fbpx

sábado, 21 de maio de 2022

Em reunião com Bolsonaro, WhatsApp confirma megagrupos só após eleições

Com o encontro, Bolsonaro queria esclarecer a data de lançamento do 'Comunidades'. O WhatsApp negou que o adiamento do lançamento resultou de um acordo com o TSE.

28 de abril de 2022

Compartilhe

Bolsonaro queria esclarecer a data de lançamento do 'Comunidades'. (Foto: Marcos Correa/PR/Arquivo)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) se reuniu, ontem (27), com quatro representantes do WhatsApp. O executivos confirmaram que os megagrupos grupos só vão passar a funcionar após as eleições.

Com o encontro, Bolsonaro queria esclarecer a data de lançamento do ‘Comunidades’. A funcionalidade vai permitir maior alcance de disseminação de conteúdos na plataforma no Brasil.

A nova função foi anunciada pela empresa há duas semanas e estava prevista para começar a operar depois das eleições no país, o que foi interpretado pelo chefe do Executivo como um acordo entre o app de mensagens e o Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

No encontro desta quarta, os representantes da empresa negaram que o adiamento do lançamento resultou de um acordo com o TSE.

Em nota divulgada pelo WhatsApp após o encontro, a empresa afirma que a decisão de lançamento foi “tomada exclusivamente pela empresa, tendo em vista a confiabilidade do funcionamento do recurso e sua estratégia de negócios de longo prazo”.

“Essa decisão não foi tomada a pedido nem por acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE)”, afirmaram em nota. A empresa voltou a afirmar que a data ainda será definida e que “só acontecerá após as eleições de outubro”.

Da redação, com informações do Correio Brasiliense

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Wilson destina mais de R$ 57 milhões para os municípios Caapiranga e Anamã

Os investimentos do Governo do Amazonas têm o objetivo de melhorar a infraestrutura, o escoamento da produção agrícola e a trafegabilidade nos dois municípios.

20 de maio de 2022

Moraes bloqueia bens de Daniel Silveira para garantir pagamento de multas

Medida do ministro Moraes visa garantir que Daniel Silveira pague as multas acumuladas em mais de R$ 600 mil pelo descumprimento do uso de tornozeleira eletrônica.

20 de maio de 2022

Wilson anuncia R$ 1,3 milhão para equipamentos no Hospital de Caapiranga

O hospital recebeu reforma geral, passando por ampliações e adaptações, sendo necessário para o completo atendimento aos usuários, e reforço na estrutura.

20 de maio de 2022

Aliados de Bolsonaro indicam nova visita do presidente ao AM no dia 28 de maio

O anúncio da vinda do presidente foi feito por seus aliados no Amazonas. No entanto, a agenda presidencial ainda não foi divulgada oficialmente pelo Planalto.

20 de maio de 2022

Lula estabiliza em 44% contra 32% de Bolsonaro em nova pesquisa Ipespe

Pesquisa foi realizada por telefone, entre os dias 16 e 18 de maio, com 1 mil entrevistados com idade a partir de 16 anos, em todas as regiões do país.

20 de maio de 2022

Prefeitos do AM criam novo fórum e esvaziam Associação de Municípios

Desde a eleição de Jair Souto para o comando da AAM, os demais prefeitos reclamam da falta interlocução dele com o Governo do Estado para sanar demandas do interior.

20 de maio de 2022

Escolha de ouvidor-geral nas Defensorias deve ser em lista tríplice

Segundo relator Gilmar Mendes, as atribuições conferidas aos membros da Ouvidoria-Geral das Defensorias Públicas estão entre as previstas na Constituição Federal

20 de maio de 2022

‘Wilson levou asfalto onde jamais imaginavam’, diz pré-candidato do Republicanos

Pastor da Igreja Universal diz que não é bolsonarista e tem opinião própria sobre a corrida presidencial, mas se for eleito buscará parceria mesmo com Lula na presidência.

20 de maio de 2022