fbpx

sexta, 28 de janeiro de 2022

David Almeida critica não vacinados e mantém Réveillon na Ponta Negra

'É só no Réveillon que se pega covid?'. Foi com esse questionamento que o prefeito respondeu aos jornalistas sobre o cancelamento da festa; veredito final sai terça-feira.

3 de dezembro de 2021

Compartilhe

O Centro Integrado Municipal de Educação inaugurado hoje leva o nome da mulher do prefeito, que faleceu há dois anos, vítima de um câncer (Foto: Divulgação)

O prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), pelo menos por enquanto, mantém a realização do Réveillon na Ponta Negra. No entanto, o gestor municipal disse que vai esperar até a próxima terça-feira (7) para dar um veredito sobre o cancelamento – ou não – da festividade que anuncia a chegada de 2022.

Questionado pelo RealTime1 sobre a manutenção da festa de final de ano durante a inauguração de um Centro Integrado Municipal de Educação, no Novo Aleixo, o prefeito defendeu a realização do evento.

“É só no Réveillon que se pega Covid?”, indagou o prefeito.

David disse ainda que vai reunir, na próxima segunda-feira (6), com a secretária municipal de Saúde e com a Vigilância para decidir se, na terça-feira, o cancelamento será anunciado.

“Em novembro, tivemos 21 dias sem sepultamentos. Se a lógica vale para o Réveillon, deveria valer para outros eventos. Semana passada teve um show para 20 mil pessoas e ninguém fala nada”, completou David.

O prefeito disse que, hoje, “o mundo vive uma pandemia de não vacinados”, chagando a falar na possibilidade de se fazer uma espécie de lockdown para quem não tomou nenhuma dose da vacina contra a covid.

“Estamos sendo vítimas de quem não quer se vacinar. Um grande percentual de quem está internado por Covid são pessoas que não se vacinaram”, destacou.

Ontem, o município de Manacapuru, que integra a Região Metropolitana de Manaus, decidiu cancelar a festa de Réveillon. Por aqui, vereadores ligados a base do prefeito na Câmara Municipal de Manaus (CMM) também defendem o cancelamento do evento caso os números de notificações da doença aumentem.

Texto: Jefferson Ramos

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

PT entra com ação no STF por ampliação de prazo para federações

O PT entende que o prazo previsto na Lei para a formação das federações é muito curto e pede que seja estendido pelo STF pelo menos até maio deste ano, ou até agosto.

28 de janeiro de 2022

Bolsonaristas apelam para reajuste de professores para cativar votos

Reajuste de 33,24% concedido pelo presidente Jair Bolsonaro ignorou técnico do Ministério do Educação e não considerou a pressão nas contas dos governadores e prefeitos.

28 de janeiro de 2022

Pré-candidato a deputado federal, Saullo Vianna caminha com Wilson e David

À TV RealTime1, o deputado revelou os planos dele para disputar uma vaga na Câmara Federal, bastidores da política local e quem está na frente na corrida presidencial no AM.

28 de janeiro de 2022

Bolsonaro avalia com AGU se vai ou não prestar depoimento à PF

O ministro Bruno Bianco analisa os precedentes que podem ser aplicados a Bolsonaro para tentar minimizar o desgaste que poderia sofrer ao prestar depoimento.

28 de janeiro de 2022

Justiça do Distrito Federal arquiva caso do tríplex contra Lula

O MPF afirma que os crimes imputados ao ex-presidente Lula prescreveram. O petista tem 76 anos e, mesmo se condenado, a pena estaria prescrita até que pudesse ser cumprida.

28 de janeiro de 2022

MPAM investiga licitação de fornecimento de gás ao Hospital de Coari

Para o MPAM, valor da compra do gás de cozinha (GLP), de R$ 71 mil ultrapassa o limite máximo de dispensa de licitação que, no ano de 2019, era de R$ 17,6 mil.

28 de janeiro de 2022

Trabalho em regime híbrido é prorrogado até o dia 7 de fevereiro no TCE

A decisão também prorroga, automaticamente, até o dia 7 de fevereiro o regime de home office para todos os servidores acima dos 60 anos de idade e imunossuprimidos.

28 de janeiro de 2022

David Reis libera mais de R$ 2,5 milhões em cinco licitações da CMM

O presidente da Câmara Municipal de Manaus, vereador David Reis, tem surpreendido com licitações bastante específicas, sem se preocupar com as críticas da opinião pública.

28 de janeiro de 2022