fbpx

quarta, 22 de setembro de 2021

Manifestação que pede impeachment de Bolsonaro tem pouca adesão em Manaus

O ato não ganhou a adesão de alguns setores da esquerda porque, segundo eles, a organização é de entidades que ajudaram a eleger Bolsonaro.

12 de setembro de 2021

Compartilhe

Movimento definido de última hora pode ter resultado na baixa adesão do público (Foto: Caio Fonseca/RealTime1)

Movimento que acontece em pelo menos 15 cidades brasileiras neste domingo (12), pedindo o impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), teve pouca adesão em Manaus.

Marcado para iniciar às 9h, no Largo São Sebastião, no Centro da cidade, apenas cerca de 100 pessoas estavam no local da manifestação uma hora após o agendado.

“Todo grande movimento começou pequeno. Então, este movimento é importante para lutar contra um presidente negacionista, responsável por quase 600 mil mortes. É preciso destacar o trabalho de entrega do Brasil que ele está fazendo com venda de estatais, da Reman”, disse Willian Silva, representante do Rede.

Até às 10h30, foi possível identificar na manifestação a presença de representantes dos partidos PDT, PCdoB, Rede e Novo; de movimentos sociais e do Movimento Brasil Livre (MBL). Tal ato não ganhou a adesão de alguns setores da esquerda porque, segundo eles, a organização é de entidades que ajudaram a eleger Bolsonaro.

“A trajetória do PCdoB é de sempre estar nas lutas mais difíceis do nosso país. Eu fico imaginando, para esse grupo de puros e santos, que não compreendem o que é luta estratégica e tática, o que falaria Luis Carlos Prestes quando teve que apoiar Getúlio Vargas (…) Nós não escolhemos um lado fácil, escolhemos o lado necessário da luta política, o lado daqueles que, lá em Urucurituba, estão pagando R$ 150 por uma botija de gás, o lado de quem está pagando mais de R$ 40 num quilo de carne, no lado daqueles que, no Alto Solimões, pagam mais de R$ 7 para comprar o litro da gasolina”, elencou Yan Ivanovich, do PCdoB.

No ato, uma senhora jogou água em um rapaz que se posicionava contra o MBL. Veja o vídeo:

Texto: Rosianne Couto, com informações de Gerson Severo Dantas

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Diretor da Prevent fala na CPI sobre mortes após tratamento precoce

Pedro Benedito Batista Júnior é acusado de pressionar médicos contratados pela empresa para prescrever os remédios do chamado kit Covid para o tratamento precoce.

22 de setembro de 2021

Anvisa recomenda que Bolsonaro e comitiva cumpram quarentena

Presidente esteve em várias oportunidades com o Ministro da Saúde, que testou positivo para Covid-19 e ficou em Nova York cumprindo quarentena.

22 de setembro de 2021

Sem consenso, votação da Reforma Administrativa emperra na Câmara

Líderes partidários se reuniram nesta terça-feira com o deputado Arthur Maia (DEM-BA) e com o presidente da Câmara, Arthur Lira para discutir pontos sensíveis da reforma.

22 de setembro de 2021

Medalha do Mérito Cultural da Aleam receberá nome de Zezinho Corrêa

O cantor José Maria Nunes Corrêa, de nome artista Zezinho Corrêa, morreu de Covid-19 em fevereiro deste ano. A homenagem é proposta pelo deputado Saullo Vianna.

21 de setembro de 2021

PL propõe que ônibus tenham assentos sinalizados para passageiros autistas

O que o vereador autor da proposta pode não ter levado em conta é que a pessoa autista é considera PcD e todos os assentos dos ônibus em Manaus são preferências desde 2016.

21 de setembro de 2021

Vereador quer multa de até R$ 1,1 mil por veículos barulhentos em Manaus

Em caso de reincidência no período de ate doze meses a contar da atuação anterior, o condutor ou dono do veículo causador da poluição sonora terá a multa dobrada.

21 de setembro de 2021

Wagner Rosário se torna investigado após criar confusão na CPI

Controlador-Geral da União prestou depoimento, nesta terça-feira, sobre a atuação do órgão de controle, mas perdeu a compostura ao ofender a senadora Simone Tebet.

21 de setembro de 2021

Precatórios: acordo preserva pagamento de profissionais da educação

Texto precisa ser votado e aprovado na Câmara para seguir para o Senado. De acordo com a proposta, o pagamento dos precatórios será feito em curto prazo.

21 de setembro de 2021