fbpx

sexta, 30 de julho de 2021

Presidente Bolsonaro parte para cima do ministro Luís Roberto Barroso

Presidente da República afirmou a apoiadores que Luís Roberto Barroso terá muitos problemas se o voto impresso não for adotado nas eleições gerais do próximo ano.

5 de julho de 2021

Compartilhe

Luís Roberto Barroso é o atual presidente do Tribunal Superior Eleitoral, mas deixará o posto ainda neste ano, sendo substituído pelo ministro Luiz Edson Fachin.

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a atacar o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso. Na manhã desta segunda-feira (5), ele disse a apoiadores que não entende a posição do ministro contra o voto impresso.

“Não sei o que tem na cabeça dele, ou se ele é refém de alguém para estar nessa campanha, interferindo dentro do parlamento, se reunindo com lideranças e falando seus argumentos contra o voto auditável”, criticou Bolsonaro.

Em relação à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 135/2019, que institui o voto impresso e tramita na Câmara dos Deputados, o presidente disse que se ela não for aprovada na Casa, Barroso terá de “inventar uma forma de tornar transparentes as apurações. Senão ele vai ter problemas”, disse. “Não é a minha vida, mas se trata de algo muito importante, que é a nossa liberdade”, emendou o presidente.

A PEC do voto impresso deverá ser votada nesta tarde na Câmara Federal e já existe uma articulação envolvendo 11 partidos conservadores para arquivá-la.

Os ataques de Bolsonaro a Luís Roberto Barroso, contudo, são inutéis, pois ele deixará em breve a Corte Eleitoral, sendo substituído na presidência pelo também ministro do Supremo Tribunal Federal Luíz Edson Fachin, que por sua vez dará lugar a ministra Rosa Weber em junho do próximo ano, quando o processo eleitoral já estará em andamento.

Com informações do Congresso em Foco

Leia mais:

Leia mais sobre Política

PEC do Voto Impresso pode ser votada por Comissão na próxima quinta

Para garantir o sigilo do voto, será proibido o uso de qualquer elemento de identificação do eleitor na cédula impressa.

30 de julho de 2021

Garantido no Senado até 2026, Plínio não quer se aventurar a vice em 2022

Senador acredita ser uma boa opção para uma terceira via na disputa pelo Governo do Amazonas, mas descarta formar chapa com o tucano Arthur Neto na Eleição majoritária.

30 de julho de 2021

Bolsonaro ressuscita boatos de fraude nas Eleições e não prova nada

Presidente há um ano diz ter provas de que houve fraude nas Eleições em 2018. Nesta quinta-feira (29), mais uma vez não cumpriu com a palavra ao não revelar provas.

29 de julho de 2021

Punições pelo uso indevido de dados pessoais começam a valer domingo

Quem infringir a lei fica sujeito a advertência, multa simples, multa diária, suspensão parcial ou total de funcionamento, além de outras sanções.

29 de julho de 2021

CPI centrará fogo nas plataformas de redes sociais que divulgaram mentiras

O senador Omar Aziz considera um absurdo a quantidade de mentiras e desinformação que circula nas plataformas de redes sociais a partir de robôs de internet.

29 de julho de 2021

Senador do AM chama procurador do MPF de ‘militante ambiental’

O procurador proibiu que o Ibama realize audiências virtuais para expor o estudo de impacto ambiental para licenciamento da BR-319. Órgão tem 10 dias para acatar a decisão.

29 de julho de 2021

Pazuello depõe em inquérito da PF que apura prevaricação de Bolsonaro

O ex-ministro da Saúde começou a depor às 10h e até o momento segue na superintendência da Polícia Federal em Brasília. Pazuello hoje trabalha na cozinha do Planalto.

29 de julho de 2021

Procurador pede que Coari suspenda festividades pelos 89 anos da cidade

A comemoração dos 89 anos da fundação de Coari, recheada de eventos, deve ser suspensa a pedido Ministério Público do Amazonas devido ao risco sanitário.

29 de julho de 2021