fbpx

sábado, 28 de maio de 2022

Em evento, David critica Bolsonaro e chama Paulo Guedes de imbecil

David Almeida criticou o trabalho de Paulo Guedes na questão da Zona Franca de Manaus. Durante a fala, o prefeito também alfinetou o presidente Jair Bolsonaro (PL).

2 de maio de 2022

Compartilhe

David criticou também políticos locais que se calam diante das ações do governo federal (Foto: Cleber Maia/ Portal RealTime1)

O prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), fez duras críticas a Paulo Guedes e, ainda, chamou o ministro da Economia de “imbecil” pelo fato dele atribuir à Zona Franca de Manaus os problemas da economia brasileira. A declaração foi dada na manhã desta segunda-feira (2), durante uma visita ao bairro Alvorada, quando questionado sobre seu posicionamento em relação à falta de sensibilidade do governo federal para com o modelo econômico amazonense.

O pior ministro da Economia de todos os tempos chama-se Paulo Guedes. Abram os olhos! Nós temos a maior inflação de todos os tempos, nós temos o pior índice de desemprego […] aí sabe quem é o culpado para esse imbecil do Paulo Guedes? A Zona Franca, que significa menos de 0,9% do PIB brasileiro. Um imbecil desse que nunca recebeu um voto vem prejudicar o povo da minha cidade”, vociferou o prefeito.

Sobre o apoio a Bolsonaro nas próximas eleições, David, ainda exaltado, aproveitou para alfinetar a falta de apoio do presidente. Para o prefeito, Bolsonaro deveria ter uma olhar mais benevolente ao Estado, onde teve uma votação expressiva.

”Eu votei nele, mas eu cobro. Ele tem que respeitar o povo que o elegeu”, disse David Alemida.

”Eu queria estar aqui e poder dizer que o presidente Bolsonaro, que teve 67% dos votos em Manaus, liberou R$ 1 bilhão para asfaltar as ruas da Alvorada, mas isso não aconteceu. Não tem nem R$ 1 do Governo Federal aqui. Eu queria poder dizer que o presidente Bolsonaro defendeu os empregos de Manaus, mas isso não está acontecendo”, completou o prefeito.

‘Não sou otário’, disse David

Ainda demonstrando estar revoltado com a forma com que o Governo Federal vem conduzindo as decisões que afetam o Amazonas, David destacou que a população não pode ficar enaltecendo o trabalho de quem não pensa nos amazonenses.

”Aqui não tem nenhum leso. Eu não sou otário, nem o povo do meu Estado. O cara teve 67% dos votos aqui, a gente não tem que ficar aplaudindo ele acabar com os nossos empregos, a gente tem é que cobrá-lo”, completou.

Em outro momento, David afirmou que as tentativas de diálogo já de esgotaram e que nesse momento só resta a judicialização.

”[…] quem poderia reverter os efeitos negativos, já teria feito se quisesse. Tem gente que é contra a Zona Franca e quer se eleger para acabar com ela. Não tem papo, não tem diálogo, é Justiça, porque se eles quisessem mudar, já tinham mudado”.

Políticos locais não foram poupados

O chefe do executivo municipal não citou nomes, mas aproveitou para criticar políticos locais que deixam de lado a causa do Polo Industrial de Manaus. O prefeito usou como referência uma manifestação realizada neste domingo que contou com a presença dos deputados federais Capitão Alberto Neto (PL) e Delegado Pablo (UB), bem como o pré-candidato ao Senado e ex-superintendente da Zona Franca de Manaus, coronel Alfredo Menezes (PL).

”Eu fiquei triste ontem, quando eu vi pessoas fazendo manifestações apoiando o deputado federal Daniel Silveira [que foi condenado pelo STF], defendendo intervenção no STF e não defendendo o povo da própria cidade. Tem gente que foi eleito com voto do amazonense e do manauara e não defendeu os empregos de vocês, tem coragem de defender o pessoal do Sul e não defende o povo que os elegeu”.

Texto: João Luiz Onety

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Alfredo Nascimento passa despercebido na agenda de Bolsonaro no AM

O ex-ministro dos Transportes é presidente do PL - mesma leganda do presidente - no Amazonas. Ao contrário de muitos, não teve destaque na agenda presidencial deste sábado.

28 de maio de 2022

‘Marcha’ inicia após Bolsonaro reunir com evangélicos no Teatro Amazonas

Esta é a primeira vez que o presidente vem ao Amazonas após assinar decretos que tiram a competitividade da Zona Franca de Manaus (ZFM); aliados acompanham agenda.

28 de maio de 2022

Omar Aziz aprova repasses de mais de R$ 38 mi a sete municípios

Os repasses foram destinados a melhorias nas áreas da saúde, educação, infraestrutura e assistência social nas cidades de Envira, Ipixuna, Guajará, Itamarati, Eirunepé.

28 de maio de 2022

Seminário aborda importância de mais participação da mulher na política

Apesar de as mulheres representarem mais de 50% do eleitorado e da população do País, o Brasil ocupa a 143ª posição entre 193 países em participação de mulheres na política.

28 de maio de 2022

Wilson Lima recepciona Bolsonaro e comitiva em Manaus

Wilson Lima recebeu Bolsonaro, que chega à capital para participar da Marcha Para Jesus, evento organizado pelas igrejas evangélicas, no estado.

28 de maio de 2022

Instituto Datafolha aponta que eleitores confiam na urna eletrônica

Pesquisa divulgada neste sábado (28), aponta que 73% dos eleitores confiam nas urnas eletrônicas usadas nas eleições do país. Enquanto 24% disseram não confiar.

28 de maio de 2022

Senado acompanhará investigação da morte de Genivaldo em ato policial

Senadores querem acompanhar as medidas adotadas pelas autoridades nas investigações sobre a morte de Genivaldo de Jesus, ocorrida durante ação da Polícia Rodoviária Federal.

28 de maio de 2022

Com Bolsonaro, Marcha para Jesus acontece hoje em Manaus

Presidente desembarca pela manhã no aeroporto Eduardo Gomes, almoça com militares no Comando Militar da Amazônia e depois encontra com religiosos na Marcha para Jesus.

28 de maio de 2022