fbpx

domingo, 28 de novembro de 2021

G7 e governistas armam estratégia para o pós CPI da Covid-19

Grupo majoritário de senadores da CPI, o G7, pretende cobrar providências da PGR por meio de uma frente parlamentar, estratégia semelhante a dos governistas.

26 de outubro de 2021

Compartilhe

Cúpula da CPI pretende entregar o relatório final da investigação ao presidente do Senado já nesta quarta-feira (27) (Foto: Reprodução)

Tanto o bloco da oposição e senadores independentes ao governo de Jair Bolsonaro na Comissão Parlamenar de Inquérito da Covid-19, o G7, quanto a tropa de choque governista na comissão já traçaram estratégias de ação após o encerramento dos trabalhos do colegiado. O G7 se articula para dar andamento aos processos que serão recomendados no relatório final, que será discutido e votado nesta terça-feira (26). Já a ala governista se prepara para investigar questões estaduais, que passaram à margem das investigações.

Nesta quarta-feira, seguinte à votação, o relatório será entregue à Procuradoria Geral da República (PGR). Inicia-se então uma nova etapa dos trabalhos do G7: a criação da Frente Parlamentar Observatório da Pandemia. De acordo com o vice-presidente da CPI, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), o observatório funcionará como uma espécie de fiscal do cumprimento das conclusões da CPI. Suas principais funções serão a entrega do relatório a todas as autoridades competentes para análise e o monitoramento dos passos seguintes e de futuras investigações.

Governistas em ação

Na ala governista, de oposição ao G7, também há previsão de se criar um novo bloco. “Criaremos um grupo para dar sequência à CPI naquilo que a CPI não fez: acompanhando investigações nos estados e CPIs estaduais, como a da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. Lá, eles estão investigando o que a CPI do Senado deixou de investigar, que foi o escândalo que já tem delação e confissão de crimes, no caso do Consórcio Nordeste”, declarou o senador Marcos Rogério (DEM-RO).

A atuação do novo bloco, ainda sem nome definido, se dará por meio de apoio aos deputados estaduais nas CPIs estaduais, bem como em juntar forças ao lidar com demais instituições. “Vamos compartilhar informações. Pegar o que eles estão levantando lá e subsidiar na PGR. Vamos pedir providências à PGR, pedir providências à Polícia Federal. Isso tudo é o que a gente, com esse acompanhamento de perto, pode fazer”, explicou o senador.

Com informações do Congresso em Foco

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Câmara deve votar PEC de incentivos à tecnologia na terça

A Proposta de Emenda à Constituição 10/21 mantém incentivos tributários para empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TICs) e de semicondutores.

27 de novembro de 2021

Lira diz que Câmara está pronta para agir contra nova variante

Deputado afirmou que a Câmara estará pronta para responder, caso seja necessário adotar novas medidas de enfrentamento à nova variante do coronavírus, a Ômicron.

27 de novembro de 2021

Wilson Lima iniciou entrega do Auxílio Permanente em Maués e Parintins

No total, o Governo do Estado já levou a ajuda financeira para 20 cidades do interior. Em todo o estado, mais de 140 mil cartões já foram entregues.

27 de novembro de 2021

CPI da Covid: PGR envia ao STF dez medidas a serem adotadas após relatório

Os senadores do G7 - grupo majoritário da CPI - entregaram o relatório a Aras no dia 27 de outubro, um dia após o encerramento dos trabalhos da comissão.

27 de novembro de 2021

Bolsonaro: quem viajar da Argentina para o Brasil pode ter quarentena de 4 dias

Presidente diz que para quem viaja da Argentina de carro para o Brasil não há problemas. No entanto, quem viajar de avião tem que ficar quatro dias em quarentena.

27 de novembro de 2021

Coari: Justiça libera entrega de cartões do Auxílio Estadual e cestas básicas

No último dia 20, populares se revoltaram com o ex-prefeito de Coari, Adail Filho, após a juíza da eleição suplementar, Mônica do Carmo, ter proibido a entrega dos cartões.

26 de novembro de 2021

‘Dinheiro pro espaço’: Aleam compra direito de uso em satélite

Mesmo diante de uma grave crise econômica, o presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas, Roberto Cidade não tem feito esforços para poupar o erário público.

26 de novembro de 2021

Plínio vota em Eduardo Leite e descarta Arthur Neto nas prévias do PSDB

'Manda quem tem mandato. E eu tenho', diz Plínio sobre disputa com Arthur. Avalia disputar a eleição para o Governo, mas não conta com a garantia de apoio do ex-prefeito.

26 de novembro de 2021