fbpx

quinta, 02 de dezembro de 2021

Magistrados do TJAM custaram quase 50 mil em 2020, diz CNJ

Relatório Justiça em Números, produzido pelo Conselho Nacional de Justiça, apresenta números detalhados da atividade dos tribunais brasileiros em 2020.

22 de outubro de 2021

Compartilhe

O Tribunal de Justiça do Amazonas também se destacou no item que analisa o encerramento de processos de violência doméstica (Foto: Reprodução)

A 18.ª edição do relatório “Justiça em Números 2021”, produzido pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), apontou que em 2020 o Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) foi um dos destaques no item “Despesas com pessoal”, que analisa o custo médio mensal das cortes brasileiras.

De acordo com o documento, cada magistrado da corte amazonense custou aos cofres públicos em 2020 o equivalente a R$ 48,2 mil. Cada servidor efetivo custou R$ 16,8 mil; já os terceirizados ficaram em R$ 3,9 mil. Por fim, cada estagiário custou R$ 865,86. Apesar dos valores altos, o TJAM não está nem perto dos líderes neste quesito.

Segundo o Justiça em Números, o tribunal amazonense está entre os quatro únicos estaduais do Brasil cujo custo mensal para magistrados fica abaixo de R$ 50 mil. O TJAM figura neste item ao lado dos Tribunais de Justiça de Alagoas, Piauí e o do Pará.

O item Despesas com pessoal leva em conta o custo médio mensal dos recursos humanos incluindo despesas com remunerações, indenizações, encargos, previdência social, imposto de renda, despesas com viagens a serviço, indenizações judiciais e demais indenizações eventuais e não eventuais.

Outros itens em destaques

O Justiça em Números é feito desde 2003 e reúne dados orçamentários, quantitativos de pessoal e diagnóstico do desempenho da atividade judicial brasileira, abrangendo os 90 órgãos do Judiciário previstos na Constituição da República Federativa do Brasil de 1988, nas esferas estadual, eleitoral, do trabalho, superior, federal e militar estadual.

Quanto aos Indicadores de desempenho e de informatização, o TJAM figura entre os 48 tribunais com destaque positivo por terem alcançado 100% de processos eletrônicos nos dois graus de jurisdição.

Outro aspecto positivo apontado pelo Núcleo de Estatística e Gestão Estratégica do CNJ refere-se à Distribuição de recursos humanos, em que o TJAM apresenta o menor percentual de cargos em comissão e funções comissionadas no primeiro grau entre os tribunais estaduais de menor porte (66%), e o terceiro menor no geral da esfera estadual.

E em relação ao Índice de Produtividade do servidor da área judiciária nas fases de execução e conhecimento, no primeiro grau, o TJAM possui o maior índice nas fases de conhecimento entre todos os tribunais (128); o menor índice na esfera estadual é 42.

Outro destaque surge quanto ao Total de processos de violência doméstica baixados e pendentes por vara exclusiva, em que o TJAM figura como o segundo tribunal do país que mais baixou ações judiciais de violência doméstica (6.247).

E no Resultado do IPC-Jus da área judiciária, o TJAM apresenta indicador de 98% no 1º grau. O Índice de Produtividade Comparada mede a eficiência dos tribunais de forma comparativa, observando recursos disponíveis e resultados para a sociedade por meio da prestação jurisdicional.

Texto: Gerson Severo Dantas, com informações do CNJ

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Hissa, Meike e Orsine vão disputar vaga na Câmara Federal em 2002

PDT começou a fechar os nomes que irão compor a chapa do partido na disputa por uma vaga na Câmara Federal. Novidade é o nome do jornalista Meike Farias.

2 de dezembro de 2021

Luppi quer Carol Braz e Luiz Castro liderando chapa do PDT em 2022

Presidente do PDT, Carlos Luppi convidou, nesta quinta-feira, Carol Braz para ser a candidata do partido ao Governo do Estado. Luiz Castro brigaria por uma vaga no Senado.

2 de dezembro de 2021

Marcellus Campêlo apresenta nova etapa do Prosamin+ a Marcos Rotta

Para o vice-prefeito e secretário de Obras, Marcos Rotta, a nova etapa do Prosamin+, apresentada nesta quinta, se supera pelas soluções urbanísticas planejadas para Manaus.

2 de dezembro de 2021

PEC dos Precatórios é aprovada com voto favorável dos senadores do AM

Plínio Valério, Omar Aziz e Eduardo Braga votaram pela aprovação do texto que abre espaço fiscal no Orçamento da União para o pagamento do programa Auxílio Brasil.

2 de dezembro de 2021

Rachadinha: aguardando decisão, Silas celebra ‘ministro evangélico’

Julgamento sobre possível prática de rachadinha por Silas Câmara já foi adiado diversas vezes. Chegada de André Mendonça ao STF pode brecá-lo mais uma vez

2 de dezembro de 2021

Forças de segurança começam a chegar em Coari para garantir eleição

Município de Coari terá eleição suplementar no próximo domingo em clima de altíssima tensão entre os candidatos principais, que trocam ofensas e agressões diariamente.

2 de dezembro de 2021

Presidente do TCE-AM vai à Colômbia para encontro de controladores

Especialistas falarão sobre inteligência artificial e computação quântica no trabalho de controle fiscal, bem como a gestão de instituições de auditoria em direitos humanos.

2 de dezembro de 2021

BID aprova empréstimo de 80 milhões de dólares para o Prosamin+

Processo segue para o Senado para a aprovação da Operação de Crédito Internacional pela União, antes da assinatura do contrato

2 de dezembro de 2021