fbpx

sexta, 22 de outubro de 2021

Amazonino: ‘Quero que o União Brasil seja o maior partido do estado’

Após a fusão do PSL e DEM, que deu origem ao União Brasil, Amazonino foi anunciado como candidato ao Governo do Amazonas. O ex-governador quer disputar a vaga mais uma vez.

9 de outubro de 2021

Compartilhe

Amazonino, de 81 anos, será o candidato do União Brasil a Governo do Amazonas em 2022 (Foto: Reprodução)

O ex-governador Amazonino Mendes publicou neste sábado vídeo em suas redes sociais em que fala da sua filiação ao União Brasil, partido que surgiu nessa semana com a fusão entre DEM e PSL e já é o maior partido do país.

“Eu tenho a honra de ter sido aceito, informalmente, como candidato ao Governo do nosso Estado. Eu analiso tudo isso com o mesmo sentimento de renovação, de resgate, de melhoria efetiva para um povo que não aguenta mais. Além das vicissitudes brutais dos tempos atuais, sofremos ainda com as consequências horríveis dessa pandemia. Muitas famílias ficaram enlutadas, perdemos muitos amigos”, lamentou o ex-governador.

Amazonino disse que agora a prioridade é estruturar o partido em todo o Estado. “Eu prometo a vocês que agora começaremos um trabalho profundo para que o União Brasil seja também, de longe, o maior partido do nosso Estado. Vamos de município a município consagrar essa nova sigla, a sigla da nossa esperança, União Brasil”, anuncia Amazonino.

Assista abaixo na íntegra o vídeo postado por Amazonino.

Da Assessoria

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Contratos realizados pela ManausCult são questionados por vereador

A dispensa de licitação envolve três empresas. Órgãos de controle e fiscalização foram acionados para investigar contratos da gestão de Alonso Oliveira na ManausCult.

22 de outubro de 2021

Marcelo Ramos é eleito o melhor deputado federal de 2021

Pelo terceiro ano consecutivo, o deputado federal pelo Amazonas e vice-presidente da Câmara dos Deputados esteve entre os premiados da seletiva do Prêmio Congresso em Foco.

22 de outubro de 2021

Após manobra para Auxílio de R$ 400, secretários de Guedes pedem demissão

A decisão ocorre no mesmo dia em que o governo definiu um acordo para rever a regra do teto de gastos em busca de garantir o Auxílio Brasil de R$ 400.

21 de outubro de 2021

Presidente do Senado quer mediar reunião entre estados e Petrobras

Os governadores reclamam que a matéria, que agora precisa passar pela análise do Senado, implica na perda de R$ 24,1 bilhões em arrecadação apenas para os estados.

21 de outubro de 2021

Militares perdem ação no TJAM e vão ter de pagar mais pela previdência

ADIN apresentada pela Associação dos Subtenentes e Sargentos da Polícia e Bombeiros questionava lei que estabelece novas alíquotas de contribuição deles para a previdência.

21 de outubro de 2021

Confira: relatório da CPI não ficou só nas sugestões de indiciamentos

Além do indiciamento de 66 pessoas e duas empresas, relatório de Renan Calheiros propõe 15 projetos de lei, um projeto de lei complementar e uma PEC.

21 de outubro de 2021

Senado avalia projeto que destina 10% das vagas no Sine às mulheres violentadas

Pesquisa encomendada pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública revelou que, em 2020, uma em cada 4 mulheres acima de 16 anos afirmou ter sofrido algum tipo de violência.

21 de outubro de 2021

Semmas seguirá com baixo orçamento pelos próximos quatro anos

Plano Plurianual em análise na Câmara prevê que pasta do Meio Ambiente receberá em média, de 2022 a 2025, somente R$ 17,1 milhões, o menor orçamento dentre as secretárias.

21 de outubro de 2021