fbpx

quinta, 07 de julho de 2022

Indústrias do PIM antecipam férias coletivas por falta de insumos

Segundo o Sindmetal, fabricantes optaram por antecipar o recesso por falta de insumos. O retorno aos trabalhos, consequentemente, também será antecipado.

10 de novembro de 2021

Compartilhe

Indústrias antecipam férias coletivas por falta de insumos (Foto: Reprodução)

A falta de componentes eletrônicos levou as indústrias a adiantarem o planejamento de férias coletivas, do final de ano. Segundo o Sindicato dos Metalúrgicos do Amazonas (Sindmetal-AM), a crise dos insumos segue afetando as fábricas que optaram, neste ano, por antecipar a pausa nas atividades cinco dias antes do período comumente definido para o recesso. O retorno aos trabalhos, consequentemente, também será antecipado.

Segundo o presidente do Sindmetal-AM, Valdemir Santana, as indústrias estão comunicando ao sindicato a ocorrência de férias coletivas a partir do dia 10 de dezembro com retorno às atividades previsto para o dia 5 de janeiro de 2022. Ele afirma que o motivo da antecipação das férias é a falta de material para dar continuidade à produção.

“As empresas estão informando ao sindicato sobre as férias coletivas. As fabricantes adiantarão o período de recesso do dia 15 para o dia 10 de dezembro. A data do retorno também será antecipada”, disse.

Santana citou que a Caloi Norte S/A é uma das fabricantes que segue sendo afetada por falta de insumos e que no geral, o setor já encerrou as contratações para atender à produção de final de ano.

O presidente da Associação dos Fabricantes de Componentes da Amazônia (Aficam), Roberto Moreno, disse que a programação de férias coletivas das produtoras de componentes acontece em paralelo à parada dos clientes que compram os insumos, para garantir a continuidade da produção.

Moreno ainda destacou que os ajustes na programação entre fornecedor e comprador podem resultar em alterações na programação dos recessos.

“Interrupções por falta de componentes ocorrem sem muita possibilidade de previsão antecedente. As alternativas são recorrer a estoques de segurança, um ‘banco’ de componentes, quando possível. Essas necessidades são ajustadas diretamente entre o fornecedor e comprador, visando minimizar impactos e podem levar às alterações de previsão das coletivas”, informou.

Antecipação não impactará produção

De acordo com o presidente do Centro da Indústria do Estado do Amazonas (Cieam), Wilson Périco, a antecipação do dia 15 para o dia 10 de dezembro impacta em dois dias úteis, sem gerar prejuízos à produção das empresas.

“A antecipação não afetará de forma expressiva a atividade da indústria ou os resultados do PIM. Serão dois dias úteis de diferença, apenas”, disse o empresário.

Texto: Priscila Caldas

Leia Mais:

Leia mais sobre Economia & Negócios

Projeto quer zerar ICMS da cesta básica para conter aumento

Alexandre Silveira propõe autorizar os estados a zerarem a alíquota do ICMS incidente sobre os produtos alimentares que compõem a cesta básica nacional, com compensação

6 de julho de 2022

Com prato feito a R$ 31 e R$ 65 à la carte, almoçar fora de casa fica 17,4% mais caro

Pesquisa mostra que uma refeição completa - comida, bebida, sobremesa e café- custou R$ 40,64, em média, de fevereiro a abril no país. Até 2020, valor era de R$ 34,62.

6 de julho de 2022

Mega-Sena sorteia nesta quarta prêmio acumulado em R$ 55 milhões

As apostas podem ser feitas até as 18h (horário de Manaus), nas casas lotéricas credenciadas pela Caixa, em todo o país ou pela internet. A aposta simples custa R$ 4,50.

6 de julho de 2022

Custo da cesta básica aumenta e salário mínimo não é o suficiente

O custo da cesta básica de alimentos aumentou em junho em nove das 17 capitais onde o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese)

6 de julho de 2022

Servidores do Banco Central anunciam fim de greve que durou três meses

O Sindicato Nacional de Funcionários do Banco Central informou que, apesar do fim da greve, novas atividades de mobilização e protesto estão sendo debatidas pela categoria.

5 de julho de 2022

Pequenos negócios geram renda de R$ 420 bilhões por ano

Os MEI geram R$ 11 bi todos os meses, o que significa R$ 140 bi por ano. As micro e pequenas empresas geram mensalmente R$ 23 bi, movimentando R$ 280 bi por ano.

5 de julho de 2022

Disney perderá direitos sobre Mickey e personagem cai em domínio público

Pela atual lei de propriedade intelectual dos EUA, personagens e outros trabalhos artísticos deixam de ser exclusividade de quem os criou depois de 95 anos de sua concepção.

5 de julho de 2022

ICMS menor derruba orçamentos da educação e da saúde, alerta Sefaz

Por conta dos repasses constitucionais, estado é obrigado a aplicar, anunalmente, 25% da receita de impostos para o orçamento da Educação e 12% para financiar a Saúde.

5 de julho de 2022