segunda-feira, 15 de julho de 2024

faça parte da Comunidade RT1

São Gabriel da Cachoeira prevê melhorias na Saúde da mulher

A secretária de saúde Maria Adelaide Amorim falou sobre os investimentos que estão sendo feitos na saúde do município e os projetos da Semsa para os próximos anos.
COMPARTILHE
Saúde São Gabriel melhorias

A Prefeitura de São Gabriel da Cachoeira planeja construir um Centro de Referência a Saúde da Mulher, investir no programa Telessaúde e melhorar o atendimento com a construção de novas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e adesão de novos equipamentos.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), alguns projetos seguem em homologação ou modificações, por causa do aumento da população no município.

Atualmente, o município conta com a UBS Praia, UBS Dr. Geraldo Siqueira, UBS Dabarú, UBS Dr. Albino Couto e UBS Dr. Franklin.

Além de oferecer outros atendimentos especializados no prédio anexo da Semsa como o Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA); Programa de Combate a Tuberculose, Hanseníase; Programa de IST, HIV-Aids, Hepatites Virais e doença crônicas não-transmissíveis; Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional (SISVAN); Saúde da Criança e do Adolescente; Saúde do Homem; Saúde do Trabalhador; entre outros.

Em entrevista ao RealTime1, a secretária de saúde de São Gabriel da Cachoeira, Maria Adelaide Amorim, falou sobre a aplicação dos investimentos captados da União e do Estado.

Receba notícias do RT1 em primeira mão
quero receber no Whataspp
Quero receber no Facebook
Quero receber no Instagram

“O Fundo Municipal de Saúde usou 41,33% dos recursos para pagar folha de pagamento, juntamente com as obrigações patronais. Quanto ao material de consumo, foi gasto em alimentos, combustíveis, material químico-cirúrgico, materiais de expediente e medicamentos. Além disso, serviços prestados por pessoa jurídica diz respeito a contratação de serviços médicos especialistas, locação de veículos, despesas correntes (energia e água), serviços de gráfica, serviços especializados, fretes, tudo isso consumiu 10,48% dos recursos”, disse.

Confira o balanço:

Conforme a secretária, a gestão tem como prioridade a oferta de serviços aos cidadãos, que vão desde melhorias nas instalações das unidades até contratação e processos seletivos para o quadro de funcionários.

Avanços

O município investiu na capacitação dos profissionais da saúde, programas de conscientização, atendimento domiciliar e adesão de novos equipamentos, principalmente, para a fonoaudiologia, odontologia, controle de doenças e saúde da mulher.

“A Prefeitura Municipal e a Semsa vêm se empenhando para cada vez mais qualificar o atendimento no município, contratando serviços especializados e assim evitar encaminhamentos para Manaus”, disse Maria Adelaide.

Controle da malária

Saúde São Gabriel melhorias
Instalação de mosqueteiros impregnados com MILD. (Foto: Divulgação)

Todas as UBS’s possuem laboratório de leitura das lâminas de malária, para diagnósticos e notificação da doença, que leva 45 minutos para o resultado final. A doença é recorrente no município.

“Temos ainda um controle da não abrangência da malária para a sede do município através de visitas às casas mais isoladas e instalação mosqueteiros que são impregnados com substancia química de longo prazo (MILD), onde possibilita a maior durabilidade e também as visitas técnicas de vigilância nas estradas do Parawari, Uakatunun e 12 vicinais”, completou a secretária de saúde.

Fonoaudiologia

Saúde São Gabriel melhorias
Moradora de São Gabriel sendo examinada na sala de audiometria. (Foto: Divulgação)

Em 2022, São Gabriel da Cachoeira investiu na capacitação do servidor fonoaudiólogo para realizar o “Teste da Orelhinha”’ e exame de audiometria, que foi realizado no estado de São Paulo (SP).

O processo durou vinte dias e o município ganhou a máquina de audiometria da Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial (ABORL-CCF).

“Com isso, ampliamos a assistência à nossa população, diminuindo assim o deslocamento para Manaus, das mães com seus filhos, e também de pacientes que precisavam deste exame para diagnóstico de alteração suspeita de deformação no canal auditivo e identificação da surdez”, destacou a secretária.

