fbpx

quarta, 01 de dezembro de 2021

Braga Veículos é alvo de operação da Polícia e Receita Federal no Amazonas

Polícia e Receita Federal investigam esquema que pode ter sonegado R$ 500 milhões na venda de picapes para outros Estados com benefícios fiscais exclusivos da Zona Franca.

17 de novembro de 2021

Compartilhe

Esquema investigado pela Polícia e a Receita Federal envolve a comercialização de 373 picapes novas e gerou sonegação de impostos que alcança a cifra de R$ 500 milhões (Foto: Divulgação)

A Polícia Federal e a Receita Federal deflagraram, na manhã desta quarta-feira (17), a Operação Francamente, que tem como alvo concessionárias de veículos do Amazonas que usam dos incentivos da Zona Franca de Manaus (ZFM) para vender picapes mais baratas para compradores de outras regiões do País. Entre os alvos estão a Braga Veículos, uma das mais tradicionais revendas de automóveis da cidade, e a São José Locadora.

Segundo a Receita Federal, o esquema envolveu a comercialização de 373 caminhonetes, que deveriam ser usadas apenas na área que integra a ZFM, e deu um prejuízo de R$ 26 milhões aos cofres públicos. Foram expedidos pela Justiça Federal do Mato Grosso 23 mandados de busca e apreensão no âmbito da operação. A ordem judicial inclui também o sequestro de bens de um dos investigados.

Os mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos em Manaus e em outras quatro cidades do Brasil. Ao menos 40 integrantes da Receita Federal, aproximadamente 85 policiais federais, 24 integrantes do Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado do Mato Grosso e do Amazonas estão envolvidos na operação.

Como funciona o esquema

Para os veículos serem enviados legalmente a outras regiões, os compradores deveriam pagar integralmente os impostos IPI, PIS, COFINS e ICMS, que não são cobrados na venda de veículos de carga (caminhonetes) para o uso exclusivo no território abrangido pelos incentivos fiscais da Zona Franca de Manaus (ZFM).

Os tributos evadidos com a saída irregular das 373 caminhonetes da ZFM foram estimados em R$ 26 milhões. Porém, a estimativa global da fraude, considerando todos os tipos de veículos de carga desviados para as mais diversas regiões do país, pode atingir a cifra de R$ 500 milhões.

A fraude consiste em utilizar a ZFM apenas para se aproveitar dos benefícios fiscais. Os supostos grupos criminosos se valiam de servidores do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) e de “grande rede de contatos”, que captava clientes interessados em adquirir caminhonetes zero km a um preço muito inferior ao normal, aproximadamente R$ 30 mil a menos por veículo.

Servidores do Detran-AM realizariam a baixa indevida da restrição tributária no sistema, de forma que o proprietário, ou o intermediário, pudesse transferir o veículo para qualquer localidade do país sem o pagamento dos tributos devidos.

O trabalho investigativo revelou que, possivelmente, aproximadamente 25% dos veículos comercializados pelas concessionárias eram contrabandeados para outras unidades da federação onde, de fato, eram utilizados.

Da Redação, com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprova PEC dos Precatórios

A PEC do senador Fernando Bezerra, que já passou pela Câmara dos Deputados, libera espaço fiscal em 2022 para o pagamento do programa social Auxílio Brasil.

1 de dezembro de 2021

Prazo para apresentação de emendas impositivas à LOA encerra hoje

O Governo estima o orçamento para o próximo ano fiscal em pouco mais de R$ 24 bilhões. Os deputados podem dispor de 1,2% da receita corrente líquida para emendas individuais.

1 de dezembro de 2021

Comissão de Educação ignora pedidos do Sinteam e frustra educadores

Sindicato que representa a categoria dos profissionais da Educação diz que a comissão não deu retorno de ofícios protocolados ao longo do ano; reajuste é uma das pautas.

1 de dezembro de 2021

STF mantém foro de Flávio Bolsonaro no caso das rachadinhas

A investigação que atinge o senador foi desidratada por decisões do STJ, que anulou a maior parte das provas colhidas em primeiro grau por considerar o juízo incompetente.

1 de dezembro de 2021

Deputados debatem prática de empinar moto como atividade desportiva

Deputada diz que o 'grau de moto' têm sido muitas vezes reprimido por agentes da polícia e por isso quer transformar a 'acrobacia' em esporte.

1 de dezembro de 2021

Destacando presença de deputados, Bolsonaro oficializa entrada no PL

Durante o evento, o presidente Jair Bolsonaro destacou que a cerimônia foi uma simples filiação ao partido e que não estava “lançando ninguém a cargo nenhum”.

30 de novembro de 2021

Plínio e Marcelo defendem emendas do relator e transparência na aplicação

Senador Plínio Valério e o vice-presidente da Câmara, Marcelo Ramos, defenderam o instrumento que possibilita liberação de recursos para o Estado e os municípios.

30 de novembro de 2021

Ministério Público do Amazonas vai investigar garimpagem no rio Madeira

MP-AM instalou inquérito civil público na última sexta-feira (26) para investigar "possíveis irregularidades" das balsas de garimpo que se amontoaram no Rio Madeira.

30 de novembro de 2021