fbpx

domingo, 23 de janeiro de 2022

Amazonas destinou R$ 13,3 milhões para agricultura familiar em 2021

Ações do Programa Alimenta Brasil, que compra produtos da agricultura familiar, destinaram cinco mil toneladas de alimentos a quase 164 mil pessoas em 55 municípios do AM.

27 de dezembro de 2021

Compartilhe

Nas 55 localidades abrangidas, o PAB beneficiou 174 entidades socioassistenciais cadastradas (Foto: Divulgação)

No Amazonas, a Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror) chegou ao fim de 2021 com o melhor resultado obtido na região Norte na execução do Programa Alimenta Brasil (PAB), do Ministério da Cidadania.

O programa, que compra produtos com origem na agricultura familiar e distribui como doação simultânea, levou assistência alimentar a aproximadamente 164 mil pessoas em 55 municípios, investindo R$ 13,3 milhões na aquisição de produtos da agricultura familiar, fornecidos por 2.059 agricultores.

Nas 55 localidades abrangidas, o PAB beneficiou 174 entidades socioassistenciais cadastradas. As instituições são encarregadas de receber os produtos agrícolas e entregar imediatamente às famílias em situação de vulnerabilidade alimentar nos próprios municípios onde cada aquisição é efetuada.

As aquisições em maiores quantidades foram feitas nos municípios de Manaus, com 582 quilos de frutas, legumes e hortaliças fornecidos por 215 agricultores; seguido de Manacapuru, com 257 quilos, fornecidos por 95 agricultores; e Itacoatiara, com 252 quilos, fornecidos por 93 agricultores.

O município de Apuí participa com a maior variedade de produtos agrícolas, reunindo 21 do total de 38 itens comercializados por agricultores familiares cadastrados no PAB: mamão, melancia, milho verde, pimenta-de-cheiro, macaxeira, rúcula, salsa, abacaxi, abóbora-de-leite, abobrinha, alface, banana-prata, batata-doce, cebolinha, chicória, coentro, couve, coco verde, feijão-de-metro, laranja regional e limão.

Além destes produtos, também fazem parte das aquisições do PAB a abóbora cabocla, açaí em caroço, banana-pacovã, banana convencional, cará-roxo, castanha-do-brasil, cupuaçu fruto, manga, maracujá, tucumã e galinha caipira.

Ainda entre os produtos que estão na lista do PAB no Amazonas, destacam-se alguns que são produzidos com exclusividade em alguns municípios, como o açúcar mascavo, mel de cana e rapadurinha, originários de Carauari; e o mel de abelha, produzido em Boa Vista do Ramos.

Completam a lista o pirarucu de manejo, fornecido por manejadores dos municípios de Japurá, Maraã, Santo Antônio do Içá; e o tambaqui curumim, produzido no município de Careiro Castanho.

Leia mais:

Leia mais sobre Política

Prefeito de Manaus, David Almeida, testa positivo para Covid-19

Esta é a segunda vez que David Almeida (Avante) foi diagnosticado com Covid-19. A primeira foi em setembro de 2020, durante a pré-campanha para prefeito de Manaus.

22 de janeiro de 2022

Governo vai enviar doses pediátricas para estados com baixos estoques

Remessa emergencial de vacinas para crianças será enviada a estados com estoques abaixo das 40 mil doses. Segundo o Ministério da Saúde, doze estados estão nessa situação.

22 de janeiro de 2022

‘De novo’: Bolsonaro minimiza números de mortes de crianças por Covid

Bolsonaro voltou a citar remédios sem eficácia comprovada contra o coronavírus e disse que o número de mortes de crianças pela doença foram insignificantes.

22 de janeiro de 2022

Ministério da Saúde prorroga contrato do Programa Mais Médicos em Manaus

O contrato seria encerrado no final deste mês, mas foi prorrogado a pedido da Prefeitura por conta do aumento dos atendimentos por Covid-19 e outras síndromes respiratórias.

22 de janeiro de 2022

Em Manaus, Queiroga defende vacinação mas critica passaporte vacinal

Marcelo Queiroga pediu esforço dos estados para aumentar os níveis de vacinação, mas criticou a adoção do passaporte vacinal ao dizer que o documento não ampliaria os números

22 de janeiro de 2022

Ciro diz que falhas do PT são responsáveis pela vitória de Bolsonaro

Na sua avaliação, os presidentes do PT não diferem de Bolsonaro em suas agendas econômicas, criticadas por não estabelecer políticas de tributação de grandes fortunas.

22 de janeiro de 2022

Enchente 2022: Governo do Estado institui Grupo de Ações Coordenadas

As 27 instituições integrantes do Grupo de Ações Coordenadas utilizarão seus recursos e infraestrutura já existentes para atuação integrada aos demais membros.

22 de janeiro de 2022

Eduardo Bolsonaro e Mário Frias atacam publicamente os irmãos Weintraub

Eduardo Bolsonaro e Mário Frias trocaram farpas nas redes sociais com os irmãos Weintraub, agora ex-aliados do presidente Jair Bolsonaro e que estão de volta ao País.

22 de janeiro de 2022