fbpx

sexta, 27 de maio de 2022

Próximos superintentes da Suframa devem ser indicados pelo CAS

PL que muda forma de escolha e cria mandato de 4 anos para próximos superintendentes da autarquia começa a tramitar na Câmara. Discussões devem iniciar já na próxima semana.

22 de abril de 2022

Compartilhe

Projeto de Lei é de autoria do deputado Marcelo Ramos (Foto: Reprodução)

Está previsto para começar a tramitar na Comissão da Amazônia da Câmara dos Deputados o Projeto de Lei n. 939/2022, de autoria do deputado federal Marcelo Ramos (PSD), que muda a forma de escolha de Superintendentes da Suframa.

O PL foi apresentado à Mesa Diretora da Câmara Fedral na última segunda-feira (18). De acordo com o Projeto, a escolha dos próximos dirigentes da Suframa deverá seguir os mesmos moldes de eleições de outros órgãos da esfera federal, com a elaboração de uma lista tríplice de nomes indicados por assessores técnicos.

Além disso, o texto também limita ao perído de quatro anos os mandatos dos próximos gestores da autarquia.

A escolha do presidente ficaria, portanto, condicionada à indicação prévia do Conselho de Administração da Suframa (CAS).

Atualmente, o cargo de Superintendente da Suframa é de livre indicação do presidente da República.

De acordo com o parlamentar, o objetivo é dar maior independência ao Superintendente da Suframa.

“Precisamos ter dirigentes que sejam capazes de defender o modelo nos momentos de crise, como o que estamos vivendo. O fato de o superintendente da Suframa ser uma escolha unipessoal do presidente e de ser ‘exonerável’ a qualquer momento, faz com que, em tempos como esse, ele não possa dar uma palavra em defesa do Polo Industrial de Manaus”, defendeu Ramos.

Ainda segundo o deputado o PL deve iniciar sua tramitação pela Comissão da Amazônia já na próxima semana

“Vamos tentar votar o mais rápido possível na Comissão da Amazônia para que depois vá para [Comissão de] Indústria e Comércio e, depois, [Comissão de] Constituição e Justiça. Tem lá uma tramistação, que é um pouco longa, mas hoje nós temos um projeto para criar um novo modelo de escolha do Superintedente da Suframa”, finalizou.

Texto: Lucas Raposo

Leia mais:

Leia mais sobre Economia & Negócios

Com R$ 195 bilhões, Receita bate recorde de arrecadação em abril

No quadrimestre (de janeiro a abril de 2022), a arrecadação da Receita Federal alcançou o valor de R$ 743,2 bilhões, o que representa um acréscimo de 11,05% pelo IPCA.

26 de maio de 2022

Redução do ICMS: Bolsonaro sinaliza veto a compensação para estados

Bolsonaro disse que compensação, prevista em projeto aprovado na Câmara que limita ICMS da energia e de combustíveis, "não tem cabimento" e que poderá vetar o dispositivo.

26 de maio de 2022

Criticado até por bolsonarista, salário mínimo de R$ 1.212 é aprovado

Valor já está em vigor desde o primeiro dia do ano, quando Bolsonaro editou a medida provisória. A proposta, no entanto, precisava ser confirmada pelo Congresso Nacional.

26 de maio de 2022

Wilson Lima anuncia investimentos de quase R$ 25 milhões para CT&I

Por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado (Fapeam), os recursos serão aplicados em sete editais, sendo seis inéditos, de programas de apoio a pesquisas científicas.

26 de maio de 2022

Para economistas, ICMS em 17% terá pouco impacto na redução de preços

Economistas acreditam que projeto que estipula teto de 17% na cobrança de ICMS não resultará em redução expressiva no preço do combustível, com queda de até 5% nos preços.

26 de maio de 2022

Novamed anuncia expansão no PIM com investimento de R$ 50 milhões

Empresa pretende aumentar a produção de 1 bilhão e 100 milhões de comprimidos/mês para 1 bilhão e 400 milhões/mês, além da garantia de cerca de 900 postos de trabalho.

26 de maio de 2022

Indígenas Tikuna participam de oficina de artesanato em Benjamin Constant

O Workshop, promovido em parceria com o Sebrae Amazonas, contou com a presença de consultores de artesanato do Ceará, do Espírito Santo, Colômbia e Brasília.

26 de maio de 2022

Caixa amplia em até 21,4% subsídio do programa Casa Verde Amarela

Percentuais vão variar de 12,5% a 21,4%. De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Regional, acréscimo varia conforme região, renda familiar e população do município.

26 de maio de 2022