fbpx

sexta, 24 de setembro de 2021

DEM e PSL emitem nota conjunta contra discursos de Bolsonaro

Partidos, que compõem o 'Centrão', divulgaram nota criticando as falas do presidente Bolsonaro e pediram "um basta às tensões políticas, ódios, conflitos e desentendimentos".

8 de setembro de 2021

Compartilhe

As falas do presidente contra o Supremo Tribunal Federal resultou na unificação das falas dos dirigentes de Democratas e PSL, o ex-partido de Bolsonaro (Foto: Reprodução)

Os partidos Democratas (DEM) e Social Liberal (PSL), que estão próximos de se fundirem, emitiram uma nota conjunta nesta quarta-feira (8) na qual criticam os discursos do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) durante os atos do Sete de Setembro. O tom é de crítica.

No documentos, as siglas acusam o presidente de ter se insurgido contra as instituições democráticas. Este é o primeiro material oficial construído de maneira alinhada entre os dois partidos e apresentado ao público.

Também na nota, os partidos falam em “dar um basta às tensões políticas, ódios, conflitos e desentendimentos”.

A fusão entre democratas e integrantes do PSL tem vistas às eleições presidenciais do próximo ano. Caso a união ocorra, é possível que o novo partido, que ainda não tem nome definido, se converta no maior da Câmara dos Deputados. O PSL conta, atualmente, com 53 deputados federais e o DEM, 28.

Internamente, se estuda o lançamento de um candidato próprio para a eleição presidencial. Cortejado pelo presidente do PSD, Gilberto Kassab, o atual presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM/MG), é democrata e visto como possível pré-candidato ao Executivo Federal. Pacheco, no entanto, estuda migrar para a sigla pessedista.

Leia a íntegra da nota:

O PSL e o Democratas entendem que a liberdade é o principal instrumento democrático e não pode ser usada para fins de discórdia, disseminação de ódio, nem ameaças aos pilares da própria Democracia.

Por isso, repudiamos com veemência o discurso do senhor presidente da República ao insurgir-se contra as instituições de nosso país.

Hoje se torna imperativo darmos um basta nas tensões políticas, nos ódios, conflitos e desentendimentos que colocam em xeque a Democracia brasileira e nos impedem de darmos respostas efetivas aos milhões de pais e mães de família angustiados com a inflação dos alimentos, da energia, do gás de cozinha, com o desemprego e a inconstância da renda.

Não existe independência onde ao cidadão não se garantem as condições para uma vida digna. O Brasil real pede respostas enérgicas e imediatas.

Coloquemos as mãos à obra.

Com informações do Congresso em Foco

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Reforma Eleitoral contempla negritude no Brasil, avalia Instituto Afro

Mulheres e pessoas negras eleitas terão peso em dobro para partidos no fundo eleitoral de 2022 a 2030, conforme PEC da Reforma Eleitoral aprovada esta semana pelo Senado.

24 de setembro de 2021

Wilson reúne com Governo Federal sobre audiências públicas da BR-319

As audiências são o momento em que a população tem a oportunidade de conhecer o empreendimento e apresentar as dúvidas e opiniões sobre as obras na BR-319.

24 de setembro de 2021

Guarda Municipal terá granadas e aspersores de gás de pimenta

Casa Militar autorizou a compra, sem licitação, de um lote de granadas de gás lacrimogêneo e aspersores de gás de pimenta para equipar a Guarda Municipal de Manaus.

24 de setembro de 2021

Aleam faz caridade com parte do salário dos servidores

Servidores que aderirem ao Programa Assembleia Participativa terão que contribuir com pelo menos 1% do salário mínimo. Aleam informa que todos podem cancelar a adesão.

24 de setembro de 2021

TSE adia mais uma vez julgamento do último recurso de ‘Adailzinho’

Em março deste ano, a corte regional rejeitou recurso de Adail Filho e manteve a cassação. Se o TSE recusar o recurso dele, novas eleições serão realizadas em novembro.

24 de setembro de 2021

Wilson lança plano que amplia oferta de consultas e exames na rede estadual

Ampliação inicia pelo Hospital e Pronto-Socorro Delphina Aziz, com oferta de quase 98,5 mil exames e consultas por mês, nos projetos Consulta+ e Examina+, anunciados hoje.

24 de setembro de 2021

Omar revela intenção de encerrar trabalhos da CPI na próxima semana

Os trabalhos da CPI da Covid foram prorrogados até novembro, mas cúpula dirigente quer encerrar a investigação, no máximo, na primeira semana de outubro.

24 de setembro de 2021

Entrega de kit humanitário em Manacapuru gera conflito entre prefeito e MP

A promotora de Justiça de Manacapuru Tânia Maria Azevedo Feitosa abriu o procedimento porque entendeu que R$ 7 milhões é um valor "muito alto" para uma licitação de 12 meses.

24 de setembro de 2021