fbpx

terça, 18 de janeiro de 2022

Marcelo Ramos anuncia saída do PL; entrada no PSD pode estar próxima

Com a chegada do presidente Jair Bolsonaro no PL, o vice-presidente da Câmara, Marcelo Ramos, divulgou carta de desfiliação. Fontes garantem que ele seguirá para o PSD.

7 de dezembro de 2021

Compartilhe

Deputado Marcelo Ramos em sessão no plenário da Câmara Federal (Foto: Reprodução)

O deputado federal Marcelo Ramos (PL) anunciou, nesta terça-feira (7), que entregou sua carta de desfiliação à direção nacional do seu partido, que é comandado por Valdemar Costa Neto. Fontes do RealTime1 garantem que já há uma conversa avançada entre o parlamentar e o PSD, do senador Omar Aziz.

Sobre o motivo da sua saída do PL, o deputado pelo Amazonas disse que, independente do mandato na Câmara dos Deputados, entende que Bolsonaro (PL) – recém-filiado ao Partido Liberal – não é o melhor para o futuro do país.

Questionado pela imprensa se a motivação poderia também estar vinculada ao posicionamento de Bolsonaro diante da votação do Fundo Eleitoral, Marcelo disse que aquele episódio “foi de menor importância”.

O que mais impactou – e motivou sua saída da sigla que agora abriga o presidente – foram os números da Covid-19 no país, de pessoas infectadas, de mortes pela doença, a alta da inflação e o desemprego. Tudo isso, segundo o deputado, é mais desleal do que o assunto em torno do Fundo Eleitoral.

Leia a carta, na íntegra, que Marcelo Ramos recebeu do PL

Para onde Marcelo vai?

Marcelo revelou que tem se aproximado ainda mais de lideranças partidárias, como o metalúrgico e sindicalista Paulinho da Força, presidente nacional do Solidariedade; e nomes conhecidos no Amazonas, como o do presidente do PDT, Hissa Abrahão; e o do deputado estadual Serafim Côrrea, presidente de honra do PSB.

“Todos os partidos, salvo o PL, PCO e o PSTU, qualquer partido que me chamar para conversar eu estarei disposto”, informou o deputado federal, destacando que, “o caminho natural é que sua candidatura seja em prol da reeleição na Câmara Federal”.

“O tempo vai dizer onde eu estarei. Só não estarei no palanque do Bolsonaro em 2022”, disparou Marcelo Ramos sobre a corrida presidencial.

No entanto, fontes do RealTime1 garantem que Marcelo Ramos deve desembarcar no PSD, partido liderado por Omar Aziz no Amazonas e que, como o deputado, tem forte posicionamento contra as ações do Governo Bolsonaro.

Ainda de acordo com estas fontes, já há uma articulação do deputado com o partido para que seu nome seja indicado para a eleição da próxima Mesa Diretora.

“Ele já está vendo além. Jogando para o futuro”, garante a fonte.

Texto: Isac Sharlon

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Aliança Lula e Alckmin está pavimentada para aliados, apesar de ruídos

Aliados acreditam que aliança entre Lula e Alckmin pode ser confirmada em fevereiro e que as divergências de pensamento estão sendo facilmente superadas em nome da campanha.

18 de janeiro de 2022

Wilson Lima garante reajuste de 9,9% a professores e pedagogos

Com sansão do governador do AM, Wilson Lima, professores e pedagogos vão poder receber, no salário de janeiro, o reajuste de 9,19%, referente às datas-base de 2020 e 2021.

18 de janeiro de 2022

Sancionada Lei de transformação digital dos serviços públicos no AM

Com a Lei sancionada, os órgãos vinculados, direta ou indiretamente, ao Estado terão que trabalhar na modernização da administração pública, com o sistema digital.

18 de janeiro de 2022

Servidores do TCE-AM passam por testagem em massa para Covid-19

Além da testagem em massa, o conselheiro-presidente já havia determinado que servidores com mais de 60 anos ficassem em regime de home office até o dia 31 de janeiro.

17 de janeiro de 2022

Senado trabalha para barrar ‘aumentos desenfreados’ dos combustíveis

Omar Aziz disse que, no Senado, há dois Projetos de Lei em tramitação que visam conter os aumentos do diesel e da gasolina. Petrobras reajustou os valores em 44% no ano 2021.

17 de janeiro de 2022

Formação do União Brasil segue paralisada e indefinida também no Amazonas

Após três meses da anunciada fusão entre PSL e DEM para a formação do União Brasil, futuro maior partido do País deu poucos passos com vistas a eleição no Amazonas.

17 de janeiro de 2022

CMM mantém regime híbrido e adota home office para servidor com +60

O informativo da Casa legislativa também destacou que o acesso do público externo será restrito. No entanto, não foi informado o quantitativo de pessoas que será liberado.

17 de janeiro de 2022

Após o fim da Covid, Brasil vai encarar ‘pandemia’ de miséria e fome

Desigualdade social cresceu no País ao longo da pandemia de Covid-19 e hoje a renda dos 20 mais ricos equivale a mesma de 60% da população, diz relatório de ong.

17 de janeiro de 2022