fbpx

sexta, 24 de setembro de 2021

Novo código eleitoral favorece participação feminina na política

Um dos destaques é o peso 2 dado para candidatas, algo que garantiria uma porcentagem maior do Fundo Eleitoral. Outro ponto será o sistema de reserva de cadeiras.

10 de setembro de 2021

Compartilhe

Mulheres buscam maior porcentagem de vagas nas eleições, mas antes terão de negociar nas duas casas do Congresso (Foto: Reprodução)

O texto-base do novo código eleitoral, aprovado na Câmara Federal, trouxe mudanças que podem estimular a participação das mulheres na política, mas apesar disso a bancada feminina está articulando a manutenção dessas mudanças, pois algumas podem ser alteradas na votação dos chamados destaques, quando os parlamentares analisam ponto a ponto artigos específicos

Um dos destaques que será analisado ainda estabelece peso 2 para candidatos negros e mulheres, algo que garantiria uma porcentagem maior do Fundo Eleitoral. Outro é sobre o sistema de reserva de cadeiras para candidatas mulheres no parlamento.

A ex-senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB), potencial candidata à Câmara Federal em 2022, declarou ao RealTime1 que por conta da esmagadora maioria do parlamento ser composta por homens, a resistência para a aprovação de alguns dispositivos acaba sofrendo alguns entraves.

”Não houve um acordo. Ainda estamos em negociação. Lamentavelmente, a maioria lá é homem. Eles querem propor uma cota de candidatura para 10% das vagas, só que nós [mulheres] já temos 15%. Como é que vamos começar com 10?”, indaga.

Atualmente, 30% das vagas do parlamento são obrigatoriamente destinadas a mulheres, é a chamada cota de candidatura. Enquanto a reserva de cadeiras, conforme com o projeto, será aplicada a partir de 2022, de acordo com seguinte escalonamento: 18% nas eleições de 2022 e 2024, 20% nas eleições de 2026 e 2028, 22% nas eleições de 2030 e 2032, 26% nas eleições de 2034 e 2036, 30% nas eleições de 2038 e 2040.

Grazziotin frisou que a intenção é subir para os 30% não em cinco pleitos, mas nas próximas três eleições mantendo a forma escalonada.

Após a votação dos destaques, o texto do novo código seguirá para o Senado. Para vigorar nas eleições de 2022, precisa ser aprovado no Senado e ser sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) até o início de outubro.

Texto: João Luiz Onety

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Justiça nega recurso de David Reis contra liminar que suspendeu ‘puxadinho’

David havia entrado com recurso no TJAM sustentando que o procedimento de licitação para construção do puxadinho tem obedecido todas as formalidades legais.

24 de setembro de 2021

Reforma Eleitoral contempla negritude no Brasil, avalia Instituto Afro

Mulheres e pessoas negras eleitas terão peso em dobro para partidos no fundo eleitoral de 2022 a 2030, conforme PEC da Reforma Eleitoral aprovada esta semana pelo Senado.

24 de setembro de 2021

Wilson reúne com Governo Federal sobre audiências públicas da BR-319

As audiências são o momento em que a população tem a oportunidade de conhecer o empreendimento e apresentar as dúvidas e opiniões sobre as obras na BR-319.

24 de setembro de 2021

Guarda Municipal terá granadas e aspersores de gás de pimenta

Casa Militar autorizou a compra, sem licitação, de um lote de granadas de gás lacrimogêneo e aspersores de gás de pimenta para equipar a Guarda Municipal de Manaus.

24 de setembro de 2021

Aleam faz caridade com parte do salário dos servidores

Servidores que aderirem ao Programa Assembleia Participativa terão que contribuir com pelo menos 1% do salário mínimo. Aleam informa que todos podem cancelar a adesão.

24 de setembro de 2021

TSE adia mais uma vez julgamento do último recurso de ‘Adailzinho’

Em março deste ano, a corte regional rejeitou recurso de Adail Filho e manteve a cassação. Se o TSE recusar o recurso dele, novas eleições serão realizadas em novembro.

24 de setembro de 2021

Wilson lança plano que amplia oferta de consultas e exames na rede estadual

Ampliação inicia pelo Hospital e Pronto-Socorro Delphina Aziz, com oferta de quase 98,5 mil exames e consultas por mês, nos projetos Consulta+ e Examina+, anunciados hoje.

24 de setembro de 2021

Omar revela intenção de encerrar trabalhos da CPI na próxima semana

Os trabalhos da CPI da Covid foram prorrogados até novembro, mas cúpula dirigente quer encerrar a investigação, no máximo, na primeira semana de outubro.

24 de setembro de 2021