fbpx

quinta, 23 de setembro de 2021

Vice do TRE-AM critica Bolsonaro e alerta para ‘clima de guerra’

Desembargador Jorge Lins falou ao RealTime1 sobre as acusações do presidente de eleições fraudadas e o clima de intranquilidade que elas trazem a paz social no País.

31 de julho de 2021

Compartilhe

Desembargador Jorge Lins é vice-presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas. (Foto: Reprodução)

O vice-presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM), desembargador Jorge Lins, criticou, neste sábado (31), em contato com o RealTime1, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) pela defesa do voto impresso e o ataque que fez a Justiça Eleitoral, especialmente ao presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barros, na transmissão ao vivo que faz nas redes sociais dele às quintas-feiras.

“O presidente insinua que o sistema de votação eletrônica não é seguro, que há indícios de fraude em eleições passadas, inclusive no processo eleitoral que o elegeu. Porém, desta vez (na transmissão de quinta-feira) ele assume que não há provas de que alguma eleição possa ter sido fraudada”, afirmou o desembargador, que é membro do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM).

Jorge Lins também criticou a inversão do ônus da prova proposta por Bolsonaro ao dizer que aqueles que dizer ser a urna eletrônica a prova de fraude devem fazer uma demonstração pública disso. “Fica claro que não se trata de uma questão técnica do sistema eleitoral. Haja vista jamais ter sido comprovada a fraude em uma eleição sequer. Trata-se, então, de uma disputa política. Nesse sentido, a discussão deve acontecer no pleno do Parlamento. Onde a vontade popular deve ser o maior influenciador na decisão daquela Casa”, argumenta o desembargador.
Outra falácia dita pelo presidente, na avaliação do magistrado do TRE-AM, é a de que o ministro Barroso teria influenciado Congresso, pois segundo Lins não cabe à Justiça Eleitoral definir como será o modelo do sistema eleitoral, preferindo um ou outro modelo. “Essa atribuição é da Casa do Povo. Mas temos a obrigação de participar dos diálogos, apresentando as informações e contextualizando eventuais benefícios e prejuízos de um eventual modelo, que possam subsidiar a decisão daqueles que estão representando o povo brasileiro”, afirma Jorge Lins, acrescentando que o povo brasileiro tem orgulho de “nosso sistema de votação e estamos sempre buscando melhorar sua segurança, eficiência e transparência”.

Por fim o desembargador adverte para o fato deste discurso repetido pelo presidente trazer a intranquilidade que ameaça a paz social entre os brasileiros. “Não posso deixar de registrar minha indignação com este discurso político e irresponsável que insinua que a Democracia e/ou a paz nacional está atrelada ao voto impresso. Transferindo ao povo eventuais conflitos decorrentes da adoção deste ou daquele modelo”, afirma, sugerindo ainda que se ouça a população por meio de um plebiscito sobre qual modelo e sistema eleitoral ela quer para o País.

Leia mais:

Leia mais sobre Política

Reforma administrativa: Alberto Neto chama discussão de palhaçada

Capitão Alberto Neto, um dos deputados que integram a Comissão Especial da Reforma Administrativa, perdeu a paciência durante o debate dos colegas parlamentares.

23 de setembro de 2021

David recorre à Justiça e Amom monta nova ação para barrar ‘puxadinho’ da CMM

Vereador anunciou que tanto ele quanto Rodrigo Guedes já estão preparando não apenas as contrarrazões, mas também novas ações na justiça com outros argumentos.

23 de setembro de 2021

Trento, Flávio Bolsonaro e ministro foram a Las Vegas tratar de jogos de azar

Revelação veio a tona nas inquirições feitas pelos senadores Humberto Costa (PT/PE) e o governista Eduardo Girão, que revelou presença do filho do presidente na viagem.

23 de setembro de 2021

TRF-6 em Minas Gerais passa na frente e ‘rouba’ servidores do AM

Enquanto Minas Gerais ficará com o TRF-6, um Tribunal exclusivo, o TRF1, do qual o Amazonas faz parte, ficará responsável por 13 estados, uma matemática totalmente desigual.

23 de setembro de 2021

Fim das coligações: grandes caciques podem ficar sem a fatia do bolo

O fim das coligações partidárias pode dificultar a entrada de muitos políticos já acostumados a serem eleitos mesmo com o número de votos inferior a outros concorrentes.

23 de setembro de 2021

Amazonino e Braga intensificam ‘paternidade’ de obras públicas no AM

Nesse mês de setembro, as equipes de Amazonino e Braga intensificaram postagem sobre obras e projetos criados na gestão dos políticos, que hoje caminham em lados opostos.

23 de setembro de 2021

Wilson libera pagamento de indenizações às famílias que residiam no Igarapé do 40

De 2019 até setembro desse ano, já foram investidos R$ 56,7 milhões para retirar famílias de áreas alagadas e reassentá-las em áreas com infraestrutura e saneamento.

23 de setembro de 2021

TRE cassa mandato de Sandro Maia por abuso de poder econômico

A sentença afirma que o vereador realizou reuniões com usuários da ONG Sandro Maia para angariar votos, de forma ilícita, em seu favor no pleito municipal do ano passado.

23 de setembro de 2021