fbpx

domingo, 28 de novembro de 2021

Sem poder policiar ruas, Guarda Municipal vai comprar granadas e sprays de pimenta

As granadas e os sprays serão usadas pela Guarda Civil Municipal em "operações de adentramento em ambientes fechados". Armamento vai custar R$ 30 mil aos cofres públicos.

24 de novembro de 2021

Compartilhe

Os guardas municipais não poderão fazer policiamento ostensivo. (Foto: Divulgação)

A Casa Militar da Prefeitura de Manaus vai gastar mais de R$ 30 mil com 60 granadas de gás lacrimogêneo e a mesma quantidade em spray de pimenta. As granadas serão fornecidas pela empresa Condor S/A Indústria Química.

O extrato de licitação assinado pelo secretário da Casa Militar, William de Oliveira Dias, explica que as granadas serão usadas em “operações de adentramento em ambientes fechados”. Os artefatos serão operados por 165 guardas municipais que serão escolhidos no processo seletivo interno. A Guarda Municipal de Manaus (GMM) tem atualmente 421 servidores efetivos.

Na quinta-feira (18), o prefeito David Almeida (Avante) entregou 250 pistolas semiautomáticas calibre 9 milímetros e seis automóveis para Guarda Municipal. Almeida aproveitou a onda de ataques de uma facção criminosa a empreendimentos públicos e privados ocorridos em julho na capital e interior para armar a GCM.

Apesar da compra das granadas, os guardas municipais não podem atuar no policiamento ostensivo e nem no combate ao tráfico de drogas. O trabalho da GCM é limitado à proteção de prédios e espaços municipais.

Também em julho, os deputados estaduais aprovaram uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do Amazonas que liberou o uso de armamento pelas guardas municipais do estado. Essa mesma PEC vetou o policiamento ostensivo.

Texto: Jefferson Ramos

Leia mais:

Leia mais sobre Política

Câmara deve votar PEC de incentivos à tecnologia na terça

A Proposta de Emenda à Constituição 10/21 mantém incentivos tributários para empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TICs) e de semicondutores.

27 de novembro de 2021

Lira diz que Câmara está pronta para agir contra nova variante

Deputado afirmou que a Câmara estará pronta para responder, caso seja necessário adotar novas medidas de enfrentamento à nova variante do coronavírus, a Ômicron.

27 de novembro de 2021

Wilson Lima iniciou entrega do Auxílio Permanente em Maués e Parintins

No total, o Governo do Estado já levou a ajuda financeira para 20 cidades do interior. Em todo o estado, mais de 140 mil cartões já foram entregues.

27 de novembro de 2021

CPI da Covid: PGR envia ao STF dez medidas a serem adotadas após relatório

Os senadores do G7 - grupo majoritário da CPI - entregaram o relatório a Aras no dia 27 de outubro, um dia após o encerramento dos trabalhos da comissão.

27 de novembro de 2021

Bolsonaro: quem viajar da Argentina para o Brasil pode ter quarentena de 4 dias

Presidente diz que para quem viaja da Argentina de carro para o Brasil não há problemas. No entanto, quem viajar de avião tem que ficar quatro dias em quarentena.

27 de novembro de 2021

Coari: Justiça libera entrega de cartões do Auxílio Estadual e cestas básicas

No último dia 20, populares se revoltaram com o ex-prefeito de Coari, Adail Filho, após a juíza da eleição suplementar, Mônica do Carmo, ter proibido a entrega dos cartões.

26 de novembro de 2021

‘Dinheiro pro espaço’: Aleam compra direito de uso em satélite

Mesmo diante de uma grave crise econômica, o presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas, Roberto Cidade não tem feito esforços para poupar o erário público.

26 de novembro de 2021

Plínio vota em Eduardo Leite e descarta Arthur Neto nas prévias do PSDB

'Manda quem tem mandato. E eu tenho', diz Plínio sobre disputa com Arthur. Avalia disputar a eleição para o Governo, mas não conta com a garantia de apoio do ex-prefeito.

26 de novembro de 2021