fbpx

terça, 07 de dezembro de 2021

R$ 500 milhões: benefícios para 70 mil servidores irão movimentar economia

Para o governador Wilson Lima, o pacote de avanços vai movimentar a economia do Amazonas. Pagamentos iniciam em 2022, exceto um escalonamento da PC que será pago em dezembro.

26 de outubro de 2021

Compartilhe

Wilson Lima anunciou, hoje (26), pagamento de datas-bases, promoções e progressões de carreira para servidores públicos estaduais (Foto: Divulgação)

Em comemoração ao Dia do Servidor Público, celebrado em 28 de outubro, o governador Wilson Lima anunciou, nesta terça-feira (26), uma série de benefícios para os servidores estaduais. As medidas alcançarão mais de 70 mil funcionários públicos e incluem revisão de datas-bases salariais, promoções, progressões e enquadramento de carreiras, além da reestruturação da Lei 3.510/2010, que vai corrigir distorção histórica para servidores que esperam pela aposentadoria.

O pacote de avanços, anunciado a centenas de servidores em evento comemorativo no Centro de Convenções Vasco Vasques, zona centro-sul de Manaus, representa um impacto de R$ 500 milhões anuais na folha de pagamento e os benefícios começam a ser pagos pelo Estado a partir de 2022. A exceção é para uma parcela do escalonamento da Polícia Civil que começa a ser pago em dezembro. São recursos que também vão movimentar a economia do Estado.

“São vocês que são responsáveis pelos avanços que nós estamos tendo. Para chegar onde nós chegamos, tivemos que fazer um planejamento lá atrás, cortar gastos, fazer o nosso dever de casa. Esse é um governo humano, que dialoga com as pessoas. Estamos fazendo justiça com os servidores”, disse o governador no evento.

Os anúncios feitos pelo governador irão corrigir distorções que se arrastavam a vários governos sem solução, a exemplo da reestruturação da Lei 3.510/2010. Essa legislação, que atualmente rege, de forma geral, o Plano de Cargos, Carreiras e Remunerações (PCCR) de 1.987 servidores ativos de 27 órgãos e instituições estaduais será modificada, possibilitando reajuste de vencimentos.

Será uma correção histórica, pois há mais de 10 anos os servidores regidos pela Lei 3.510 não têm reajuste no PCCR. Atualmente, esses servidores, quando vão para aposentadoria, deixam de receber a Gratificação de Atividade Técnico-Administrativa (Gata), que representa quase 70% da remuneração deles, o que obriga a grande maioria, mesmo com tempo e idade de aposentadoria, a continuar na ativa.

Segundo dados da Secretaria de Administração e Gestão (Sead), os servidores regidos pela Lei 3.510 têm entre 61 e 74 anos e já contribuíram com mais de 30 anos com o serviço público. Com a restruturação da lei, esses funcionários serão contemplados com a Gratificação de Desempenho de Atividade (Gradat), que terá valores corrigidos e poderá ser incorporada à aposentadoria.

O pacote de medidas destinadas aos servidores públicos estaduais também inclui revisão de data-base, promoções, progressões e enquadramento de mais de 70 mil servidores do Estado, abrangendo as secretarias de Educação, Saúde, Segurança, Produção Rural e outros órgãos e fundações.

Educação

Wilson Lima anunciou aumento de 9,19% referente à data-base dos anos de 2020 e 2021 para 32.478 servidores públicos da Secretaria de Estado de Educação e Desporto, além de pagamento de maior abono do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) já feito pelo Estado e cujos valores serão anunciados em breve.

O governador também anunciou a implementação da Lei 4.736/2018, que beneficia 300 servidores técnico-administrativos da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), além de promoções horizontais e verticais.

Para o Centro de Educação Tecnológica do Estado do Amazonas (Cetam), Wilson Lima autorizou aumento de 31,63% para 77 servidores, referente ao período de 2015 a 2020. No total, só na área da educação os benefícios assegurados vão alcançar 33.930 servidores.

Saúde e segurança pública

Na Secretaria de Estado da Saúde (SES-AM) e fundações de saúde, 23.317 servidores públicos receberão os benefícios com a implementação da Lei 4.852/2019 e a data-base de 2020, totalizando revisão salarial de 8,9%.

Na segurança pública, o pagamento da data-base de 2020, no percentual de 3,30%, será feita a 9.661 servidores da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros. Os escrivães e investigadores da Polícia Civil receberão escalonamentos referentes ao período de 2021. Irão receber o reajuste de 7,34% o total de 199 servidores administrativos que atuam na Polícia Civil. O Governo do Estado também avança na tramitação do Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração (PCCR) dos servidores do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AM).

Produção rural

Na Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), Agência de Desenvolvimento Sustentável do Amazonas (Adaf) e Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam), será concedida revisão da data base, de 2,4%, referente ao ano de 2020, alcançando 735 servidores.

