fbpx

sábado, 21 de maio de 2022

Ciro diz que falhas do PT são responsáveis pela vitória de Bolsonaro

Na sua avaliação, os presidentes do PT não diferem de Bolsonaro em suas agendas econômicas, criticadas por não estabelecer políticas de tributação de grandes fortunas.

22 de janeiro de 2022

Compartilhe

(Foto: Reprodução)

Em seu discurso de lançamento para as eleições de 2022, Ciro Gomes direcionou a maior parte de suas críticas à gestão dos ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff. Na visão do candidato do PDT, faltou interesse das gestões do PT em avançar com as pautas econômicas da esquerda. Ciro considera que estas falhas dos presidentes foram as responsáveis pela vitória eleitoral de Jair Bolsonaro em 2018.

Ciro Gomes afirmou que os índices de desenvolvimento brasileiros deixaram de crescer do período de 1980 a 2010 (ano em que acabou o mandato de Lula), e apresentaram desempenho negativo de 2010 a 2020. Ele considera que isso foi resultado da falta de políticas de crescimento econômico e da prioridade constante em todos os governos para adotar projetos de interesse estritamente político.

“Até o termo ‘de esquerda’ foi corrompido no nosso país. Nos empurraram para o quintal do mundo, e nós aceitamos”, exclamou.

Na sua avaliação, os presidentes do PT não diferem de Bolsonaro em suas agendas econômicas, criticadas por não estabelecer políticas de tributação de grandes fortunas ou programas de enfrentamento direto à desigualdade social. “Seria exagero dizer que os presidentes, apesar de diferentes em muitas coisas, foram iguaizinhos na economia?”, questionou em seu discurso.

O pedetista também afirmou que a forma de governar do PT pouco difere da adotada por Bolsonaro, que teria dado continuidade aos métodos de seus antecessores. “Seria mentira afirmar que eles impuseram um tipo de governança que tem o conchavo e a corrupção como eixos?”, explicou. Ciro também considera que os rivais não diferem ao propor a busca por um “salvador da pátria” no lugar da discussão sobre ideias.

O atual presidente, no discurso de Ciro Gomes, é visto não como um sucessor mas como o resultado de uma série de erros que “só poderia resultar nessa aberração chamada Bolsonaro”. O candidato considera que é necessário que partidos de esquerda revejam suas estratégias e propostas de desenvolvimento para enfrentar o bolsonarismo de forma efetiva.

Fonte: Congresso em Foco

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Wilson destina mais de R$ 57 milhões para os municípios Caapiranga e Anamã

Os investimentos do Governo do Amazonas têm o objetivo de melhorar a infraestrutura, o escoamento da produção agrícola e a trafegabilidade nos dois municípios.

20 de maio de 2022

Moraes bloqueia bens de Daniel Silveira para garantir pagamento de multas

Medida do ministro Moraes visa garantir que Daniel Silveira pague as multas acumuladas em mais de R$ 600 mil pelo descumprimento do uso de tornozeleira eletrônica.

20 de maio de 2022

Wilson anuncia R$ 1,3 milhão para equipamentos no Hospital de Caapiranga

O hospital recebeu reforma geral, passando por ampliações e adaptações, sendo necessário para o completo atendimento aos usuários, e reforço na estrutura.

20 de maio de 2022

Aliados de Bolsonaro indicam nova visita do presidente ao AM no dia 28 de maio

O anúncio da vinda do presidente foi feito por seus aliados no Amazonas. No entanto, a agenda presidencial ainda não foi divulgada oficialmente pelo Planalto.

20 de maio de 2022

Lula estabiliza em 44% contra 32% de Bolsonaro em nova pesquisa Ipespe

Pesquisa foi realizada por telefone, entre os dias 16 e 18 de maio, com 1 mil entrevistados com idade a partir de 16 anos, em todas as regiões do país.

20 de maio de 2022

Prefeitos do AM criam novo fórum e esvaziam Associação de Municípios

Desde a eleição de Jair Souto para o comando da AAM, os demais prefeitos reclamam da falta interlocução dele com o Governo do Estado para sanar demandas do interior.

20 de maio de 2022

Escolha de ouvidor-geral nas Defensorias deve ser em lista tríplice

Segundo relator Gilmar Mendes, as atribuições conferidas aos membros da Ouvidoria-Geral das Defensorias Públicas estão entre as previstas na Constituição Federal

20 de maio de 2022

‘Wilson levou asfalto onde jamais imaginavam’, diz pré-candidato do Republicanos

Pastor da Igreja Universal diz que não é bolsonarista e tem opinião própria sobre a corrida presidencial, mas se for eleito buscará parceria mesmo com Lula na presidência.

20 de maio de 2022