quinta-feira, 25 de julho de 2024

faça parte da Comunidade RT1

Saúde no Alto Solimões recebeu investimentos de R$ 138 milhões

Com os recursos repassados às Prefeituras, a assistência à saúde nos municípios ganhou reforço em medicamentos, insumos e equipamentos para os hospitais regionais.
COMPARTILHE
Leito de UTI

Os sete municípios da calha do Alto Solimões receberam mais de R$ 138 milhões destinados à melhoria da assistência à saúde, em três anos e meio do governo Wilson Lima.

Entre os destaques está a instalação de 10 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) na cidade de Tabatinga. Essa é a primeira vez na história que o interior do estado possui atendimento de alta complexidade.

“A nossa maior preocupação é fazer com que quem mora no interior tenha as mesmas oportunidades de quem vive na capital. Por esse motivo, instalamos, pela primeira vez na história, UTIs no interior do estado e fortalecemos a rede de saúde em parceria com as prefeituras. O trabalho em conjunto é essencial para melhorar a vida da população”, disse o governador do Amazonas, Wilson Lima (União Brasil).

A calha do Alto Solimões contempla as cidades de Amaturá, Atalaia do Norte, Benjamin Constant, Santo Antônio do Içá, São Paulo de Olivença, Tabatinga e Tonantins.

Com os recursos repassados às Prefeituras, a assistência à saúde nos municípios ganhou reforço em medicamentos, insumos e equipamentos para os hospitais regionais.

Receba notícias do RT1 em primeira mão
quero receber no Whataspp
Quero receber no Facebook
Quero receber no Instagram

Entre os avanços estão a aquisição de aparelhos de ultrassonografia, raio x, de eletrocardiograma e digitalizadores de imagens de exames, ambulâncias, mobiliário hospitalar e a instalação de usinas de oxigênio medicinal.

Os repasses contemplam, ainda, a reforma do Hospital de Tabatinga, município onde também foi instalada a Sala de Situação em Saúde, que monitora o cenário epidemiológico na região de fronteira do Amazonas com Colômbia e Peru.

Da Redação, com informações da assessoria

Leia Mais:

COMPARTILHE