fbpx

sábado, 28 de maio de 2022

Bolsonaro é denunciado à ONU por perdão concedido a Daniel Silveira

A Associação Brasileira de Imprensa afirma que o decreto 'afronta a democracia, a separação de poderes, a independência do Judiciário e a administração da Justiça'.

25 de abril de 2022

Compartilhe

Daniel Silveira (à esquerda) e Bolsonaro (Foto: Reprodução)

Além da reação de partidos e personalidades políticas, a Associação Brasileira de Imprensa (ABI), encaminhou, nesta segunda-feira, 25, uma denúncia à Organização das Nações Unidas (ONU) contra o indulto do presidente Jair Bolsonaro (PL) que beneficiou o deputado Daniel Silveira (PTB) – condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) por ataques à democracia.

No documento, a ABI afirma que o decreto do presidente Bolsonaro “afronta a democracia, a separação de poderes, a independência do Judiciário e a administração da Justiça”.
O indulto dado por Bolsonaro, foi publicado em edição extra do Diário Oficial da União (DOU) e anunciado em uma transmissão nas redes sociais e direcionada para seus seguidores.

“É uma notícia de extrema importância para a nossa democracia e a nossa liberdade. É um documento que eu comecei a trabalhar desde ontem, quando foi anunciada a prisão de oito anos e nove meses ao deputado federal Daniel Silveira”, afirmou o presidente, que falou ainda em “liberdade de expressão” para defender as falas do parlamentar, defensor público e notório da reedição do AI-5, e disse que a sociedade está “comovida” com a punição ao deputado.

Segundo o presidente da ABI, Paulo Jeronimo, a entidade solicitou uma reunião com o Relator da ONU, com a participação de outras entidades da sociedade civil, e espera que a Comissão se “posicione sobre as violações ocorridas com uma nota pública”.

Com informações de O Dia.

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Com Bolsonaro, Marcha para Jesus acontece hoje em Manaus

Presidente desembarca pela manhã no aeroporto Eduardo Gomes, almoça com militares no Comando Militar da Amazônia e depois encontro com religiosos na Marcha para Jesus.

28 de maio de 2022

Número de eleitores entre jovens e mulheres cresce no Amazonas

O analista político Helso do Carmo, afirmou ao RealTime1 que o crescimento no número de eleitores já é aguardado e que, apesar de pequeno, deverá alterar o cálculo das vagas.

28 de maio de 2022

Edson Fachin diz que acatar resultado da eleições é inegociável

Em várias ocasiões, o presidente Jair Bolsonaro deu a entender que não aceitará outro resultado que não seja a sua vitória em outubro deste ano.

27 de maio de 2022

Terra Yanomami demarcada há 30 anos vê crescimento de garimpo

Bolsonaro é um defensor da mineração em terras indígenas, apesar da visível destruição e dos problemas que o garimpo ilegal leva para essas áreas socioambientais protegidas.

27 de maio de 2022

Radicalização explica revés de Bolsonaro no Datafolha, diz Lira

Pesquisa Datafolha divulgada nessa quinta-feira (26) mostra que Lula lidera a disputa presidencial com 48% das intenções de voto no primeiro turno, ante 27% de Bolsonaro.

27 de maio de 2022

Ex-militante defende que esquerda deve apostar na rebeldia de jovens

O advogado George Tasso avalia que hoje "falta formação política nas bases da educação e do trabalho para a esquerda avançar pelas ruas de Manaus e reconquistar espaço".

27 de maio de 2022

Como em 2018, vereadores querem fazer CMM de trampolim este ano

Nas eleições de 2018, oito vereadores da legislatura 2016-2020 foram eleitos deputados estaduais e um para o Senado. Políticos aproveitam a visibilidade do cargo.

27 de maio de 2022

Livre de acusação por crise de oxigênio, Pazuello visita obras em Manaus

Na manhã desta sexta-feira (27), Pazuello acompanhou o prefeito de Manaus, David Almeida (Avante) e o governador Wilson Lima (UB) que visitaram obras de asfaltamento.

27 de maio de 2022