domingo, 14 de julho de 2024

faça parte da Comunidade RT1

Serviços de drenagem beneficiam moradores de comunidade da Zona Norte

A rua Ayrton Sena foi interditada pelo Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), para que a Seminf pudesse atuar na recuperação da rede de drenagem.
COMPARTILHE
drenagem

Moradores da comunidade Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, localizada no bairro Cidade Nova, zona Norte da cidade estão sendo beneficiados com a chegada de equipes da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) no local para executarem serviços de drenagem no local.

A estimativa é de que, aproximadamente, a rua Ayrton Sena receba, no menor tempo possível, 120 metros de drenagem profunda após as tubulações antigas apresentarem problemas.

A antiga tubulação estava entupida e impedida a vazão da água, que estava invadindo as casas de 30 moradores da área, segundo o engenheiro Érico Braga, responsável pela obra. 

“Essa tubulação da rede de drenagem é muito antiga, foi feita sem nenhuma estrutura de ferro. Havia muitos tubos entupidos e quebrados, e a água vazava para dentro das casas. Hoje nós estamos desviando o fluxo das águas pluviais, construindo uma rede paralela à antiga, para solucionar de vez o problema”, afirmou Braga.

No local, 15 trabalhadores da Seminf atuam na obra, com a utilização de miniretroescavadeira e também de uma retroescavadeira. A estimativa é de que a obra seja entregue nos próximos dias, beneficiando quase 60 famílias que moram na comunidade. Entre elas, a família do autônomo João da Silva, 55, que vive no local há mais de 10 anos.

Receba notícias do RT1 em primeira mão
quero receber no Whataspp
Quero receber no Facebook
Quero receber no Instagram

“Aqui ficava um lago, por causa dessa tubulação quebrada, com a água invadindo as casas. Há muito tempo a gente pedia resposta do poder público e só agora tivemos. Estou feliz, porque vamos poder dormir tranquilos por aqui, sem novos alagamentos”, afirmou o morador. 

A rua Ayrton Sena foi interditada pelo Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), para que a Seminf pudesse atuar na recuperação da rede de drenagem. A previsão é de que os trabalhos sejam finalizados até o dia 15 deste mês.

Com informações da assessoria

Leia Mais:

COMPARTILHE