fbpx

quinta, 30 de junho de 2022

Lula ainda avalia candidatos ao governo e confirma apoio a Omar

Lula faz elogios a Omar e confirma que ele estará no palanque. Para o governo do Estado, ele diz que está analisando os candidatos e diz que seria precipitado afirmar apoio.

23 de junho de 2022

Compartilhe

Lula afirmou que poder vir a Manaus entre julho e agosto já na campanha política (Foto: Reprodução)

O ex-presidente Lula (PT) pré-candidato à presidência da República, disse que irá apoiar a reeleição de Omar Aziz (PSD) para o Senado. Segundo ele, Omar Aziz é uma peça importante para a campanha.

Sobre candidatura ao governo do Estado no Amazonas, Lula disse que afirmar o apoio de A ou B para a construção de um palanque, seria precipitado.

”O Omar é um grande companheiro e eu quero estar junto com ele. Eu quero o apoio dele e eu vou apoiá-lo”, afirmou Lula em entrevista à rádio BandNews Difusora na manhã desta quinta-feira (23).

Nós ainda estamos tentando construir uma aliança política no estado e eu espero que nesse mês de junho ou começo do mês de julho, a gente conclua os acordos para que eu possa ir a Manaus fazer uma atividade política com todas as pessoas que querem nos apoiar para presidente”.

”Olha, nós vamos construir um palanque. Eu tô com muita calma. Eu já falei com o Sinésio [Campos] que era preciso marcar uma reunião com os nossos aliados aí no Amazonas pra gente discutir o que a gente vai fazer. Eu sei das várias candidaturas que tem, e nós vamos ter que tentar saber com qual a gente pode contar, com qual a gente pode se aliar e a gente vai trabalhar”, explicou Lula.

”Eu sei que nós já temos senador, já temos a chapa de candidatos a deputados federais, nós temos que fazer uma aliança. Temos o Zé Ricardo, o Sinésio, temos a companheira Vanessa Grazziotin (PCdoB) e temos o seguinte: nós vamos fazer acordo com o MDB ou não? É preciso discutir a nível nacional”, adiantou.

Segundo ele, existem situações que ainda carecem de mais conversas e discussões, como a possível aliança com o MDB, que atualmente tem a senadora sul-mato-grossense, Simone Tebet, como candidata à presidência.

Texto: João Luiz Onety

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Amazonino tenta se promover às custas de policiais que prometem greve

Amazonino divulga que policiais ameaçam entrar em greve este ano e diz que sempre esteve ao lado da classe, mas esquece que quando governador teve que contornar paralisação.

30 de junho de 2022

Projeto de Lei isenta templos religiosos de pagar IPTU em Manaus

Apresentado pelo vereador Rosinaldo Bual, o Projeto de Lei tira do papel direito à isenção previsto na Constituição, mas impacta arrecadação da Prefeitura de Manaus.

30 de junho de 2022

TSE define teto de gastos de campanha presidencial em R$ 88,3 milhões

A decisão unânime da corte foi no sentido de determinar que seja usado o mesmo teto de gastos de 2018, mas corrigido pela inflação. Ou seja, pelo IPCA.

30 de junho de 2022

Comissão realiza oitivas sobre falta de segurança em terra indígena

Comissão vai pedir providências sobre os assassinatos de Bruno Pereira e do jornalista Dom Phillips, além de apurar a omissão do poder público na segurança dos indígenas.

30 de junho de 2022

Wilson entrega mais de R$ 10 milhões em materiais para Operação Enchente

A entrega de 19 lanchas rápidas e 300 purificadores, que juntos somam o investimento de R$ 10,8 milhões dão continuidade nas ações de enfrentamento da enchente 2022.

30 de junho de 2022

‘Wilson Lima tem habilidade e é um dos favoritos da eleição’ , diz Hissa

Pré-candidato pelo Avante, Hissa Abraão afirmar que vai lutar pela Reforma Tributária e pela revisão dos impostos para que a classe média pague menos que os mais ricos.

30 de junho de 2022

‘Mesmo sob ditadura camuflada, golpe não virá’, avalia um dos criadores do PT

Foragido político por 15 anos, Carlos Augusto, para muitos Raimundo Cardoso viveu escondido em Manaus; integrou o PCdoB na década de 70 e está no PT há 43 anos.

30 de junho de 2022

Governo suspende publicações em redes sociais até o fim da eleição

Medida atende vedação prevista na legislação eleitoral que visa dar igualdade de disputa na corrida eleitoral minimizando o peso da máquina pública na eleição.

30 de junho de 2022