Odontologia

Saúde São Gabriel melhorias

Já na área de odontologia, o Centro de Especialização Odontológica (CEO) e o Laboratório de Prótese Dentária (LPD) realizaram 588 consultas e procedimentos, além da confecção de 33 próteses dentárias.

A equipe de odontologia foi capacitada para realizar os testes de COVID-19 na população visando diminuir o número de casos e disponibilizar o diagnóstico precoce.

Saúde da mulher

Saúde São Gabriel melhorias
Atendimentos realizados no Março Lilás (Foto: Divulgação)

A SEMSA e o Programa Municipal de Atenção Integral da Saúde Mulher (PMAISM) realizou a campanha Março Lilás, com o objetivo conscientizar a população sobre a importância da prevenção e diagnóstico precoce do câncer de colo de útero.

Foram realizados 236 atendimentos ginecológicos; 59 colposcopia; 228 ultrassonografias; 21 cirurgias de conização; 14 biopsias e 1.347 coletas de exames de preventivo ao câncer de colo de útero.

“Pretendemos melhorar o atendimento à mulher com a construção Unidade de Referência a Saúde da Mulher que visa promover a atenção integral à saúde das mulheres em todos os ciclos de vida, tendo em vista as questões de gênero, de orientação sexual, de raça/etnia e os determinantes e condicionantes sociais que impactam na saúde e na vida das mulheres”, ressaltou Maria Adelaide.

Planejamentos

A Prefeitura pretende aumentar a cobertura de saúde em São Gabriel da Cachoeira nos próximos dois anos. A secretária da Semsa destacou alguns dos projetos do município.

“Um grande exemplo em andamento é a adesão do Programa Telessaúde onde é de conhecimento a possibilidade da comunicação de um médico especialista ou equipe especializada com médico generalista e o paciente em nossa cidade. Também pretendemos finalizar a construção da UBS Thiago Montalvo e reformar o prédio do Centro de Atenção Psicossocial (CAPs)”, disse.

É previsto, também, melhorias na infraestrutura com construção de novas UBS’s, que podem ser entregues ainda em 2023. Além de investimentos em equipamentos destinado ao atendimento fisioterapêutico para a população.

Atendimento à comunidades indígenas

As equipes multidisciplinares de saúde indígena atendem a população dentro do território no período de 30 dias, onde acontece a troca de equipe. Em nenhum momento a população fica desassistida.

Quando é solicitado apoio de atendimento a saúde e/ou para realização de investigação de óbito, doenças e/ou agravos, a equipe da Semsa, através dos responsáveis técnicos se faz presente para realizar o acompanhamento da atividade.

“No que diz respeito à saúde municipal, a assistência direta da SEMSA se dá pela integração das assistências do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) com nosso órgão de saúde, através de viagens fluviais com a UBS Fluvial e também com acompanhamento de uma equipe de saúde em conjunto com outras secretarias”, salientou a secretária de saúde.

Em 2022, as equipes da Semsa realizaram oito entradas em comunidades mais distantes, em calhas ou foz que possibilitaram a maior cobertura no atendimento aos indígenas.

Desafios

Conhecido também como a capital indígena do país, o município abriga, aproximadamente, 23 etnias. Por se localizar em uma parte extrema do Amazonas e possuir muitas comunidades distribuídas no município e em várias calhas de rio, a locomoção acontece, na maioria das vezes, por via fluvial deixando os moradores e profissionais susceptíveis às vazantes ou cheias, além de colocar o passageiros sendo pacientes ou não, em certo grau de perigo.

“Outro desafio pertinente a saúde do município é a questão de não termos uma unidade hospitalar mais acessível à nossa população e por ser uma unidade mista não temos um maior acesso a mesma”, destacou a secretária da Semsa.

Ela também falou sobre a instabilidade de disponibilidade de internet, que somada às dificuldades de logística, afetam negativamente o atendimento de saúde no município.

Otávio Vislley, do RealTime1

Leia Mais:

COMPARTILHE