fbpx

quinta, 07 de julho de 2022

Marcelo Serafim ‘exalta’ CMM de olho em vaga na Câmara Federal

O vereador e líder do prefeito David Almeida na CMM, avaliou como positivo o trabalho do parlamento municipal e revelou desejo de voltar a ocupar uma vaga na Câmara Federal.

16 de novembro de 2021

Compartilhe

Marcelo Serafim foi eleito deputado federal nas Eleições de 2006 (Foto: Reprodução)

O vereador Marcelo Serafim, líder do prefeito David Almeida (Avante) na Câmara Municipal de Manaus (CMM) e presidente do PSB no Amazonas, disse, em entrevista exibida pela TV RealTime1 na última segunda-feira (15), que o parlamento municipal cumpriu bem seu papel, apesar da limitação de algumas atividades provocada pela pandemia de Covid-19.

De acordo com Marcelo Serafim, o prefeito David Almeida faz tudo para acertar. “Ele conseguiu asfaltar uma quantidade enorme de ruas, principalmente no inverno. Como em todo início de mandato, no começo ele sofreu algumas críticas, especialmente em relação às vacinas contra a Covid”, disse o vereador.

O parlamentar avalia o trabalho dos vereadores da CMM como extremamente positivo, principalmente pela quantidade de projetos de lei apresentados na casa.

Sobre 2022, Marcelo revela que o PSB não deve lançar candidato ao Governo do Amazonas. No Estado, os trabalhos vão se concentrar em candidaturas para deputado estadual e federal. Marcelo, inclusive, é cotado para disputar uma vaga na Câmara dos Deputados.

Ele já foi eleito deputado federal nas Eleições de 2006. Na época o pai dele, Serafim Corrêa, era prefeito de Manaus. Em 2018, Marcelo tentou retornar à Câmara, mas teve apenas 2,51% dos votos válidos, algo em torno de 44 mil votos.

Marcelo, que é farmacêutico, comentou, ainda, sobre o cenário de Covid-19 no Amazonas.

Assista à entrevista na íntegra:

Texto: Isac Sharlon

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Justiça do AM suspende show de Wesley Safadão com cachê de R$ 700 mil

Show de Wesley Safadão estava marcado para acontecer em agosto, mas o MPAM entrou com ação contra a Prefeitura e provocou a decisão da Comarca de Tabatinga.

6 de julho de 2022

Parlamento europeu pode condenar ataques do presidente Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro havia afirmado que Dom e Bruno, assassinados em junho deste ano no Vale do Javari, no Amazonas; estavam em uma aventura não recomendável.

6 de julho de 2022

Lula tem 45% contra 31% de Bolsonaro no primeiro turno, mostra Quaest

Na pesquisa anterior da Quest, divulgada em junho, Lula tinha 46% das intenções de votos contra 30% do presidente Bolsonaro, comprovando estabilidade na disputa do eleitor.

6 de julho de 2022

Com cota feminina mantida, cresce preocupação com candidaturas laranjas

Após virar lei, e o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) determinar que a mínima de 30% de candidaturas femininas deverá ser cumprida, individualmente

6 de julho de 2022

Legítima defesa da honra em feminicídios pode ser proibida no Brasil

Comissão na Câmara Federal aprovou projeto de lei que proíbe o uso da tese da "legítima defesa da honra" como argumento para a absolvição de acusados de feminicídio.

6 de julho de 2022

Pré-candidaturas femininas são as mais competitivas no PCdoB, avalia Eron

Das nove vagas que a sigla esquerdista tem direito na federação, quatro são ocupadas por pré-candidatas. O PCdoB lançou quatro pré-candidaturas femininas.

6 de julho de 2022

PT do AM já reconhece que executiva nacional definirá apoio a Braga

Sinésio Campos afirmou que vai acolher qualquer decisão do comitê nacional da sigla e confirmou que o nome do senador Eduardo Braga não está descartado.

6 de julho de 2022

Paulo Guedes vai ter que explicar na Câmara ameaças à Zona Franca

O requerimento para a convocação de Paulo Guedes, de autoria do deputado federal Zé Ricardo (PT), foi aprovado nesta quarta-feira (6). Agora, ele será obrigado a comparecer.

6 de julho de 2022