fbpx

terça, 09 de agosto de 2022

Base do prefeito na CMM quer revogação de lei que extingue cobrador

Pedido foi feito pelos vereadores Jaildo dos Rodoviários (Avante) e Sassá da Construção Civil (PT), que integram a base governista do prefeito David Almeida na Câmara.

7 de junho de 2022

Compartilhe

A legislação prevê também a redução dos atuais 480 ônibus dos modais executivo e alternativo para 280 (Foto: Divulgação)

Sob pressão de motoristas do transporte executivo e alternativo que ocuparam a galeria da Câmara Municipal de Manaus (CMM) em protesto contra a aprovação do Projeto de Lei (PL) que abre margem para a extinção de cobradores e ainda amplia a vida útil dos ônibus, os vereadores da base do prefeito David Almeida (Avante) pediram, durante a sessão plenária desta terça-feira (7), que o projeto seja revisto.

Governista, o vereador Jaildo dos Rodoviários (Avante), que votou contrário ao projeto, afirmou que o PL n° 150/2022, que entre outras coisas integra os modais executivo e alternativo ao transporte coletivo tradicional, foi enviado à Câmara de maneira equivocada.

“O projeto deveria ter vindo para cá mais elaborado. Deveria ter feito as audiências públicas com as categorias”, reclamou.

O vereador Sassá da Construção Civil (PT) sugeriu que os trabalhadores parem o transporte coletivo caso trecho do PL aprovado não seja revisto. A legislação prevê também a redução dos atuais 480 ônibus dos modais executivo e alternativo para 280.

“Essa lei foi votada e na Câmara não volta mais. Só tem uma solução, que é o prefeito revogar essa lei”, afirmou Sassá.

A matéria fragmentou a base do prefeito. Ontem, quando os vereadores aprovaram o projeto, 20 vereadores votaram a favor contra 11 vereadores que foram contra. A votação registrou 7 abstenções.

A previsão é que às 16h30 o prefeito David Almeida (Avante) receba cinco representantes dos motoristas dos dois modais para debater sobre a nova lei.

Texto: Jefferson Ramos

Leia mais:

Leia mais sobre Política

DC refaz contas para garantir mínimo da cota feminina nas Eleições do AM

Antes, o partido não havia apresentado o mínimo de candidaturas femininas para a disputa na Câmara Federal. Agora, a sigla conta com duas mulheres e quatro homens.

9 de agosto de 2022

Após definir palanque com Braga e Omar, Lula vem ao AM em setembro

Viagem está marcada para o início do mês de setembro, conforme informou ao RealTime1 o presidente estadual do PCdoB, Eron Bezerra.

9 de agosto de 2022

TRE-AM realiza curso para Prestação de Contas das Eleições 2022

O treinamento visa a correta prestação de contas, desde a utilização do sistema da Justiça Eleitoral até o lançamento das receitas e despesas. Inscrições encerram dia 12.

9 de agosto de 2022

Chico diz que tentará Senado de forma avulsa, mas pode ser impugnado

O alerta é do advogado Augusto Sampaio que aponta que Chico Preto não pode ser beneficiado pela decisão do TSE porque o Avante apoia coligação que já tem senador.

9 de agosto de 2022

Silas Câmara declara patrimônio de R$ 3,5 milhões à Justiça Eleitoral

O patrimônio do deputado federal evoluiu de R$ 2,1 milhões para R$ 3,5 milhões. Em 2006, quando ele foi eleito pela 3º vez para Câmara, os bens declarados somavam R$ 574 mil.

9 de agosto de 2022

Patrimônio dos irmãos Pinheiro evolui de R$ 557 mil para R$ 3 milhões

Candidata à reeleição, Mayara Pinheiro declarou possuir o patrimônio de R$ 1,9 milhão. A soma é R$ 864,6 mil a mais que os bens declarados pelo irmão, Adail Filho.

9 de agosto de 2022

O que faz um suplente de senador? O AM já definiu estes nomes; confira

Candidatos a suplentes nas chapas majoritárias são empresários, ex-dirigente de partido, professores e membros da comunidade indígena.

9 de agosto de 2022

Wilson Lima recebe apoio da Base Cristã do Amazonas para reeleição

É o segundo evento religioso que o governador participou após as convenções. No sábado Wilson esteve na assembleia que reuniu 300 pastores da capital e do interior do estado.

9 de agosto de 2022