fbpx

sábado, 24 de julho de 2021

OAB fará sessão extraordinária para discutir impeachment de Bolsonaro

Para Felipe Santa Cruz, os fatos já desvendados na CPI da Covid, feita no Senado, torna impossível adiar o debate sobre a possível apresentação do pedido contra o presidente.

1 de julho de 2021

Compartilhe

Convocação é marcada para a manhã do dia 20 de julho (Foto: Divulgação)

O presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, enviou hoje (1º) aos 81 membros do Conselho Nacional do órgão a convocação de uma sessão extraordinária, para o próximo dia 20, com o objetivo de discutir o a abertura de processo de impeachment contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

“Os fatos recentes, desvendados pela CPI no Senado, colocam ainda mais luz sobre a responsabilidade clara do governo federal com relação à tragédia que vivemos. Nosso direito constitucional básico – o direito à vida – está sob séria ameaça. Portanto, não é mais possível adiar o debate sobre a possível apresentação, por parte de nossa entidade, do pedido de impeachment do presidente”, afirma o presidente da OAB na convocação.

Santa Cruz cita as quase 520 mil vidas perdidas no Brasil para a covid-19 e argumenta que a OAB nunca se furtou à defesa da vida e da democracia. “Estou certo de que esses princípios guiarão nosso debate, que deve se dar em clima de serenidade e respeito ao direito de defesa, sobre mais esse momento grave em que o Brasil exige, novamente, o posicionamento da Ordem”, diz.

Leia a íntegra da convocação:

Prezadas conselheiras, prezados conselheiros,

O Brasil vive uma grande tragédia humanitária, com quase 520 mil óbitos na terrível pandemia
que enfrentamos. Nos dedicamos, em boa parte da nossa gestão, a lutar pelas garantias
constitucionais frequentemente ameaçadas e desrespeitadas nesse período. Chegamos a
enviar, para análise do Procurador Geral da República, uma notícia crime sobre possíveis
crimes cometidos pelo presidente da República, tanto em ações quanto em omissões durante
a pandemia.

Um extenso e bem fundamentado parecer de uma comissão composta por alguns dos maiores
juristas do país forneceu a esse Conselho Federal a análise jurídica que aponta para
cometimento de crimes pelo presidente da República, indicando elementos para que a OAB
pudesse, inclusive, apresentar pedido de impeachment do presidente por crime de
responsabilidade.

Os fatos recentes, desvendados pela CPI no Senado, colocam ainda mais luz sobre a
responsabilidade clara do governo federal com relação à tragédia que vivemos. Nosso direito
constitucional básico – o direito à vida – está sob séria ameaça. Portanto, não é mais possível
adiar o debate sobre a possível apresentação, por parte de nossa entidade, do pedido de
impeachment do presidente.

Nunca nos furtamos à defesa da vida e da democracia. Está na razão de ser da OAB e na
melhor tradição da advocacia a coragem para lutar pelo Estado Democrático de Direito, pelos
direitos humanos e pelo devido processo legal. Estou certo de que esses princípios guiarão
nosso debate, que deve se dar em clima de serenidade e respeito ao direito de defesa, sobre
mais esse momento grave em que o Brasil exige, novamente, o posicionamento da Ordem.

Fica, assim, convocada reunião extraordinária do Conselho Federal da Ordem dos Advogados
do Brasil para o dia 20 de julho, às 9 horas, com a pauta exclusiva de debate sobre a proposta
de apresentação do pedido de impeachment do presidente da República.

Brasília, 1º de julho de 2021

Felipe Santa Cruz
Presidente

Do Congresso em Foco

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Voto impresso pode gerar ‘mapismo’ e fraudes, defende Carlos Velloso

Ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal, Carlos Velloso, afirma que urna eletrônica é utilizada há 25 anos sem indícios de fraudes.

24 de julho de 2021

No Educa+Amazonas, Wilson vai pagar 14º e 15º salários à educação

O investimento previsto é de R$ 12,1 milhões investidos nos 14º e 15º salários e em premiações a servidores da educação.

24 de julho de 2021

CPI atuou ’em todas as angústias do povo brasileiro’ avalia Confúcio

Senador Confúcio Moura (MDB-RO), avaliou como positiva a atuação do colegiado no primeiro semestre de 2021 e demonstrou otimismo quanto a atuação para o segundo semestre.

24 de julho de 2021

Bancada gastou R$ 5,2 milhões com verba de gabinete em Brasília

Verba é destinada para a contratação de funcionários diretamente por cada um dos deputados do Amazonas em Brasília ou em escritórios montados no Estado.

24 de julho de 2021

Aleam concede 28 autorizações de viagens no recesso parlamentar

Após o início do recesso parlamentar a Aleam autorizou o pagamento de viagens e diárias para servidores da Casa. Destinos no Sul e Sudeste e Tabatinga foram os preferidos.

23 de julho de 2021

Luis Miranda chora após fim da parceria entre Precisa e Bharat Biotech

Chorando, o deputado Luis Miranda questionou ser chacota dos colegas e estar no conselho de Ética após depoimento à CPI da Covid-19.

23 de julho de 2021

David prorroga ‘Auxílio Manauara’ e amplia para outras 410 famílias

A prorrogação do auxílio será por mais três meses e foi anunciada nesta sexta-feira (23) pelo prefeito de Manaus, David Almeida. Benefício vai comtemplar mais 410 famílias.

23 de julho de 2021

Bi Garcia confirma propostas para ser candidato a vice-governador

Embora esteja focado na administração municipal, o prefeito de Parintins, Bi Garcia, disse que tem avaliado propostas para compor uma chapa como vice-governador nas eleições.

23 de julho de 2021