fbpx

sábado, 22 de janeiro de 2022

Bate e volta: CPI da Amazonas Energia vai para o pleno do TJAM

A CPI, que iniciaria nesta quinta (9), foi suspensa por uma decisão liminar do desembargador Airton Gentil. O tema agora volta para o TJAM, para ser apreciado pelo pleno.

9 de setembro de 2021

Compartilhe

TJAM ainda não tem data para analisar a decisão (Foto: Reprodução)

Depois do ”balde de água fria” jogado pelo desembargador do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) Airton Gentil na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Amazonas Energia nesta quarta-feira (8), o Tribunal voltará a analisar o Mandado de Segurança que suspendeu os trabalhos da comissão no parlamento estadual, um dia antes do início, que estava previsto para essa quinta-feira (9), só que desta vez no pleno. O relator será o desembargador Paulo César Caminha e Lima.

Na sessão plenária desta quinta-feira (9) na Assembleia Legislativa, o presidente da CPI, deputado Sinésio Campos (PT) usou seu tempo na tribuna para criticar a postura da empresa.

”Estou contente em saber que a Amazonas Energia está gastando energia com seus advogados em vez de prestar um serviço de energia decente para o povo do Amazonas. Ao invés dela enfrentar a CPI e mostrar pra CPI que ela está no caminho certo, ela está se escondendo”.

Sinésio, em tom mais acalorado, declarou que nesta quarta-feira (8), a capital sofreu com problemas de falta de energia em bairros como Dom Pedro na zona Centro-Oeste, Parque 10 na zona Centro Sul e alguns bairros da zona Leste foram exemplos citados pelo parlamentar.

Entenda o caso da CPI

A CPI da Amazonas Energia, que tem como objetivo investigar possíveis irregularidades em relação ao serviço prestado pela companhia, foi instalada na Assembleia Legislativa no último dia 2 de setembro, mas foi suspensa por liminar concedida à empresa pelo desembargador plantonista do TJAM Airton Corrêa Gentil. Na decisão, o magistrado afirmou: ”[…] ainda que seja possível a instauração de CPI para a apuração de fatos diversos, estes devem estar delimitados, com a indicação do tempo em que foram praticados e a descrição exata da conduta investigada”

O desembargador plantonista completou sua decisão afirmando que é necessário delimitar os fatos, em relação às faltas de energia. ”Apesar de a falta de energia elétrica ocasionar dano presumido não houve especificação dos fatos a serem apurados porquanto inexiste delimitação de onde, quando e tempo de duração dos apagões a serem investigados” afirmou na liminar concedida.

Ainda não há data prevista para o novo julgamento.

Texto: João Luiz Onety

Leia mais:

Leia mais sobre Política

Wilson e Queiroga participam de mobilização contra Covid-19 em Manaus

Mobilização de ações contra a Covid-19, com a vacinação e a testagem da população em larga escala, acontecem simultaneamente nos sete estados da região Norte neste sábado.

21 de janeiro de 2022

Carol Braz e Luiz Castro dão primeiro passo na disputa por Governo e Senado

Carol desfiliou-se do PSC para disputar o governo do Amazonas pelo PDT, enquanto Luiz deixou a Rede para tentar pela segunda vez chegar ao Senado Federal.

21 de janeiro de 2022

Prefeito de Parintins, Bi Garcia revela que testou positivo para Covid-19

Nas redes sociais o prefeito de Parintins, Frank Bi Garcia, revelou que sentiu sintomas leves na noite desta quinta-feira e resolveu fazer um exame que confirmou a doença.

21 de janeiro de 2022

Bolsonaro chega ao velório da mãe, que morreu aos 94 anos em São Paulo

Olinda, que sofria com Alzheimer, morreu aos 94 anos na madrugada desta sexta. Ela estava internada em um hospital de São Paulo e a causa da morte não foi divulgada.

21 de janeiro de 2022

Lula segue na liderança do primeiro turno com 42%; Bolsonaro tem 28%

Esta rodada, no entanto, trouxe um fato novo: Lula entrou na zona do empate técnico em comparação ao somatório das intenções de voto dos demais candidatos.

21 de janeiro de 2022

TRE autoriza desfiliação de Marcelo Ramos do Partido Liberal

Marcelo Ramos confirmou que a partir de agora está formalmente fora do PL. O vice-presidente da Câmara Federal afirmou que deve anunciar um novo partido em breve.

21 de janeiro de 2022

MPAM expede recomendação contra nepotismo na Prefeitura de Canutama

Promotoria do MPAM de Canutama recomendou que o Município exonere agentes públicos que tenham algum parentesco com o prefeito e o vice-prefeito, em até 30 dias.

21 de janeiro de 2022

Partido de Bolsonaro tem de Tiririca a líder da bala no Congresso

Além de um numeroso grupo de candidatos leais a Bolsonaro e alinhados ao ideário do atual presidente, o PL deve chamar a atenção durante as eleições pela composição eclética.

21 de janeiro de 2022