fbpx

domingo, 16 de maio de 2021

Auxílio de R$ 600 para esporte, turismo e cultura é aprovado na Aleam

Pagamento será feito a 7,5 mil trabalhadores da cultura; 1,6 mil profissionais de turismo inscritos no Cadastur e a 5 mil esportista e profissionais de Educação Física.

20 de abril de 2021

Compartilhe

Os projetos foram enviados ao legislativo após uma série de reinvindicações dos setores (Foto: arquivo pessoal)

Após uma série de desentendimentos, a Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) aprovou nesta terça-feira (20) os Projetos de Lei oriundos de mensagem governamental para a concessão de Auxílio Emergencial de R$ 600, dividido em três parcelas, e que deverá beneficiar mais de 14 mil trabalhadores dos setores da Cultura, Esporte e Turismo.

Durante a votação os deputados da oposição criticaram a falta de descrição da quantidade de pessoas que seriam contempladas com os benefícios nas áreas de Esporte e de Turismo e propuseram uma emenda conjunta para adicionar essas informações. Porém, Saullo Vianna (PTB) recorreu a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) para avaliar a constitucionalidade de uma emenda posterior ao texto.

Foi então que os deputados Felipe Souza (Patriota) e João Luiz (Republicanos) defenderam as aprovações demonstrando que havia uma minuta indicando os números. Entretanto, essa quantidade não estaria detalhada no documento anexado no Sistema de Apoio ao Processo Legislativo (SALP) e por isso foi retirado de pauta pelo presidente da Casa, Roberto Cidade (PV).

Ao fim da sessão, Wilker Barreto (Podemos) pediu para que houvesse um acordo entre as lideranças para que fosse definida a abrangência do projeto de acordo com a minuta entregue pelos relatores das propostas.

Terminado o debate ficou definido que o pagamento será feito a 7,5 mil trabalhadores da cultura, 1,6 mil profissionais de turismo inscritos no Cadastur e a 5 mil esportista e profissionais de Educação Física.

Os auxílios serão executados a partir do mês de maio pelas secretarias de cada categoria, são elas: Fundação Amazonas de Alto Rendimento, Empresa Estadual de Turismo (AmazonasTur) e Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa.

Texto: Giovanna Marinho

Leia mais:

Leia mais sobre Política

PSDB-AM lamenta morte de Bruno Covas: ‘é exemplo a ser seguido’

Arthur Neto e Luiz Alberto Carijó falaram dos ideais de Covas e destacaram que ele é um exemplo a ser seguido pela militância partidária.

16 de maio de 2021

Omar destaca erro na condução da pandemia e desinteresse por vacinas

O senador Omar Aziz preside a CPI da Covid e fez estas afirmações durante entrevista à GloboNews; Aziz diz que todos sabem que houve 'erro' na condução da pandemia.

16 de maio de 2021

Inspirado na Netflix, grupo lança ‘Bolsoflix’; assista a um dos vídeos

Desde a última sexta (14), um site foi ao ar, reunindo uma série de vídeos do presidente Jair Bolsonaro e seus aliados do Governo Federal; confira o trailer.

16 de maio de 2021

Sem máscara, Bolsonaro pede aprovação do voto impresso e ataca Lula

O presidente Jair Bolsonaro compareceu hoje a atos pró-governo. Com queda na aprovação de seu governo, ele disse aos manifestates que mudanças não são imediatas.

15 de maio de 2021

Empate: população está dividida sobre impeachement de Bolsonaro

A pesquisa DataFolha divulgada hoje (15) indica um empate técnico entre as pessoas que aprovariam, ou não, um processo de impeachement ao presidente Jair Bolsonaro.

15 de maio de 2021

Bancada reage à permissão para Pazzuello ficar calado na CPI

Interrogado na próxima quarta-feira (19) o ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazzuello, assegurou no Supremo Tribunal Federal uma liminar que garante o direito de ficar calado.

15 de maio de 2021

Fachin nega pedido da Polícia Federal e não vai investigar Dias Toffoli

Fachin determinou que é preciso aguardar o plenário da Corte se manifestar sobre o tema. O ministro enviou o processo para o plenário virtual do STF.

15 de maio de 2021

Saúde não teve mais recursos pois Governo não contava com segunda onda

Em ofício, o Ministério da Economia indicou que não destinou mais recursos para Saúde na LOA em 2021, pois o ministério não contava com o recrucidamento da pandemia.

15 de maio de 2021