fbpx

quarta, 17 de agosto de 2022

Eleições 2022: confira as regras para propaganda eleitoral

Entre as principais novidades está o endurecimento das regras relativas à produção e compartilhamento de informações sabidamente inverídicas sobre candidatos e partidos.

9 de janeiro de 2022

Compartilhe

(Foto: Reprodução)

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou, em dezembro, todas as normas que valerão para as eleições gerais de 2022, incluindo aquelas referentes à propaganda eleitoral.

Entre as principais novidades está o endurecimento das regras relativas à produção e compartilhamento de informações sabidamente inverídicas sobre candidatos, partidos e o próprio processo eleitoral.

Tais condutas já eram vedadas e coibidas pela Justiça Eleitoral, mas a nova resolução prevê a responsabilização penal mais severa de quem espalhar desinformação.

Quem divulgar, na propaganda eleitoral ou durante a campanha, fake news sobre candidatos e partidos, por exemplo, fica agora sujeito à pena de detenção de dois meses a um ano, além de multa.

A mesma pena se aplica a quem produz, oferece ou vende vídeo com conteúdo inverídico acerca de partido ou candidato. A punição é acrescida de um terço se a conduta for praticada por meio de rádio, televisão ou redes sociais.

Pena ainda maior – de dois a quatro anos de prisão e multa de R$ 15 mil a R$ 50 mil – está prevista para quem contratar terceiros com a finalidade de emitir mensagens ou comentários na internet para ofender a honra ou desabonar a imagem de candidato, partido ou coligação.

A resolução ainda deixa explícito ser proibida a divulgação e compartilhamento de fatos sabidamente inverídicos ou gravemente descontextualizados que atinjam a integridade do processo eleitoral.

“Isso quer dizer que eventuais mentiras espalhadas intencionalmente para prejudicar os processos de votação, de apuração e totalização de votos poderão ser punidos com base em responsabilidade penal, abuso de poder e uso indevido dos meios de comunicação”, alertou o TSE.

Assim como em eleições anteriores, segue também vedado o disparo em massa de comunicações via aplicativos de mensagens instantâneas, embora seja possível contratar o impulsionamento de conteúdo na internet, desde que o serviço seja contratado junto a empresas previamente cadastradas no TSE.

Showmício

Segue vedada ainda a realização, seja de forma presencial ou via transmissão pela internet, dos chamados showmícios – eventos culturais com o objetivo claro de promover candidato ou partido. Contudo, fica permitida a realização de shows e eventos com objetivo específico de arrecadar recursos de campanha, desde que não haja pedido de votos.

Essas e outras regras específicas sobre propaganda eleitoral já foram publicadas  no Diário da Justiça Eletrônico e podem ser acessadas aqui.

Fonte: Agência Brasil

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Bolsonaro e Lula ficam frente a frente durante posse de Moraes no TSE

O presidente Bolsonaro ocupou uma das cadeiras na mesa principal do plenário da corte. Já o petista se sentou na fileira reservada a ex-presidentes, de frente para Bolsonaro.

16 de agosto de 2022

Lula é o único dos presidenciáveis a figurar em campanha ao Governo

No primeiro dia de campanha ao Governo do Amazonas, apenas a imagem e o nome de Lula figuraram nos materiais distribuídos pelos candidatos aos eleitores.

16 de agosto de 2022

Amazonino faz postagem com proposta de combate à fome no Amazonas

Candidato pelo Cidadania que tem federação com o PSDB, Amazonino Mendes defende aumento do valor do Auxílio Estadual e a volta de programas como o 'Leite do Meu Filho".

16 de agosto de 2022

Ricardo Nicolau defende ‘complexo multiuso’ na orla do Centro de Manaus

Ao falar de oportunidades para populares sobre Turismo no Centro de Manaus, Ricardo Nicolau defendeu projeto de um complexo multiuso na orla local, se eleito.

16 de agosto de 2022

Wilson destaca empregos gerados em projetos aprovados no Codam

Em postagem no Twitter, Wilson Lima cita que 26 mil empregos foram gerados em três anos de seu mandato, por investimentos industriais aprovados no Codam.

16 de agosto de 2022

Prazo para pedir voto em trânsito termina nesta quinta-feira (18)

Requerimento para votar em trânsito precisa ser feito presencialmente, em qualquer cartório eleitoral, sem necessidade de agendamento para o primeiro, o segundo ou ambos.

16 de agosto de 2022

Sandra faz panfletagem na ‘Manaus Moderna’ e pede votos para Braga

Sandra é a primeira suplente do marido no Senado. Caso ele seja eleito governador, é ela quem assume a vaga, assim como ocorreu em 2015, quando Braga foi ministro.

16 de agosto de 2022

Silas garante apoio da Assembleia de Deus à reeleição de Wilson

O parlamentar federal e o irmão Jonathas Câmara, que preside a Ieadam, reuniram representantes da congregação dos 61 municípios do interior do Amazonas.

16 de agosto de 2022