fbpx

domingo, 23 de janeiro de 2022

Bolsonaro recua de reajuste para policiais federais após crise com servidores

Bolsonaro disse aos jornalistas que não há garantia de reajuste para os servidores da Polícia Federal, durante churrasco de aniversário do advogado geral da União.

8 de janeiro de 2022

Compartilhe

Segundo o presidente não há garantia de reajuste para nenhuma categoria de servidores federais (Foto: Divulgação)

Durante o churrasco de aniversário do advogado geral da União, Bruno Bianco, neste sábado (8) o presidente Jair Bolsonaro conversou com jornalistas e disse que ‘nada está decidido’ em relação a reajuste salarial para os policiais federais.

Bolsonaro havia pressionado o Congresso Nacional para incluir R$ 1,79 bilhão no Orçamento de 2022 dos servidores da Polícia Federal (PF), o que gerou reação negativa de outras categorias. Servidores do Banco Central, Receita Federal e os auditores fiscais do Ministério do Trabalho e Previdência entregaram os cargos.

Aos jornalistas o presidente disse que “não está garantido reajuste para ninguém. E tem uma reserva de R$ 2 bilhões que pode poderia ser usada a PRF (Polícia Rodoviária Federal) e também para o pessoal do sistema prisional, mas não está nada certo. Alguns pegaram isso e falaram: ‘Também quero’, e foi feita essa onda toda. Os servidores estão sem reajuste há três anos. Fizeram a Reforma da Previdência e, reconheço, eles perderam bastante o poder aquisitivo”.

O presidente lembrou da dificuldade de aprovação da PEC dos Precatórios e a aprovação do reajuste do auxílio emergencial de R$ 190 para R$ 400, reforçando que, no momento, não tem espaço no Orçamento para ter aumento salarial para os servidores.

Com informações do site Metrópoles

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Prefeito de Manaus, David Almeida, testa positivo para Covid-19

Esta é a segunda vez que David Almeida (Avante) foi diagnosticado com Covid-19. A primeira foi em setembro de 2020, durante a pré-campanha para prefeito de Manaus.

22 de janeiro de 2022

Governo vai enviar doses pediátricas para estados com baixos estoques

Remessa emergencial de vacinas para crianças será enviada a estados com estoques abaixo das 40 mil doses. Segundo o Ministério da Saúde, doze estados estão nessa situação.

22 de janeiro de 2022

‘De novo’: Bolsonaro minimiza números de mortes de crianças por Covid

Bolsonaro voltou a citar remédios sem eficácia comprovada contra o coronavírus e disse que o número de mortes de crianças pela doença foram insignificantes.

22 de janeiro de 2022

Ministério da Saúde prorroga contrato do Programa Mais Médicos em Manaus

O contrato seria encerrado no final deste mês, mas foi prorrogado a pedido da Prefeitura por conta do aumento dos atendimentos por Covid-19 e outras síndromes respiratórias.

22 de janeiro de 2022

Em Manaus, Queiroga defende vacinação mas critica passaporte vacinal

Marcelo Queiroga pediu esforço dos estados para aumentar os níveis de vacinação, mas criticou a adoção do passaporte vacinal ao dizer que o documento não ampliaria os números

22 de janeiro de 2022

Ciro diz que falhas do PT são responsáveis pela vitória de Bolsonaro

Na sua avaliação, os presidentes do PT não diferem de Bolsonaro em suas agendas econômicas, criticadas por não estabelecer políticas de tributação de grandes fortunas.

22 de janeiro de 2022

Enchente 2022: Governo do Estado institui Grupo de Ações Coordenadas

As 27 instituições integrantes do Grupo de Ações Coordenadas utilizarão seus recursos e infraestrutura já existentes para atuação integrada aos demais membros.

22 de janeiro de 2022

Eduardo Bolsonaro e Mário Frias atacam publicamente os irmãos Weintraub

Eduardo Bolsonaro e Mário Frias trocaram farpas nas redes sociais com os irmãos Weintraub, agora ex-aliados do presidente Jair Bolsonaro e que estão de volta ao País.

22 de janeiro de 2022