domingo, 14 de julho de 2024

faça parte da Comunidade RT1

Parintins planeja construir três novas UBS's para atender zona rural

Em entrevista ao RealTime1, secretário de saúde Clerton Rodrigues falou sobre os principais avanços que ocorreram no município nos últimos dois anos.
COMPARTILHE
Foto: Márcio Costa/Semsa Parintins

A Prefeitura de Parintins planeja melhorias em suas unidades médicas na zona urbana e ampliação no atendimento na zona rural nos próximos anos. Entre os projetos está a reforma do hospital Jofre Cohen e a construção de três novas Unidades Básicas de Saúde (UBS) para atender as comunidades mais afastadas da cidade, afirma a Secretaria Municipal de Saúde (SEMSA).

Atualmente, o município conta com 16 UBS’s, sendo dez na cidade, cinco no interior e uma UBS fluvial, e mais três unidades estão sendo projetadas para atender as comunidades próximas à Serra da Valéria, Rio Tracajá e Rio Uaicurapá.

Parintins possui, ainda, uma Unidade de Pronto Atendimento no Bumbódromo e o Hospital Jofre Cohen, com cerca de 160 leitos. Além de dois Centros de Atenção Psicossocial (CAPS 2 e CAPS AD), Policlínica Padre Vitório, laboratórios, Banco de Sangue, Central de Resgate, Centro de Telemedicina e Centro de Especialidades Odontológicas.

Em entrevista ao RealTime1, o secretário de saúde do município, Clerton Rodrigues, elencou os principais avanços que ocorreram nos últimos anos, principalmente na medicina intensiva, nefrologia e pediatria.

“Os maiores avanços estão no funcionamento de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) no hospital Jofre Cohen, compradas com recursos próprios da Prefeitura, por meio de um programa de antecipação de impostos; início de tratamento de Hemodiálise no município de Parintins; inauguração de moderno Centro de Neonatologia dotado com UTIs Neonatal, sendo que o custeio se dá em parceria com o Governo do Estado”, destacou.

Receba notícias do RT1 em primeira mão
quero receber no Whataspp
Quero receber no Facebook
Quero receber no Instagram

Conforme o secretário, Parintins realiza mais de 2 mil cirurgias por ano, através do Programa de Cirurgias Eletivas Diárias e Jornadas de Cirurgias Gerais e Oftalmológicas.

Zona rural

Na zona rural, os atendimentos são realizados pela UBS Fluvial Lígia Loyola, que viaja 5 dias por semana e percorre todas as calhas de rio da região.

Segundo Clerton Rodrigues, mais de 70 mil atendimentos de saúde foram realizados nessas áreas mais afastadas. Ele cita, ainda, o projeto de atendimento Médico Especialistas, que atende as comunidade rurais.

Otávio Vislley, do RealTime1

Leia mais:

COMPARTILHE