fbpx

segunda, 25 de outubro de 2021

Efeito vazante pode encarecer ainda mais os preços no comércio

Embarcações reduziram o volume de cargas transportadas em 40% e o percurso que era feito em um dia, agora dura até três dias. O resultado é o aumento nos preços.

23 de setembro de 2021

Compartilhe

Vazante afeta navegação e eleva preços. (Foto: Reprodução)

A vazante dos rios, mais especificamente na extensão do Rio Madeira, compromete o abastecimento de produtos ao comércio local. A redução no volume transportado e os aumentos no tempo do percurso e nos custos operacionais das embarcações tendem a elevar os preços das mercadorias, nos próximos meses, caso o verão siga intenso. A previsão é do Sindicato das Empresas de Navegação Fluvial do Amazonas (Sindarma).

De acordo com o diretor do Sindarma, Madson Mady, o trecho de maior dificuldade para a navegação, neste período, fica entre Manicoré e Porto Velho (RO), extensão do Rio Madeira. Ele explica que em decorrência da redução no volume das águas o calado (distância da lâmina d’água até a quilha do navio) também reduz, com risco de a embarcação encalhar em banco de areia, se chocar com pedreiras ou troncos, o que pode ocasionar acidentes.

Mady informou que as embarcações reduziram o volume de cargas transportadas em 40% e o percurso que era feito em um dia, agora leva até três dias para ser concluído.

“As passagens do rio estão com lâmina de água muito baixa, ocasionando dificuldades ao trajeto. A capacidade do volume transportado reduz, o custo operacional e de combustível aumenta e consequentemente ocorre o aumento de preços. Esperamos que as chuvas iniciem em outubro favorecendo esse cenário”, comentou.

Comércio prevê aumento nos preços

Segundo o presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Amazonas (FCDL-AM), Ezra Azury Benzion, o fornecimento de produtos ao comércio poderá ser afetado entre outubro de dezembro caso a vazante siga em expressividade. Há riscos de o consumidor pagar mais caro nas compras de final de ano.

“Embarcações que utilizam rota por Itacoatiara que antes transportavam 40 mil toneladas, só conseguem transportar, agora, 20 mil toneladas. O menor volume de carga gera aumento nos preços. Isso poderá ocorrer de forma atenuada caso tenhamos um fenômeno de vazante recorde, assim como foi a cheia”.

Texto: Priscila Caldas

Leia Mais:

Leia mais sobre Economia & Negócios

Vendedor, analista, motorista e outros; confira as vagas de emprego em Manaus

Mora em Manaus e está à procura de emprego? O Sine Manaus oferta 126 vagas nesta segunda-feira (25). Fique atento aos critérios para cada vaga e o procedimento de seleção.

24 de outubro de 2021

Suframa prevê investimentos de R$ 7,9 bilhões e 1,4 mil novos empregos

A diversificação da produção de motocicletas elétricas, que deve gerar 218 novos postos de trabalho e investimentos de R$ 54 milhões, foi apresentada na reunião.

24 de outubro de 2021

Selos Brasileiros são criados para identidade única das Indicações Geográficas

Criação dos Selos é uma iniciativa liderada pelo Ministério da Economia/INPI, em parceria com o Sebrae e o Ministério da Agricultura, que irá agregar valor aos produtos.

23 de outubro de 2021

AM é líder em investimento em recursos humanos altamente qualificados

Com recursos de mais R$ 100 milhões, Programa de Apoio à Pós-Graduação Stricto Sensu, da Fapeam, investe na formação de recursos humanos altamente qualificados no estado.

23 de outubro de 2021

Amazonas teve a pior taxa de sobrevivência de empresas do país em 2019

Em 2019, só 16,3% das unidades locais de empresas do Amazonas seguiam ativas após dez anos de existência. Na Região Norte, a taxa de sobrevivência das unidades era de 19,0%.

23 de outubro de 2021

Supermercados cresceram 25% com retomada de projetos em 2021

Levantamento da Geofusion aponta para uma possível recuperação no ritmo de expansão dos supermercados. Projetos interrompidos por conta da pandemia foram retomados.

23 de outubro de 2021

Guedes minimiza exoneração de secretários e diz que saída é ‘natural’

Saída de quatro secretários da pasta aconteceu após manobra do governo federal para furar o teto de gastos e garantir o benefício de R$ 400 para o Auxílio Brasil.

22 de outubro de 2021

Contas externas têm déficit de US$ 1,7 bilhão em setembro, diz Banco Central

Em 12 meses, o déficit em transações correntes é de US$ 20,702 bilhões, 1,3% do Produto Interno Bruto, ante o saldo negativo de US$ 19,349 bilhões em setembro de 2021.

22 de outubro de 2021