fbpx

quinta, 18 de agosto de 2022

Henrique Oliveira garante que mesmo sem Pros sairá candidato em 2022

Uma nota enviada pelo secretário geral do partido causou estranheza nos bastidores da política, visto que há três semanas o ex-vice-governador anunciou que é pré-candidato.

16 de setembro de 2021

Compartilhe

Henrique disse que sua pré-candidatura é irrevogável (Foto: Reprodução)

Três semanas após o ex-vice-governador e ex-deputado federal Henrique Oliveira (Pros) anunciar que é pré-candidato ao Senado, o secretário-geral do partido, Ângelo Reis, emitiu uma nota afirmando que a sigla ainda estuda a possibilidade de lançar candidato ao Senado para as eleições 2022, mas que ainda não há nome definido.

Nas entrelinhas, o Partido Republicano da Ordem Social (Pros) anunciou que não reconhece ainda a pré-candidatura de Henrique, que, por sua vez, afirmou ao RealTime1, nesta quinta-feira (16), que a intenção de disputar a vaga de Omar Aziz (PSD) em 2022 é irrevogável.

“Sou pré-candidato e já fui procurado por outros partidos e prefiro ficar onde sempre estive. No Pros, que me acolheu. A minha pré-candidatura é irrevogável. Não abro mão dela e vou buscar o meu espaço”, reforçou o ex-vice-governador.

No entanto, Henrique se mostrou compreensivo caso o projeto do Pros para o pleito vindouro não incluir seu nome.

“Eu me sentirei honrado em ser o candidato ao Senado pelo Pros, mas se houver qualquer objeção ao meu nome, tem outros partidos que estão em busca do meu nome até pela densidade que tem se mostrado nas pesquisas”, comentou o pré-candidato.

“O ‘Cabeção’ não está morto. O ‘Cabeção’ voltou e voltou com força total. As pesquisas mostram que o cenário para o Senado está muito equilibrado”, completou Henrique, fazendo alusão ao apelido que ganhou no cenário político e que aderiu nas campanhas.

Henrique também ponderou que o posicionamento do partido depende muito das regras ainda indefinidas das eleições do ano que vem, no que diz respeito, por exemplo, a coligações.

O RealTime1 entrou em contato com o presidente do Pros, Mike Ezequias para que ele esclarecesse a situação que envolve a candidatura ao Senado. Mike afirmou que tudo que tem saído sobre o partido são “especulações” e disse que ainda não teve uma conversa com Henrique para tratar sobre o assunto em voga.

“A gente ainda não definiu quem serão os candidatos e as nominatas. Se o partido vai ter candidato próprio ou não, ou se a gente vai compor alguma coligação. Nos próximos dias vamos explicar todas as diretrizes do partido, as decisões tomadas e possíveis candidaturas”, disse Mike.

O presidente do Pros revelou ainda que o partido vem com uma chapa com vários nomes concorrendo às vagas para a Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) e que há chances reais de elegerem dois deputados estaduais. Para a Câmara Federal, Mike disse que a “chapa vem forte, com a expectativa de eleger um parlamentar”. Segundo ele, estas composições já estão alinhadas com a Executiva Nacional do partido.

Texto: Rosianne Couto

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Projeto de Lei na CMM quer evitar mudança no nome de ruas em Manaus

Vereador denuncia que as alterações servem apenas para suprir os interesses de políticos locais, que priorizam homenagens a familiares de agentes políticos.

17 de agosto de 2022

TRE-AM obriga apoiadores de Bolsonaro a retirarem outdoors contra Lula

Outdoors com propaganda eleitoral foram retirados, por decisão do TRE-AM, em Itacoatiara. A divulgação do conteúdo nesse tipo de mídia é vedada por Lei.

17 de agosto de 2022

Podcast ‘OBSERVATÓRIO POLÍTICO – Eleições 2022’ estreia nesta quinta

Primeiro programa da parceria RealTime1 e Comitê de combate à Corrupção do AM vai detalhar a "Carta de Compromisso" que os candidatos majoritários do Estado estão assinando.

17 de agosto de 2022

Confira o TOP5 dos parlamentares federais e estaduais nas redes sociais

O levantamento das 5 melhores performances de parlamentares federais e estaduais do Amazonas nas redes sociais está sendo feito semanalmente pelo RealTime1.

17 de agosto de 2022

Para 41%, Bolsonaro tem gestão negativa, aponta pesquisa Quaest

Avaliação da gestão de Bolsonaro oscilou pouco, dentro da margem de erro, em relação à pesquisa anterior da Quaest, quando 43% achavam negativa e 27%, positiva.

17 de agosto de 2022

No Amazonas, 19 candidatos levam títulos religiosos para o nome de urna

De acordo com a plataforma Divulgacand, as denominações "pastor" e "pastora" são as mais utilizadas pelos candidatos da comunidade evengélica, com 11 registros.

17 de agosto de 2022

Amazonino e Wilson convocam seguidores a mudar foto do perfil

A estratégia é uma tentativa de aproximar os eleitores, gerar identificação e demonstrar apoio à campanha. Wilson usou as cores da sua campanha e Amazonino o azul e vermelho.

17 de agosto de 2022

Candidatos registram nomes inusitados para chamar atenção do eleitor

Chico Bento, Maria Bonita, Papaleguás, Babalu, Vanessa da ZL, Velho do Rio do Lago do Ubim, Neiva do Ceú são alguns dos nomes de urna escolhidos por candidatos no Amazonas.

17 de agosto de 2022