quarta-feira, 17 de julho de 2024

faça parte da Comunidade RT1

Manaus afasta empreendedores por falta de infraestrutura e pessoal

O estudo é útil para gestores públicos, organizações de apoio, empreendedores e mídia interessados em estimular a atividade empreendedora e impactar a economia das cidades.
COMPARTILHE
MEIs
É sempre desafiante tirar férias quando você é empreendedor e não conta com um time. Foto: Divulgação)

Uma das cinco cidades com maior Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil, Manaus ainda patina no quesito empreendedorismo. Conforme levantamento realizado pela Escola Nacional de Administração Pública (Enap), a capital amazonense está na 22ª posição no ranking nacional liderado por São Paulo, Florianópolis e Joinville. 

Problemas relacionados à infraestrutura e recursos humanos tiveram o pior desempenho na avaliação do estudo.

Manaus apresentou, em geral, média de 6,66 pontos no Índice de Cidades Empreendedoras (ICE) 2023.

Entre as capitais da região Norte, Boa Vista, em sexto lugar, é a melhor colocada. Em seguida aparecem Macapá (9º), Palmas (15º), Manaus (22º), Porto Velho (32º), Belém (60º) e Rio Branco (69º). 

O que o índice avalia?

O ICE 2023 leva em consideração sete pilares: ambiente regulatório, infraestrutura, mercado, acesso a capital, inovação, capital humano e cultura empreendedora.

Receba notícias do RT1 em primeira mão
quero receber no Whataspp
Quero receber no Facebook
Quero receber no Instagram

Dentro desses sete pilares, a melhor média de Manaus está em Cultura Empreendedora, com 7,04, que a coloca em décimo terceiro lugar.

As duas piores médias da capital amazonense foram em Capital Humano (4,55) e Infraestrutura (4,72), colocando a cidade em 94º lugar e 93º, respectivamente, no ranking nacional.

A média de Manaus em relação aos outros determinantes avaliados são Ambiente Regulatório (26º), Mercado (22º), Acesso a Capital (70º) e Inovação (34º).

O Índice de Cidades Empreendedoras (ICE) 2023 é útil para gestores públicos, organizações de apoio, empreendedores e mídia interessados em estimular a atividade empreendedora e impactar a economia de seus municípios.

Os dados completos do estudo podem ser acessados em ranking ICE 2023

Da Redação

Leia Mais:

COMPARTILHE