fbpx

sexta, 26 de fevereiro de 2021

Em nova proposta, restaurantes defendem plano ‘seguro e sustentável’

Após tentativas frustradas de negociação com o governo estadual, Abrasel propõe plano de reabertura com compromisso de redução em 50% da capacidade, sem risco de aglomeração.

17 de fevereiro de 2021

Compartilhe

Estabelecimentos estão autorizados a vender por delivery e drive-thru (Foto: Reprodução)

A Associação Brasileira de Bares e Restaurantes-Seccional Amazonas (Abrasel-AM) encaminhou proposta ao governo do estado defendendo a reabertura dos bares e restaurantes a partir de um plano de ação chamado pelo setor como “seguro e sustentável”.

O plano propõe a reabertura de estabelecimentos do setor de alimentação fora do lar, que inclui bares, restaurantes, lanchonetes e similares, atendendo ao protocolo de segurança e todas as medidas sanitárias determinadas pela Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM).

Segundo o presidente da Abrasel-AM, Fábio Cunha, na prática, além da orientação do uso da máscara e do álcool em gel, as mesas dos estabelecimentos teriam distanciamento de dois metros uma da outra, nos salões, o que garantiria a redução em 50% da capacidade dos atendimentos, sem possibilidade de aglomeração.

‘Sem aglomeração

“Propomos ação de forma inteligente. O distanciamento de dois metros entre as mesas garante a redução em 50% da capacidade do atendimento presencial. No caso do bar, o trabalho seria como em restaurante, apenas com clientes sentados e demanda reduzida. Ninguém em pé e sem aglomeração”, explicou.

O presidente reafirmou a necessidade de reabrir as portas dos estabelecimentos como única alternativa para manter o funcionamento dos negócios e os empregos.

“O momento é muito frágil e se nada for feito a partir de agora, os restaurantes continuarão fechando e demitindo. Todos dependem de faturamento para continuar funcionando e pagando os funcionários”, finalizou.

Validade até domingo

O Decreto atual, que mantém as regras previstas no Decreto n. 43.376, de 05 de fevereiro de 2021, como o fechamento de bares e restaurantes, tem validade até o próximo domingo (21).

Com isso, novas medidas de flexibilização serão anunciadas neste fim de semana.

Reportagem: Priscila Caldas

Leia mais:

Leia mais sobre Economia

Amazonas continua sem resposta com relação ao imposto das bicicletas

Na última terça-feira, o ministro da Economia, Paulo Guedes, pediu um prazo de 24 horas para dar uma resposta a sobre a redução no Imposto de Importação sobre bicicletas.

25 de fevereiro de 2021

Pandemia reduziu em quase 70% o número de voos para Manaus

Manaus teve queda de 69% no receptivo em janeiro de 2021, em relação a janeiro de 2020. Para Abear, menor fluxo de passageiros no aeroporto é reflexo da pandemia da Covid-19.

25 de fevereiro de 2021

Empresários: privatização desburocratiza Correios e traz eficiência

Representantes do comércio e da indústria acreditam que a privatização dos correios é sinônimo de melhoria de gestão e modernização nas etapas de trabalho a menor custo.

25 de fevereiro de 2021

Proposta prevê restituição do Imposto de Renda dez dias após entrega

De acordo com o autor do Projeto de Lei, deputado Eduardo da Fonte (PP-PE), a medida procura beneficiar contribuintes que perderam renda com a pandemia de Covid-19.

25 de fevereiro de 2021

Crédito e taxas de juros favorecem setor imobiliário na região Norte

Menor taxa de juros e crédito facilitado impulsionam mercado imobiliário no Amazonas e região Norte. Porém, aumento no preço do insumo e risco de desabastecimento preocupam.

25 de fevereiro de 2021

Suframa aprova projetos que somam R$ 1,8 bilhão em investimentos

Entre os projetos aprovados, estão nove de implantação e 23 de atualização, diversificação e ampliação. Expectativa de geração de empregos é de 1.297 postos de trabalho.

25 de fevereiro de 2021

Auxílio Emergencial: valores devem ser incluídos no Imposto de Renda

Contribuinte deverá declarar valores do benefício, caso tenha recebido, junto com o Auxílio Emergencial, outros rendimentos tributáveis em valor anual superior a R$ 22,8 mil.

25 de fevereiro de 2021

Infraero vai viabilizar retomada de voos em aeroportos do Amazonas

A empresa foi contratada para fazer os estudos, projetos, obtenção de licenças, contratação e fiscalização de obras de melhorias nos aeroportos do Amazonas.

24 de fevereiro de 2021