fbpx

sábado, 21 de maio de 2022

Guedes é esperado na Câmara dia 1º de junho para explicar redução de IPIs

Bosco Saraiva, Sidney Leite e Zé Ricardo entraram com requerimento solicitando a ida do ministro à Comissão de Desenvolvimento Econômico. Aprovação foi hoje.

4 de maio de 2022

Compartilhe

Reunião está prevista para iniciar às 9h do dia 1º de junho (Foto: Reprodução)

Os deputados Bosco Saraiva (Solidariedade), Sidney Leite (PSD) e Zé Ricardo (PT) tiveram seus requerimentos aprovados na reunião deliberativa na Comissão de Desenvolvimento, Econômico, Indústria, Comércio e Serviços (CDEICS) da Câmara Federal, realizada nesta quarta-feira (4). Com isso, o ministro da Economia, Paulo Guedes, deverá comparecer à comissão no dia 1º de junho para prestar esclarecimentos sobre as mudanças no Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) que afetam diretamente a competitividade da Zona Franca de Manaus (ZFM).

Os documentos pedem que Guedes esclareça o que motivou as mudanças publicadas nos decretos nº 10.979, de 25 de fevereiro de 2022, e do nº 11.047, de 14 de abril de 2022, que ferem de morte o modelo Zona Franca de Manaus (ZFM): um zera o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) de concentrados e o outro amplia a redução da alíquota deste mesmo imposto de 25% para 35%, sem excepcionalizar os produtos fabricados no Polo Industrial de Manaus.

Um dos requerimentos foi feito em conjunto, pelos deputados Bosco e Sidney. Outro, por Zé Ricardo. Após acordo entre os autores das propostas e a base do Governo Federal, que esteve na comissão para informar que o ministro está com Covid-19, os requerimentos de convocação foram convertidos por convite.

“De minha parte, não vejo nenhum problema. Nosso interesse é que ele compareça aqui. Porque já ouvi de colegas que, em outras ocasiões, ele não respeitou essa Casa, não vindo a esta comissão quando chamado”, disse Zé Ricardo.

Os deputados destacaram que, numa possível falta de Paulo Guedes, outro requerimento de convocação será apresentado.

“Demos o prazo até o dia 1º de junho para que, até lá, ele esteja recuperado da Covid-19 e possa comparecer à comissão”, disse Bosco.

Da Redação, com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Wilson destina mais de R$ 57 milhões para os municípios Caapiranga e Anamã

Os investimentos do Governo do Amazonas têm o objetivo de melhorar a infraestrutura, o escoamento da produção agrícola e a trafegabilidade nos dois municípios.

20 de maio de 2022

Moraes bloqueia bens de Daniel Silveira para garantir pagamento de multas

Medida do ministro Moraes visa garantir que Daniel Silveira pague as multas acumuladas em mais de R$ 600 mil pelo descumprimento do uso de tornozeleira eletrônica.

20 de maio de 2022

Wilson anuncia R$ 1,3 milhão para equipamentos no Hospital de Caapiranga

O hospital recebeu reforma geral, passando por ampliações e adaptações, sendo necessário para o completo atendimento aos usuários, e reforço na estrutura.

20 de maio de 2022

Aliados de Bolsonaro indicam nova visita do presidente ao AM no dia 28 de maio

O anúncio da vinda do presidente foi feito por seus aliados no Amazonas. No entanto, a agenda presidencial ainda não foi divulgada oficialmente pelo Planalto.

20 de maio de 2022

Lula estabiliza em 44% contra 32% de Bolsonaro em nova pesquisa Ipespe

Pesquisa foi realizada por telefone, entre os dias 16 e 18 de maio, com 1 mil entrevistados com idade a partir de 16 anos, em todas as regiões do país.

20 de maio de 2022

Prefeitos do AM criam novo fórum e esvaziam Associação de Municípios

Desde a eleição de Jair Souto para o comando da AAM, os demais prefeitos reclamam da falta interlocução dele com o Governo do Estado para sanar demandas do interior.

20 de maio de 2022

Escolha de ouvidor-geral nas Defensorias deve ser em lista tríplice

Segundo relator Gilmar Mendes, as atribuições conferidas aos membros da Ouvidoria-Geral das Defensorias Públicas estão entre as previstas na Constituição Federal

20 de maio de 2022

‘Wilson levou asfalto onde jamais imaginavam’, diz pré-candidato do Republicanos

Pastor da Igreja Universal diz que não é bolsonarista e tem opinião própria sobre a corrida presidencial, mas se for eleito buscará parceria mesmo com Lula na presidência.

20 de maio de 2022