fbpx

quinta, 21 de janeiro de 2021

235 doentes vão continuar tratamento da covid-19 fora do Amazonas

Falta de insumos leva pacientes com Covid-19, cujos quadros são considerados moderados, para tratamento fora de Manaus. A iniciativa é fruto de parceria entre Governos.

14 de janeiro de 2021

Compartilhe

Data do início dos embarques ainda não foi divulgada, pela Assessoria de Comunicação do Governo. (Foto: divulgação)

Com a falta de oxigênio hospitalar para atender a demanda dos pacientes diagnosticados com a covid-19 em Manaus, os governos do Amazonas e Federal lançaram, nesta quinta-feira (14), um Plano de Cooperação que vai fazer com que os doentes sejam tratados fora do estado.

Com o apoio de outros cinco estados brasileiros, para o transporte aéreo e tratamento, num primeiro momento, de 235 pacientes acometidos pela Covid-19, cujos quadros clínicos são considerados moderados.

“Estamos no momento mais crítico da pandemia. Algo sem precedentes no estado do Amazonas, em que enfrentamos muitas dificuldades em conseguir insumos. A principal dificuldade atualmente tem sido a aquisição de oxigênio”, destacou o governador do Amazonas, Wilson Lima.

Embarque deve acontecer o mais rápido possível

Sem afirmar a data da viagem, o Governo do Amazonas informou que cem pacientes serão transferidos para hospitais da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH), no Maranhão, Piauí, Rio Grande do Norte, Goiás e Distrito Federal, além de mais 100 para a rede estadual de saúde de Goiás.

O secretário de Estado da Saúde, Marcellus Campêlo, destacou que, na noite da última quarta-feira (13), a empresa fornecedora da maior parte dos gases medicinais à rede pública estadual oficializou “dificuldades em relação à execução do plano logístico para a entrega de insumos e a alta demanda que vinha ocorrendo” na rede pública de saúde.

Demanda por oxigênio aumentou 160%

“Os governos e as Forças Armadas começaram a trabalhar para o apoio logístico e a entrega de oxigênio. Mas, tivemos um pico e um aumento da demanda acima do esperado”, explicou. O aumento expressivo ocorreu entre os dias 1º e 12 deste mês.

De acordo com o secretário, entre os meses de março e maio, houve um consumo máximo 30 mil metros cúbicos/dia. Hoje, são mais de 76 mil, um acréscimo de 160%.

Estratégia

O secretário de Atenção Especializada do MS, coronel Luiz Otávio Franco Duarte, destacou que o transporte dos pacientes será feito de forma coordenada, com apoio assistencial de pelo menos duas equipes de saúde.

Em um primeiro momento, a empresa Gol Linhas Aéreas dará o suporte, mas outras empresas poderão ser contratadas no decorrer do plano.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) também está auxiliando no fornecimento de material a ser utilizado no transporte.

“São pacientes que ainda continuam dependente do oxigênio, mas eles têm toda a segurança para serem aerotransportados. É muito importante entender que o paciente do Amazonas que subir na aeronave terá toda a segurança e assistência.”, garantiu.

Leia Mais:

Com toque de recolher, Manaus fica cada vez mais perto do lockdown

Consumo de oxigênio hospitalar no AM aumentou mais de onze vezes

Veja mais notícias

Covid: 5 mil novos casos em 24 horas, mais um triste recorde no AM

Essa e outras notícias na coluna TEMPO REAL do portal RealTime1: Informação com credibilidade sobre política e os últimos acontecimentos do Amazonas.

21 de janeiro de 2021

Programa Mais Médicos tem mais de 150 inscritos para atuar em Manaus

Programa recebeu 153 inscrições de interessados em atuar no combate à Covid-19 na capital. Com o total de inscritos, todas as 108 vagas disponíveis poderão ser ocupadas.

21 de janeiro de 2021

Vacinação suspensa: campanha vai passar por reformulação em Manaus

Semsa se comprometeu em suspender as vacinas nesta quinta-feira para que seja feita a reprogramação da campanha. Segunda dose para profissionais já vacinados está garantida.

21 de janeiro de 2021

Cientista fala sobre atraso de insumos: ‘incompetência diplomática’

Emocionada ao receber premiação, Margareth Dalcomo fez um desabafo sobre a escassez de vacinas contra a Covid-19 no Brasil. Para ela é "injustificável" não ter imunizantes.

21 de janeiro de 2021

Portugueses vão enviar 50 mil Euros para hospital em Manaus

A ajuda chega num dos momentos mais desafiantes da pandemia de em Manaus, que enfrenta uma devastadora segunda onda de incidências de casos de covid-19.

21 de janeiro de 2021

É golpe: MS alerta sobre falso agendamento de vacinação contra covid-19

De acordo com o Ministério da Saúde, não existe nenhum agendamento, via telefone, do sendo realizado e "jamais pede esse tipo de confirmação de dados".

21 de janeiro de 2021

David quer informações sobre as obras que Arthur deixou inacabadas

O prefeito alega que por toda a capital existem obras a serem terminadas e que geram prejuízo para a população, como por exemplo os terminais de ônibus 4 e 5 e creches.

20 de janeiro de 2021

Covid: oito cidades do Brasil receberam 135 pacientes transferidos do AM

A medida, que conta com o apoio da Força Aérea, foi tomada para desafogar a rede do sistema de saúde público do Estado, que colapsou em meio à falta de oxigênio.

20 de janeiro de 2021