fbpx

sexta, 27 de maio de 2022

Contaminações por Ômicron desequilibraram produção de motocicletas

Tempo para fornecimento das motocicletas às concessionárias supera os 30 dias, ocasionando filas de espera. Previsão da Abraciclo é que produção seja normalizada em março.

18 de fevereiro de 2022

Compartilhe

Contaminações por Ômicron desequilibraram produção de motocicletas (Foto: Reprodução)

Contaminações pela variante Ômicron atingiram parte do quadro de funcionários das fábricas de motocicletas do Polo Industrial de Manaus (PIM), o que resultou em queda e desequilíbrio na produção. Com menor volume de motos em estoque, o tempo para fornecimento dos produtos às concessionárias supera os 30 dias, ocasionando filas de espera. Segundo a Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo), a previsão para a normalização da produção é em março.

O diretor executivo da Abraciclo, Paulo Takeuchi, afirma que a partir da normalização da produção, a distribuição das motocicletas consequentemente será regularizada. Ele afirma que o tempo médio para que o produto seja entregue ao consumidor, em período normal, é de 30 dias.

Conforme o diretor, a fila de espera é registrada para os modelos de baixa ciclindrada e scooters. Ele afirma que o estoque nas concessionárias já foi normalizado para as motocicletas premium e de uso misto (para uso em rodovias pavimentados ou estradas de terra).

“Acreditamos que a regularização da produção deverá acontecer a partir de março. Com isso, gradativamente, iremos normalizar a distribuição de motocicletas em todo o país”, informou.

Férias coletivas e Ômicron afetaram produção

Takeuchi comentou que em dezembro o volume de produção foi menor devido às férias coletivas, que sempre ocorrem no último mês do ano, e que a expectativa era de acelerar a curva (produção) em janeiro. Porém, os planos foram comprometidos pela onda de contaminação pela variante Ômicron. Muitos trabalhadores precisaram ser afastados das funções, o que afetou o planejamento produtivo.

“A nova onda de contaminações pelo coronavírus, provocada pela variante Ômicron, provocou falta de muitos colaboradores nas fábricas e comprometeu o ritmo das linhas de produção. Felizmente não houve nenhuma paralisação como aconteceu no ano passado”, disse.

Peças nacionalizadas garantem produção

De acordo com o diretor executivo, o processo produtivo do segmento de duas rodas é verticalizado (vai desde a produção da matéria-prima até a distribuição dos produtos) e isso garante a continuidade do ritmo fabril e atendimento à demanda. O setor consegue se manter ‘independente’ em meio ao cenário global de escassez de semicondutores.

“A escassez dos semicondutores afeta menos o setor de duas rodas. O processo produtivo é verticalizado e a maioria das peças foi nacionalizada, o que reduz nossa dependência de fornecedores externos. Dessa forma, o setor não é tão impactado pela falta de insumos como acontece com outros setores da indústria”.

Texto: Priscila Caldas

Leia Mais:

Leia mais sobre Economia & Negócios

Com R$ 195 bilhões, Receita bate recorde de arrecadação em abril

No quadrimestre (de janeiro a abril de 2022), a arrecadação da Receita Federal alcançou o valor de R$ 743,2 bilhões, o que representa um acréscimo de 11,05% pelo IPCA.

26 de maio de 2022

Redução do ICMS: Bolsonaro sinaliza veto a compensação para estados

Bolsonaro disse que compensação, prevista em projeto aprovado na Câmara que limita ICMS da energia e de combustíveis, "não tem cabimento" e que poderá vetar o dispositivo.

26 de maio de 2022

Criticado até por bolsonarista, salário mínimo de R$ 1.212 é aprovado

Valor já está em vigor desde o primeiro dia do ano, quando Bolsonaro editou a medida provisória. A proposta, no entanto, precisava ser confirmada pelo Congresso Nacional.

26 de maio de 2022

Wilson Lima anuncia investimentos de quase R$ 25 milhões para CT&I

Por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado (Fapeam), os recursos serão aplicados em sete editais, sendo seis inéditos, de programas de apoio a pesquisas científicas.

26 de maio de 2022

Para economistas, ICMS em 17% terá pouco impacto na redução de preços

Economistas acreditam que projeto que estipula teto de 17% na cobrança de ICMS não resultará em redução expressiva no preço do combustível, com queda de até 5% nos preços.

26 de maio de 2022

Novamed anuncia expansão no PIM com investimento de R$ 50 milhões

Empresa pretende aumentar a produção de 1 bilhão e 100 milhões de comprimidos/mês para 1 bilhão e 400 milhões/mês, além da garantia de cerca de 900 postos de trabalho.

26 de maio de 2022

Indígenas Tikuna participam de oficina de artesanato em Benjamin Constant

O Workshop, promovido em parceria com o Sebrae Amazonas, contou com a presença de consultores de artesanato do Ceará, do Espírito Santo, Colômbia e Brasília.

26 de maio de 2022

Caixa amplia em até 21,4% subsídio do programa Casa Verde Amarela

Percentuais vão variar de 12,5% a 21,4%. De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Regional, acréscimo varia conforme região, renda familiar e população do município.

26 de maio de 2022