fbpx

sexta, 07 de maio de 2021

Contra ‘gazeteiros’, Glória Carrate quer fim das sessões híbridas na Câmara

Sem citar nomes, a vereadora denunciou colegas que faltam às sessões e congelam as imagens na plataforma de reuniões virtuais dando a falsa impressão de estar presentes.

14 de abril de 2021

Compartilhe

Glória Carrate quer o fim das sessões híbridas na Câmara Municipal de Manaus (Foto: Reprodução)

A vereadora Glória Carrate (PL) pediu nesta quarta-feira (14) o fim das sessões híbridas na Câmara Municipal de Manaus (CMM). Na opinião dela, as sessões que misturam parlamentares que estão no plenário e parlamentares que participam de forma virtual representam um privilégio para o grupo de 41 vereadores, enquanto grande parte da população continua exposta ao risco da Covid-19.

“Gostaria que nós acabássemos com a Câmara On-line, de forma virtual, uma vez que os trabalhadores estão trabalhando, estão pegando ônibus, estão na rua se expondo e nós vereadores, que somos minoria, não podemos protelar isso. Temos que trabalhar de forma firme, forte, assistindo e olhando de forma presencial aqui na Câmara”, defendeu.

Gazeteiros

Outro problema do sistema híbrido de sessões apontado pela vereadora está na ausência de vereadores que fingem estar acompanhando as sessões de forma virtual. Sem citar nomes, Glória Carrate denunciou que alguns colegas faltam às sessões e congelam as imagens na plataforma de reuniões virtuais para dar a falsa impressão de que estão acompanhando as discussões no Plenário.

“Me desculpem a quem serviu a carapuça, mas eu estou aqui e sempre são os mesmos vereadores que estão aqui no horário regimental. Enquanto estamos aqui fazendo quórum para que este plenário não encerre a sessão, tem muitos vereadores na rua, fazendo tapa-buraco, fazendo isso, fazendo aquilo. Por que eles não cumprem a obrigação deles como vereadores no horário regimental?”, questionou a vereadora.

“No horário regimental nós só temos três dias para trabalhar nesta Casa, segunda, terça e quarta-feira, e [o trabalho] inicia às 9 horas da manhã e vai no máximo até as 13 horas. É pedir muito, senhores?”, completou Glória.

Apoio

O pedido de Glória recebeu o apoio do vereador Rodrigo Guedes (PSC). O parlamentar pediu que a proposta fosse colocada em votação pela Mesa Diretora.

“Gostaria de solicitar que nós coloquemos em votação a proposta da vereadora Glória Carrate para extinguirmos a sessão híbrida, a sessão virtual. Como ela muito bem falou, o trabalhador não tem direito a trabalho virtual. Eu, por exemplo, estou aqui todos os dias e fico do início ao fim da sessão. Então não é justo alguns vereadores ficarem aqui e outros ficarem em casa. No horário do expediente, o vereador tem que estar aqui no Plenário”, destacou Guedes.

Matéria deve ser discutida em reunião de líderes

Apesar disso, o vereador Professor Samuel (PL) lembrou que a decisão de botar ou não a matéria em pauta deverá ser discutida em reunião de líderes.

O vereador Wallace Oliveira (Pros), que estava presidindo a sessão, confirmou que a discussão será feita entre as lideranças.

“Vereadores, o caminho é esse: reunião de lideranças. E vossas excelências sabem muito bem disso”, finalizou.

Reportagem: Lucas Raposo

Leia mais:

Leia mais sobre Política

Codajás recebe quase R$ 400 mil em projetos de crédito rural do Governo

Os valores foram destinados para pesca artesanal (R$301.656,85) e agricultura familiar (R$96.288,00), sendo financiados pela Agência de Fomento do Amazonas (Afeam).

7 de maio de 2021

Pacheco escreve a embaixador chinês e fala em ‘relação construtiva’

O presidente do Senado finaliza a carta convidando Yang Wanming para uma visita à Casa Legislativa assim que as condições pandêmicas tornarem o encontro favorável.

7 de maio de 2021

Auxílio Enchente começa a ser pago em Anamã pelo governador Wilson Lima

Operação Enchente leva ajuda humanitária, água potável e ações nas áreas social, de saúde e de fomento aos municípios em Situação de Emergência.

7 de maio de 2021

Gasolina do Cotão dos 24 deputados estaduais enche 300 tanques

No período em que a presença física nas sessões é facultativa, dois dos 24 deputados consumiram gasolina suficiente para ir e voltar sete vezes a Boca do Acre.

7 de maio de 2021

Carlos Almeida não deve ser ouvido pela CPI da Covid no Senado

Essa e outras notícias na coluna TEMPO REAL do portal RealTime1: Informação com credibilidade sobre política e os últimos acontecimentos do Amazonas.

7 de maio de 2021

Vereadores gastam R$ 272 mil com assessoria e divulgação

O vereador campeão nesse gasto foi Ivo Neto (Patriota), que utilizou R$ 19.800 nessas atividades. No entanto, assessoria não evitou que ele apresentasse um projeto repetido.

7 de maio de 2021

Não vai ter ‘pizza’: para 38% dos brasileiros, CPI atingirá objetivos

Segundo levantamento EXAME/IDEIA, 38% acreditam que a CPI vai apontar culpados pelas falhas no combate à pandemia, aumentar o ritmo da vacinação e a elevar valor do auxílio.

7 de maio de 2021

Mourão diz que Pazuello foi ‘risco’ à Saúde e o quer em ‘traje civil’ na CPI

Para o vice-presidente, decisão em colocar o general Pazuello à frente do Ministério foi um risco e que ser general 'da ativa ou reserva' não o impede de ir ao Senado depor.

7 de maio de 2021