fbpx

quinta, 26 de maio de 2022

Procon-AM participa de mutirão nacional de negociação e orientação financeira

Procon-AM orienta consumidores como participar de mutirão nacional de negociação e orientação financeira promovido pela Febraban em parceria com Banco Central e outros.

5 de março de 2022

Compartilhe

Procedimento de negociação é feito toralmente online (Foto: João Pedro Sales/Procon-AM)

O Instituto de Defesa do Consumidor (Procon-AM) participará da programação nacional do Mutirão da Negociação e Orientação Financeira, entre os dias 7 e 31 de março. A ação, totalmente online, é realizada pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban), em parceria com o Banco Central do Brasil, a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) e a Associação Brasileira de Procons (ProconsBrasil).

“Essa iniciativa vem como instrumento de ampliação e incentivo a utilização do diálogo, onde consumidor e fornecedor conversam diretamente. O Procon-AM estará à disposição para orientar a população e o desejo é de fortalecimento das políticas nacionais de defesa do consumidor”, resume o diretor-presidente do Procon-AM.

Os consumidores e as consumidoras que querem participar da iniciativa devem fazer todo o processo pelo site do Mutirão. No endereço, é possível fazer uma busca para verificar se a empresa a ser reclamada está cadastrada; se encontrar o nome, é só registrar a reclamação; no formulário, o consumidor ou a consumidora deve selecionar a área “serviços financeiros” e o assunto relacionado à dívida. No campo “problema”, a opção “renegociação/parcelamento de dívidas” deve ser escolhida; é necessário também preencher o valor a ser renegociado, os detalhes da reclamação e anexar documentos que podem embasar o registro.

Poderão ser negociadas dívidas de cartão de crédito, cheque especial, crédito consignado, entre outras modalidades. Serão aceitas dívidas em nome de uma pessoa física; dívidas em atraso; dívidas contratadas com bancos ou financeiras; dívidas que não possuem bens em garantia (exemplo: diferentes financiamentos de veículos e imóveis).

Com informações da Assessoria

Leia Mais:

Leia mais sobre Economia & Negócios

Novamed anuncia expansão no PIM com investimento de R$ 50 milhões

Empresa pretende aumentar a produção de 1 bilhão e 100 milhões de comprimidos/mês para 1 bilhão e 400 milhões/mês, além da garantia de cerca de 900 postos de trabalho.

26 de maio de 2022

Indígenas Tikuna participam de oficina de artesanato em Benjamin Constant

O Workshop, promovido em parceria com o Sebrae Amazonas, contou com a presença de consultores de artesanato do Ceará, do Espírito Santo, Colômbia e Brasília.

26 de maio de 2022

Caixa amplia em até 21,4% subsídio do programa Casa Verde Amarela

Percentuais vão variar de 12,5% a 21,4%. De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Regional, acréscimo varia conforme região, renda familiar e população do município.

26 de maio de 2022

Câmara aprova limite da alíquota de ICMS sobre combustíveis

Lei classifica os setores de combustíveis, gás natural, energia elétrica, comunicação e transportes como essenciais e indispensáveis, limitando a alíquota ao máximo de 17%.

26 de maio de 2022

Amazonas precisa qualificar 114 mil trabalhadores da indústria até 2025

A Fieam levantou a demanda de profissionais da indústria a serem qualificados até 2025 no Amazonas para atender às novas demandas do setor na Zona Franca de Manaus.

26 de maio de 2022

‘Nosso Centro’ quer expandir empreendimentos na região central de Manaus

Programa da Prefeitura prevê a revitalização do centro histórico com a implantação dos projetos 'Mais Negócios', 'Mais Vida' e 'Mais História', ao longo dos próximos 3 anos.

25 de maio de 2022

Em apoio a petroleiros, parlamentares questionam venda da Reman no TCU

Deputado Zé Ricardo e o senador Jean Paul (PT/RN) acionaram o Tribunal de Contas da União solicitando medida cautelar para suspender o processo de privatização da refinaria.

25 de maio de 2022

Comércio do Amazonas teve alta de até 20% nas vendas do Dia das Mães

Mais da metade dos estabelecimentos do comércio disse que as vendas do Dia das Mães cresceram entre 11% e 20% com destaque para pagamento no cartão parcelado.

25 de maio de 2022