fbpx

sexta, 22 de outubro de 2021

Partida entre Brasil e Uruguai só para vacinados, diz Wilson Lima

Partida está marcada para o dia 14 de outubro e só as pessoas vacinadas contra a Covid-19 poderão ter acesso ao jogo; informações sobre venda de ingressos ficarão com a CBF.

22 de setembro de 2021

Compartilhe

Wilson anunciou que Estado dará estrutura usada na Copa de 2014 (Foto: Divulgação)

Na manhã desta quarta-feira (22), o governador Wilson Lima (PSC) falou à imprensa como será a organização para o jogo pelas eliminatórias da Copa do Mundo, onde se enfrentarão Brasil e Uruguai na Arena da Amazônia. A partida está marcada para o dia 14 de outubro e só as pessoas vacinadas contra a Covid-19 poderão ter acesso ao jogo.

“Eu tive reuniões esses dias com a CBF [Confederação Brasileira de Futebol] para a gente acertar os detalhes. Nós vamos ter uma estrutura de segurança pública, sanitária e de trânsito. Estamos estudando colocar quatro entradas na Arena para evitar aglomerações”, anunciou o governador, destacando que todas as trativas acerca do evento esportivo estão “avançadas”.

O governador explicou ainda que evento terá a permissão para ocupar 30% das arquibancadas, o que chega a aproximadamente 12 mil pessoas. Wilson destacou que, deste quantitativo, o público será dividido entre oito mil pagantes e quatro mil convidados do Governo do Estado e CBF, além de homenageados.

“Essa é a primeiro jogo da eliminatório disputado pela Seleção Brasileira que terá públic, portanto é muito significativo para o Amazonas, porque todos sabem o que passamos no pico da pandemia, além de servir de parâmetro para a realização de outros eventos”, disse Wilson Lima.

Exigência e ingressos

O governador Wilson Lima frisou que quem for participar do evento, precisa, necessariamente, ter tomado as duas doses da vacina contra Covid-19 ou a dose única, no caso da vacina Janssen. Ele também explicou que, por se tratar de um evento particular, todas as informações sobre venda de ingressos serão divulgadas pela CBF.

O governador garantiu que o Estado dará estrutura de segurança, sanitária e de trânsito para a realização da partida na Arena da Amazônia.

“Vamos trabalhar em parceria com a Prefeitura e o Governo Federal, inclusive com a presença do Exército. Usaremos a estrutura da Copa do Mundo, com a interdição de todo o entorno da Arena”, contou Wilson.

Texto: João Luiz Onety e Rosianne Couto

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Após manobra para Auxílio de R$ 400, secretários de Guedes pedem demissão

A decisão ocorre no mesmo dia em que o governo definiu um acordo para rever a regra do teto de gastos em busca de garantir o Auxílio Brasil de R$ 400.

21 de outubro de 2021

Presidente do Senado quer mediar reunião entre estados e Petrobras

Os governadores reclamam que a matéria, que agora precisa passar pela análise do Senado, implica na perda de R$ 24,1 bilhões em arrecadação apenas para os estados.

21 de outubro de 2021

Militares perdem ação no TJAM e vão ter de pagar mais pela previdência

ADIN apresentada pela Associação dos Subtenentes e Sargentos da Polícia e Bombeiros questionava lei que estabelece novas alíquotas de contribuição deles para a previdência.

21 de outubro de 2021

Confira: relatório da CPI não ficou só nas sugestões de indiciamentos

Além do indiciamento de 66 pessoas e duas empresas, relatório de Renan Calheiros propõe 15 projetos de lei, um projeto de lei complementar e uma PEC.

21 de outubro de 2021

Senado avalia projeto que destina 10% das vagas no Sine às mulheres violentadas

Pesquisa encomendada pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública revelou que, em 2020, uma em cada 4 mulheres acima de 16 anos afirmou ter sofrido algum tipo de violência.

21 de outubro de 2021

Semmas seguirá com baixo orçamento pelos próximos quatro anos

Plano Plurianual em análise na Câmara prevê que pasta do Meio Ambiente receberá em média, de 2022 a 2025, somente R$ 17,1 milhões, o menor orçamento dentre as secretárias.

21 de outubro de 2021

Último lugar em transparência do MPC, Aleam quer ‘ensinar’ Câmaras

Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) vai promover Fórum Estadual das Casas Legislativas do interior mesmo estando em último lugar em ranking de transparência do MPC.

21 de outubro de 2021

5 de dezembro: coarienses definirão quem vai controlar 2º maior orçamento do AM

Eleição suplementar em Coari vai escolher quem comandará o segundo maior orçamento do estado. Adail Filho aposta no nome do primo para sua sucessão.

21 de outubro de 2021