fbpx

sábado, 23 de janeiro de 2021

Com toque de recolher, Manaus fica cada vez mais perto do lockdown

Essa e outras notícias na coluna TEMPO REAL do portal RealTime1: Informação com credibilidade sobre política e os últimos acontecimentos do Amazonas.

14 de janeiro de 2021

Compartilhe

Em pronunciamento transmitido pelas redes sociais para prestar esclarecimentos sobre a crise da falta oxigênio instaurada em Manaus, o governador Wilson Lima (PSC) anunciou novas medidas de contenção da transmissão do novo coronavírus. Entre elas está o toque de recolher, que será estabelecido na estado por meio de um novo decreto, das 19h às 6h. Com a medida, que restringe a livre circulação de pessoas do cair da noite ao amanhecer do dia, a capital fica mais próxima de um lockdown, que seria o próximo passo natural. O próprio governador ressaltou que outras medidas de contenção ainda podem ser tomadas.

___

NO INTERIOR

Se antecipando à determinação do Governo do Estado, sete municípios do interior decretaram toque de recolher em um intervalo de 24 horas. Na quarta-feira (13), Lábrea, Nova Olinda do Norte, Anamã e Beruri adotaram a medida. Já nesta quinta-feira (14) foi a vez de Boa Vista do Ramos, Careiro e Tonantins. Além dos sete municípios, Parintins e Itacoatiara já adotaram a medida há alguns dias.

___

TRANSFERÊNCIA DE PACIENTES

Ainda durante o pronunciamento realizado pelo Governo do Estado, o coronel Élcio Franco, número dois do Ministério da Saúde, anunciou que será realizada a transferência de pacientes de Manaus para hospitais federais em outros estados. Além de desafogar a procura por leitos na capital, a medida também diminui o consumo de oxigênio, que se encontra acima da capacidade de abastecimento.

___

‘MINORIA BARULHENTA’

Para o ministro da Educação, Milton Ribeiro, apenas uma “minoria barulhenta” insiste em querer o adiamento das provas do Enem, que continua com a aplicação de provas presenciais mantida para os próximos dois domingos em todo o Brasil. No Amazonas, contudo, a realização das provas foi suspensa por meio de liminar que acatou solicitação do vereador Amom Mandel. Não se sabe ainda, entretanto, quando os inscritos do Amazonas terão oportunidade de fazer as provas.

____

‘DUPLA DINÂMICA’

No Amazonas, a “minoria barulhenta” encontrou liderança no jovem e estreante vereador Amom Mendel (Podemos), que fez uma “dupla dinâmica” com o veterano deputado federal Marcelo Ramos (PL), que também começou sua carreira política bem jovem. Os dois ingressaram com pedido de liminar pelo cancelamento do Enem e foram atendidos. Os dois políticos realizaram uma live após a sentença liminar favorável, Marcelo admitiu que teve papel coadjuvante na ação, ao parabenizar Amom pela iniciativa.

___

#ADIAENEM

Não é somente no Amazonas que há um movimento pelo adiamento do Enem por conta da pandemia de Covid-10. Em todo o País, há quem defenda que realização dos exames pode acarretar num aumento considerável de casos. O ex-candidato a presidente da República e à prefeitura de São Paulo Guilherme Boulos recorreu às redes sociais para defender a suspensão do exame em todo o Brasil. “A aplicação do exame já foi suspensa pela Justiça no Amazonas. E precisa ser adida em todo o país para salvar vidas! #adiaenem”, diz a postagem.

___

OLHO POR OLHO

O prefeito David Almeida (Avante) declarou em entrevista que, se fosse o governador, devolveria na mesma moeda a decisão do governador do Pará, Helder Barbalho (MDB), que fechou as fronteiras fluviais de seu estado para embarcações provenientes do Amazonas. A medida, aliás, reacendeu uma histórica rixa existente entre os dois estados vizinho que já foram inclusive um único estado: Grão-Pará.

___

TRISTES RECORDES

Manaus bateu mais um triste recorde nesta quarta-feira: 198 sepultamentos. A média, que em meados de dezembro era de 30 sepultamentos diários, subiu para 50 no final do mês (e do ano) e vem subindo desde então. São recordes consecutivos há vários e, com a crise da falta de oxigênio nas unidades de saúde, tende a continuar aumentando.

Veja mais notícias

PGR recomenda e Wilson Lima diz que vai acatar medidas mais rígidas

O pedido é para que o Governo do Amazonas endureça as medidas de isolamento até que haja diminuição ou estabilização da curva de contaminação da covid-19.

22 de janeiro de 2021

Vereador pede que recursos do carnaval sejam destinados para saúde

Rodrigo Guedes é o autor da solicitação feita a Prefeitura de Manaus e ao Governo do Estado, para que os recursos sejam destinados à saúde da capital e do interior.

22 de janeiro de 2021

Rosemary Pinto, diretora da FVS-AM, é mais uma vítima da Covid

Profissional de referência no Amazonas, a epidemiologista foi uma dos principais nomes no combate ao vírus no estado. Ela estava internada desde o dia 8 de janeiro.

22 de janeiro de 2021

Secretários são multados em R$ 50 mil por crise na saúde do AM

Juíza cobrava regularização na distribuição de oxigênio nas unidades de saúde, a ampliação no número de leitos nos hospitais e a transparência no Plano de Imunização.

22 de janeiro de 2021

Audiência Pública discute criação de consórcio para compra de vacina

De acordo com a autora da proposta, deputada Dra. Mayara, o estado precisa ter independência para adquirir os imunizantes diretamente, sem a intermediação do Governo Federal.

22 de janeiro de 2021

Comitê aciona delegacia para investigar irregularidades na vacinação

Na solicitação, o Comitê de Combate à Corrupção pede que "em caso de comprovação, que sejam indicadas medidas administrativas e judiciais aos órgãos competentes".

22 de janeiro de 2021

Governo anuncia repasse do FTI para fortalecer combate à covid-19

Governo quer repassar R$ 100 milhões do Fundo de Fomento ao Turismo, Infraestrutura, Serviços e Interiorização do Desenvolvimento do Estado (FTI) para o interior

22 de janeiro de 2021

Vereador Amom libera pré-inscrições para vagas no gabinete

As pré-inscrições estão sendo feitas de forma virtual onde, no site do vereador, o candidato realiza um cadastro. O edital completo será divulgado dia 31 de janeiro.

22 de janeiro de 2021