fbpx

sexta, 01 de julho de 2022

Covid: comícios nas eleições de Coari podem elevar risco de contágio

Diretor-presidente da Fundação de Medicina Tropical, alertou que a aglomeração gerada pelos comícios pode pressionar o sistema municipal de saúde.

12 de novembro de 2021

Compartilhe

Apenas 29,1%. da população coariense completou o esquema vacinal com as duas doses. (Foto: Divulgação)

A realização de comícios e carreatas nas eleições suplementares de Coari pode elevar o risco de alta de casos e de internações por covid-19 na rede de saúde do município. Desde o dia 6 de novembro, todos os candidatos estão liberados para fazer eventos de campanha.

O diretor-presidente da Fundação de Medicina Tropical Doutor Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD), Marcus Guerra, disse que as aglomerações provocadas por conta de compromissos de campanha dos candidatos aumentam a possibilidade de novos contágios.

Segundo ele, as eleições municipais de 2020, realizadas em novembro, colaboraram significativamente para a segunda onda de covid-19, que afetou o Amazonas entre os meses de dezembro e janeiro.

“Isso pode colocar as pessoas em risco, principalmente nesse período de sazonalidade de vírus respiratórios. A aglomeração facilita o maior contágio. É um período de quinze dias até agravar e precisar de hospitalização. Esse é o período em que o vírus fica incubado”, advertiu o infectologista.

Conforme dados da Fundação de Vigilância em Saúde Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), Coari tem 55,9% das pessoas vacinas com a primeira dose. Apenas 29,1%. da população coariense completou o esquema vacinal com as duas doses.

Nas redes sociais, os dois principais candidatos a prefeito, Keitton Pinheiro (Progressistas) e Robson Tiradentes (PSC) compartilham vídeos e imagens de comícios onde é possível ver muita aglomeração de pessoas sem máscaras.

Texto: Jefferson Ramos

Leia mais:

Leia mais sobre Política

Cidade recebe honraria e diz que homenagem o motiva a trabalhar mais

O presidente da Aleam destacou que a homenagem – realizada pela CMM – é um dos momentos mais emocionantes de sua vida e ressaltou que busca fazer política do bem.

1 de julho de 2022

Shádia e Tadeu lideram preferência de David para compor vice de Wilson

Como forma de recompensar o amigo Sabá Reis, o prefeito estaria planejando turbinar a campanha do filho de Sabá, David Reis, à Câmara Federal.

1 de julho de 2022

Com Chico na disputa ao Senado, Menezes perde força entre bolsonaristas

O Avante marcou para a segunda (4) a confirmação do nome de Chico Preto na disputa pelo Senado. A decisão enfraquece o sonho de Menezes de brigar por uma vaga no Senado.

1 de julho de 2022

Pragmatismo pesa mais que ideologia nas alianças para as eleições de 2022

Diferente de 2018, quando houve candidaturas com peso maior da ideologia, as alianças no Amazonas são marcadas pela praticidade e divergem em alguns casos das federações.

1 de julho de 2022

Amazonas nunca elegeu candidato assumidamente LGBTQIA+

Para o cientista político Carlos Santiago, a sociedade brasileira ainda não está representada de forma adequada nos parlamentos e nos governos brasileiros.

1 de julho de 2022

Wilson e David anunciam construção do complexo viário da Bola do Produtor

O prefeito disse que apesar de o Governo estar proibido de entregar obras a partir de amanhã, vai lembrar por onde passar da parceria com o Estado.

1 de julho de 2022

Em federações, cada partido deverá cumprir cota feminina separadamente

Determinação do TSE veio após questionamento feito pela federação PT, PCdoB e PV sobre a possibilidade de o percentual mínimo de 30% ser cumprido pela federação como um todo.

1 de julho de 2022

Entenda como os minions viraram apelido para os apoiadores de Bolsonaro

Personagens amarelos da franquia "Meu Malvado Favorito", eles obedecem cegamente às ordens do supervilão da vez, tendo servido desde um tiranossauro, até Napoleão e Drácula.

1 de julho de 2022