fbpx

sexta, 28 de janeiro de 2022

Sebrae lança projeto para comemoração de 50 anos da instituição

Com o tema “Criar o futuro é fazer história”, o projeto 50 + 50 prevê uma programação que inclui a contribuição de todas as unidades regionais do Sebrae.

16 de dezembro de 2021

Compartilhe

Colaboradores foram estimulados a refletir sobre o impacto das ações do Sebrae (Foto: Reprodução)

Nesta quarta-feira (15), o Sebrae deu um passo em direção ao futuro com o lançamento oficial do projeto 50 + 50, que comemora o cinquentenário da instituição, em 2022. O evento foi transmitido ao vivo e online para todo o Sistema Sebrae, direto da sede nacional da instituição, em Brasília. Durante o evento os colaboradores foram estimulados a refletir sobre o tempo e o impacto das ações do Sebrae nos últimos 50 anos, mas sobretudo sobre a importância da sua atuação para dar apoio aos empreendedores brasileiros.

Para os próximos 12 meses, o Sebrae preparou uma série de ações e atividades que fazem parte de um calendário institucional especial. Com o tema “Criar o futuro é fazer história”, o projeto 50 + 50 prevê uma programação que inclui a contribuição de todas as unidades regionais do Sebrae e a participação de todos os colaboradores.

“São ações que contemplam o passado porque é necessário manter viva a memória; uma reflexão sobre o presente, porque o mundo mudou e muda o tempo todo; um desenho do que será o nosso futuro, pois essa construção só será possível com a participação de cada um”, declarou o mestre de cerimônia, o ator Dan Stulbach, que foi convidado para apresentar o evento e integra o time envolvido no projeto.

A abertura do evento contou com as palavras de incentivo do presidente do Conselho Deliberativo Nacional do Sebrae, José Roberto Tadros. Ele ressaltou o momento como a celebração da vitoriosa trajetória de meio século dos serviços prestados à causa da promoção do empreendedorismo, o apoio às MPE e o engajamento com o desenvolvimento do país.

“É o momento de renovar nosso compromisso com os donos de micro e pequenas empresas, nosso cliente, aquele herói anônimo que sonha, que acredita, que luta e persevera, que resiste e que vence”, declarou.

O presidente do Sebrae, Carlos Melles, aproveitou a oportunidade para reconhecer a dedicação dos colaboradores do Sebrae ao longo dos últimos anos. Ele também reforçou a importância do empreendedorismo para o Brasil e a responsabilidade do Sebrae em servir ao país. “A saída do nosso país está no entusiasmo do empreendedorismo, que só dá certo e o sonho só é realizado com a metodologia transformadora do Sebrae”, frisou.

Em seu discurso, o Diretor de Administração e Finanças do Sebrae, Eduardo Diogo, também ressaltou o papel do Sebrae para auxiliar empreendedores que acreditam no sonho empreendedor. “O empreendedor sai da lógica do ‘ver para crer’. O empreendedor brasileiro primeiro acredita na iniciativa para enxergar a realização do seu propósito”, comentou. Segundo ele, cabe ao Sebrae servir aos 20 milhões de donos de pequenos negócios, bem como aos 210 milhões de brasileiros.

O diretor técnico do Sebrae, Bruno Quick, por sua vez, refletiu sobre a importância de viver o momento de celebração dos 50 anos do Sebrae. Ele ressaltou os sentimentos que devem fazer parte do dia a dia da instituição. “O Sebrae não existe por acaso. Nosso trabalho existe para servir a uma causa que é basicamente a causa da liberdade, porque o empreender é um ser livre; da confiança de quem empreende; da alegria de ter um sonho e acreditar nele e fazer tudo isso com amor”, pontuou.

Além de apresentar depoimentos de colaboradores que fazem parte do Sistema Sebrae nas unidades espalhadas pelo Brasil, o evento apresentou uma retrospectiva deste ano, com os principais resultados. Em um único mês de 2021, o Sebrae realizou mais de 12 milhões de atendimentos, o equivalente a todo o ano de 2010. Também foi ressaltada a capacidade de trabalho durante a pandemia, com a Educação a Distância que bateu recorde com quase 2,5 milhões de matrículas realizadas.

O presidente da Associação Brasileira dos Sebrae Estaduais (Abase), Claudio Mendonça, marcou presença na cerimônia. Ele relatou o orgulho de fazer parte da instituição e parabenizou o compromisso dos colaboradores do Sebrae. “O nosso propósito é o sucesso do outro, o sucesso dos pequenos negócios”, declarou.

Fonte: Sebrae

Leia mais:

Leia mais sobre Economia & Negócios

Defensoria Pública abre processo seletivo de estágio em Direito

As inscrições no Cadastro de Reserva da Defensoria Pública do Estado do Amazonas estão abertas para candidatos ao Estágio de Direito com bolsa de R$987 e auxílio transporte.

27 de janeiro de 2022

Secretários de Fazenda aprovam congelamento de ICMS dos combustíveis

Congelamento do preço médio ponderado ao consumidor final (PMPF), base para cálculo do ICMS, tinha validade até 31 de janeiro. Com a decisão, valerá por mais 60 dias.

27 de janeiro de 2022

Jovem aprendiz colabora em média com 30% da renda das famílias, diz fórum

Fórum lançado nesta quinta, busca soluções para ampliar estágio e primeiro emprego no Brasil por meio de ações alinhadas com Estados e Municípios e ao Novo Ensino Médio.

27 de janeiro de 2022

Empresas podem acionar Justiça para liberar mercadorias na Receita

Mais empresas podem seguir a Moto Honda e acionar a Justiça para desembaraçar mercadorias fiscalizadas no operação padrão dos auditores fiscais, diz a Fieam.

27 de janeiro de 2022

Setor imobiliário deve frear reação devido Inflação e juros altos, em 2022

Conjuntura de 2022 com inflação e juros altos tem diferença em relação ao ano passado quando o mercado imobiliário reagiu bem apesar da pandemia, dizem especialistas.

27 de janeiro de 2022

Faturamento do PIM cresce 32% até novembro de 2021 e bate recorde

De acordo com dados da Suframa, o faturamento do Polo Industrial de Manaus acumulado de janeiro a novembro de 2021 atingiu volume recorde de quase R$ 145,59 bilhões.

27 de janeiro de 2022

5 milhões de m³/dia: consumo de gás natural atinge volume inédito no AM

Volume demandado em 2021 alcançou média de 5,2 milhões de m³/dia, alta de 5,5 % em comparação com o ano de 2020, segundo cálculos da Cigás.

27 de janeiro de 2022

Confiança da indústria registra sexta queda consecutiva, informa FGV

Índice de Confiança da Indústria (ICI) caiu 1,7 ponto em janeiro, para 98,4 pontos, o menor nível desde julho de 2020, quando o índice atingiu 89,8 pontos.

27 de janeiro de 2022