre as contas a serem apreciadas pelo Tribunal de Contas, também está a do ex-diretor da Suhab, Diego Afonso, referente ao exercício no ano de 2018.

15 de junho de 2021