O pacote de benefícios anunciado pelo governador Wilson Lima contempla, ainda, 424 servidores públicos dos seguintes órgãos: Fundação Amazonprev, Fundação Rádio e Televisão Encontro das Águas (Funtea), Instituto de Pesos e Medidas do Estado do Amazonas (Ipem-AM), Superintendência Estadual de Navegação, Portos e Hidrovias (SNPH) e da Procuradoria Geral do Estado (PGE), que receberão suas datas-bases.

13º e salário de dezembro

O governador Wilson Lima anunciou, ainda, que a segunda parcela do 13º salário dos servidores estaduais será paga no dia 19 de novembro. A primeira foi paga ainda em maio, no primeiro semestre deste ano. Ele anunciou, também, que o pagamento do salário de dezembro será feito nos dias 20 e 21 de dezembro, antes das festas de fim de ano.

DATAS-BASES ANUNCIADAS AOS SERVIDORES

Educação

Seduc: Data-base de 9,19% (Período 2020 e 2021) – 32.478 servidores

Abono Fundeb

Cetam: Data-Base de 31,63% (Período 2015 a 2020) – 77 servidores

UEA: Implementação da Lei 4.736/2018 – Técnicos Administrativos 300 servidores e promoções verticais e horizontais

Saúde

SES e Fundações: Lei 4.852/2019 + Data-base de 8,9% (Período 2020) – 23.317 servidores

Segurança

PM/CBMAM: Data-base de 3,30% (Período 2020) – 9.661 servidores

Polícia Civil: Escalonamento de 14,69% a 15,22% para escrivães e investigadores (Período 2021) e Data-Base de 7,34% (Período 2019-2020) para administrativos – 199 servidores

Detran: PCCR em tramitação

Produção Rural

Sepror/Adaf/Idam: Data-base de 2,4% (Período 2020) 735 servidores

Outros

Fundação Amazonprev: Data base de 8,05% (Período 2019 a 2020) – 74 servidores

Funtec: Data base de 31,63% (Período 2015 a 2020) – 69 servidores

Ipem: Data base de 31,63% (Período 2015 a 2020) – 12 servidores

SNPH: Data base de 31,63% (Período 2015 a 2020) – 79 servidores

PGE: Data-base de 5,53% (Período 2020 a 2021) para procuradores (90 servidores) e Data-base de 7,34% para administrativos (100 servidores)

Reestruturação da Lei 3.510/2010:

– Reestruturação salarial com reajuste de vencimentos e gratificação, possibilitando aposentadoria digna dos servidores com mais de 30 anos de serviço e mais de 60 anos de idade

– Progressão 2011 a 2021 para 1.987 servidores

Com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Omar critica liberação de garimpo em áreas indígenas no Amazonas

Decisão de liberar projetos de mineração em São Gabriel da Cachoeira foi tomada pelo chefe do GSI, Augusto Heleno, e alvo de críticas do senador Omar Aziz.

6 de dezembro de 2021

Cadastro Nacional vai reunir informações de pessoas condenadas por pedofilia

Os dados serão levantados pelo Conselho Nacional de Justiça. Entre os crimes estão estupro de vulnerável; corrupção de menores; exploração sexual de criança ou adolescentes.

6 de dezembro de 2021

Após tramitação relâmpago, vereadores aprovam Secretaria de Segurança

A criação de 68 cargos para o funcionamento da Segurança Pública gerou críticas dos vereadores Amom Mandel e Rodrigo Guedes. Governistas defenderam a criação dos cargos.

6 de dezembro de 2021

Vitória de Keitton em Coari aumenta poder de fogo dos Pinheiros em 2022

Eleição de Keitton Pinheiro ajuda a 'turbinar' as candidaturas de Adail Pinheiro Filho para deputado federal e de Mayara Pinheiro para permanência da sua vaga na Assembleia.

6 de dezembro de 2021

Absorventes e fundão eleitoral: Congresso analisa vetos de Bolsonaro

Congresso Nacional analisa, nesta terça-feira (7), os vetos do presidente ao fundão eleitoral de R$ 5 bilhões e a distribuição de absorventes para estudantes de baixa renda.

6 de dezembro de 2021

Em novo pacote de projetos de lei, Governo garante pagamento de datas-bases

A reestruturação da Lei 3.510 era esperada há décadas. Com ela, é possível a atualização salarial de vencimento e gratificações. A correção era esperada por 1987 servidores.

6 de dezembro de 2021

Bolsonaro quer Governo Federal decidindo sobre passaporte da vacina

Uma MP assinada por Bolsonaro teria o poder de alterar imediatamente essa lei, interferindo na autonomia de Estados e municípios, mas poderia ser rejeitada pelo Congresso.

6 de dezembro de 2021

General Heleno autoriza avanço de garimpo em áreas preservadas da Amazônia

Ministro Augusto Heleno do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) permitiu sete projetos de pesquisa de ouro em região na fronteira, ato inédito nos últimos dez anos.

6 de dezembro de 2021