sexta-feira, 12 de julho de 2024

faça parte da Comunidade RT1

Sistema previdenciário municipal mantém certificação em nível máximo

Entre os requisitos avaliados estiveram três pilares: controle interno, governança corporativa e dimensões da educação previdenciária.
COMPARTILHE
certificação

Prefeitura de Manaus recebeu, na sexta-feira (15), a manutenção do nível 4 da Certificação Institucional e Modernização da Gestão dos Regimes Próprios de Previdência Social da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios (Pró-Gestão RPPS). A certificação é concedida após auditoria que avalia requisitos como controle interno, gestão e transparência.

A auditoria foi realizada pela empresa ICQ Brasil, por meio da Secretaria de Previdência.

Entre os requisitos avaliados estiveram três pilares, cada qual com seus tópicos: dimensões do controle interno, como a política de segurança da informação, gestão e controle da base de dados dos servidores; dimensões de governança corporativa, com processos relacionados a planejamento, transparência, ouvidoria, diretoria e conselhos; dimensões da educação previdenciária, como o plano de ação de capacitação e ações de diálogo com o segurado e a sociedade. 

“Ressalto esse trabalho, essa certificação, e parabenizo toda a equipe da Prefeitura de Manaus. Eu sou daqueles que estabelece metas, fiscaliza e cumpre. Mas não estagnamos, buscamos sempre melhorias, avanços e novos caminhos, conquistas e horizontes”, enfatizou o prefeito David Almeida, durante a videoconferência de apresentação dos resultados. 

A diretora-presidente da Manaus Previdência, Daniela Benayon, ressaltou o trabalho realizado pela equipe e explicou a importância de alcançar essa meta.

Receba notícias do RT1 em primeira mão
quero receber no Whataspp
Quero receber no Facebook
Quero receber no Instagram

“A manutenção do Pró-Gestão nível 4 representa a consolidação da gestão corporativa da Manaus Previdência.  Mais uma vez comprovamos o cumprimento das 24 ações e obtivemos 100% do cumprimento do programa. Nossa intenção é avançar mais na qualidade da gestão para entregar um melhor serviço aos servidores ativos, aposentados e pensionistas”, explicou a diretora-presidente.

“Uma Previdência equilibrada significa também um maior equilíbrio fiscal, então a população ganha porque o Tesouro municipal deixa de investir recursos para pagar aposentadorias e pode investir mais na cidade”, complementou Benayon. 

Com informações da assessoria

Leia Mais:

COMPARTILHE