fbpx

sábado, 22 de janeiro de 2022

Com discurso de palanque, Dória defende a ZFM e critica Bolsonaro

Falando como candidato que quer conquistar os votos do eleitor amazonense, o governador de São Paulo chamou o modelo ZFM de "patrimônio nacional" e criticou o presidente.

11 de setembro de 2021

Compartilhe

Encontro dos tucanos aconteceu na tarde deste sábado, em Manaus (Foto: Gerson Severo Dantas/Real Time1)

O governador de São Paulo, João Dória, e o ex-prefeito de Manaus, Arthur Neto, ambos do PSDB, realizaram entrevista coletiva na tarde deste sábado (11) em Manaus na qual o governador de São Paulo, já falando como pré-candidato à presidência, defendeu a Zona Franca de Manaus (ZFM), a Amazônia e fez duras críticas à administração do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

A visita de Dória a Manaus faz parte da programação das prévias do PSDB para a escolha do candidato a presidente do Brasil em 2022. Além de Dória e Arthur Neto, também disputam as prévias o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, e o senador pelo Ceará Tasso Jereissati.

João Dória afirmou que a gestão de Bolsonaro mostra as consequências danosas de políticas públicas para o meio ambiente e defesa de terras indígenas na Amazônia. O paulista aproveitou ainda enalteceu a própria gestão e disse que, caso seja eleito presidente, vai revitalizar a Zona Franca de Manaus (ZFM).

Falando como candidato que quer conquistar o eleitor amazonense, Dória afirmou que o modelo ZFM é um patrimônio nacional que precisa ser bem tratada. O plano é conceder incentivos maiores a empresas que invistam em Pesquisa e Desenvolvimento na região.

Sobre os frequentes conflitos de interesse entre a indústria paulista e o Polo Industrial de Manaus, Dória prometeu “diálogo de alto nível para que as diferenças sejam dirimidas”.

O governador de São Paulo garantiu ainda que, na presidência, pretende reforçar as política ambientais brasileiras para manter a floresta em pé, com ênfase em programas voltados para a bioeconomia e compensações para pessoas e entidades que prestam serviços ambientais. Ele também disse que assume um compromisso com a demarcação de terras indígenas e com a proteção dos povos originais da Amazônia.

Para Arthur Neto, as prévias representam um sistema democrático que vai permitir o fortalecimento da legenda, uma vez que, apesar da disputa interna, cada um dos candidatos tem o compromisso te apoiar o nome escolhido para a disputa presidencial do ano que vem.

Em sua fala, o ex-prefeito de Manaus, que é o menos cotado para ser escolhido candidato à presidência pelo PSDB, fez várias críticas ao presidente Jair Bolsonaro, em especial às falas golpistas do atual líder do executivo federal. Ele ainda prestou solidariedade aos apoiadores do presidente que foram às ruas no último dia 7 de setembro.

“Quero me solidarizar com o deputado que está preso, que é o Daniel Silveira, do PSL do rio de Janeiro. Ele se expôs para defender o Jair Bolsonaro, mas o Jair Bolsonaro se mostrou um ‘galo na panela'”, criticou Arthur.

Após o encontro, Arthur e Dória seguiram para um jantar de trabalho. O governador de São Paulo deixou Manaus ainda no fim da tarde deste sábado.

Reforçando sua presença no PSDB, o vice-governador do Amazonas, Carlos Almeida Filho, também participou do evento. Almeida, que integra os quadros da sigla desde maio deste ano, não confirmou, no entanto, se pretende disputar uma vaga como deputado federal ou deputado estadual em 2022.

Texto: Lucas Raposo, com informações de Gerson Severo Dantas

Leia mais:

Leia mais sobre Política

Wilson e Queiroga participam de mobilização contra Covid-19 em Manaus

Mobilização de ações contra a Covid-19, com a vacinação e a testagem da população em larga escala, acontecem simultaneamente nos sete estados da região Norte neste sábado.

21 de janeiro de 2022

Carol Braz e Luiz Castro dão primeiro passo na disputa por Governo e Senado

Carol desfiliou-se do PSC para disputar o governo do Amazonas pelo PDT, enquanto Luiz deixou a Rede para tentar pela segunda vez chegar ao Senado Federal.

21 de janeiro de 2022

Prefeito de Parintins, Bi Garcia revela que testou positivo para Covid-19

Nas redes sociais o prefeito de Parintins, Frank Bi Garcia, revelou que sentiu sintomas leves na noite desta quinta-feira e resolveu fazer um exame que confirmou a doença.

21 de janeiro de 2022

Bolsonaro chega ao velório da mãe, que morreu aos 94 anos em São Paulo

Olinda, que sofria com Alzheimer, morreu aos 94 anos na madrugada desta sexta. Ela estava internada em um hospital de São Paulo e a causa da morte não foi divulgada.

21 de janeiro de 2022

Lula segue na liderança do primeiro turno com 42%; Bolsonaro tem 28%

Esta rodada, no entanto, trouxe um fato novo: Lula entrou na zona do empate técnico em comparação ao somatório das intenções de voto dos demais candidatos.

21 de janeiro de 2022

TRE autoriza desfiliação de Marcelo Ramos do Partido Liberal

Marcelo Ramos confirmou que a partir de agora está formalmente fora do PL. O vice-presidente da Câmara Federal afirmou que deve anunciar um novo partido em breve.

21 de janeiro de 2022

MPAM expede recomendação contra nepotismo na Prefeitura de Canutama

Promotoria do MPAM de Canutama recomendou que o Município exonere agentes públicos que tenham algum parentesco com o prefeito e o vice-prefeito, em até 30 dias.

21 de janeiro de 2022

Partido de Bolsonaro tem de Tiririca a líder da bala no Congresso

Além de um numeroso grupo de candidatos leais a Bolsonaro e alinhados ao ideário do atual presidente, o PL deve chamar a atenção durante as eleições pela composição eclética.

21 de janeiro de 2022