fbpx

sábado, 28 de maio de 2022

Amazonino e Arthur fazem reunião com pré-candidatos da federação

Amazonino se filiou ao Cidadania e é pré-candidato ao Governo do AM enquanto o ex-prefeito de Manaus, Arthur Neto, é presidente estadual do PSDB e vai concorrer ao Senado.

28 de abril de 2022

Compartilhe

Amazonino (à esquerda) e Arthur (Foto: Karla Vieira/Assessoria AVN)

Os pré-candidatos ao Senado Federal e ao Governo do Amazonas pela federação PSDB-Cidadania, Arthur Virgílio Neto e Amazonino Mendes, respectivamente, fizeram na noite desta quinta-feira (28.4), a primeira reunião preparatória com os pré-candidatos a deputadas e deputados federais e estaduais, cargos que também estarão em disputa nas eleições de outubro deste ano. O encontro foi realizado no Centro Preparatório Aufiero, na zona Centro-Sul.

De acordo com Amazonino Mendes, o encontro é uma prática normal dos partidos em anos eleitorais. “Toda organização partidária promove reuniões preliminares para analisar ângulos do processo eleitoral”, disse. “É um pontapé inicial para os candidatos proporcionais”, complementou Arthur Neto.

Ambos os pré-candidatos mostraram muita confiança na formação da federação partidária que une PSDB e Cidadania, dois partidos de grande influência na política nacional, além de duas fortes lideranças do Amazonas, disputando os cargos majoritários de governador e senador da República.

“Esse encontro entre o Arthur e eu é como o encontro dos rios Negros e Solimões”, comparou Amazonino. “Temos a impetuosidade desses dois grandes rios”, continuou.

Para Arthur, a federação PSDB-Cidadania vai fazer uma política muito elevada. “O Amazonas não está andando e temos que fazê-lo andar. Vamos fazer uma caminhada pela democracia, pela justiça e transformar o Amazonas em um Estado de primeira grandeza”, concluiu.

Federação

O PSDB e o Cidadania já ingressaram com pedido de registro em cartório da federação partidária firmada entre as legendas. Essa é uma medida necessária para que possam ser registrados como federação perante a Justiça Eleitoral. O prazo final concedido pelo Supremo Tribunal Federal (STF) para a consolidação das federações é 31 de maio.

Com informações da assessoria

Leia Mais:


Leia mais sobre Política

Senado acompanhará investigação da morte de Genivaldo em ato policial

Senadores querem acompanhar as medidas adotadas pelas autoridades nas investigações sobre a morte de Genivaldo de Jesus, ocorrida durante ação da Polícia Rodoviária Federal.

28 de maio de 2022

Com Bolsonaro, Marcha para Jesus acontece hoje em Manaus

Presidente desembarca pela manhã no aeroporto Eduardo Gomes, almoça com militares no Comando Militar da Amazônia e depois encontra com religiosos na Marcha para Jesus.

28 de maio de 2022

Número de eleitores entre jovens e mulheres cresce no Amazonas

O analista político Helso do Carmo, afirmou ao RealTime1 que o crescimento no número de eleitores já é aguardado e que, apesar de pequeno, deverá alterar o cálculo das vagas.

28 de maio de 2022

Edson Fachin diz que acatar resultado da eleições é inegociável

Em várias ocasiões, o presidente Jair Bolsonaro deu a entender que não aceitará outro resultado que não seja a sua vitória em outubro deste ano.

27 de maio de 2022

Terra Yanomami demarcada há 30 anos vê crescimento de garimpo

Bolsonaro é um defensor da mineração em terras indígenas, apesar da visível destruição e dos problemas que o garimpo ilegal leva para essas áreas socioambientais protegidas.

27 de maio de 2022

Radicalização explica revés de Bolsonaro no Datafolha, diz Lira

Pesquisa Datafolha divulgada nessa quinta-feira (26) mostra que Lula lidera a disputa presidencial com 48% das intenções de voto no primeiro turno, ante 27% de Bolsonaro.

27 de maio de 2022

Ex-militante defende que esquerda deve apostar na rebeldia de jovens

O advogado George Tasso avalia que hoje "falta formação política nas bases da educação e do trabalho para a esquerda avançar pelas ruas de Manaus e reconquistar espaço".

27 de maio de 2022

Como em 2018, vereadores querem fazer CMM de trampolim este ano

Nas eleições de 2018, oito vereadores da legislatura 2016-2020 foram eleitos deputados estaduais e um para o Senado. Políticos aproveitam a visibilidade do cargo.

27 de maio de 2022